in

Otome não é feminino de Otaku! Como surgiu o termo?

Compartilhe nas redes sociais:

Otome. Já ouviu essa palavra antes? Caso você seja parte da comunidade otaku brasileira, provavelmente sim. Muitos otakus brasileiros, ignorando a natureza das palavras, acabam usando termos sem saber o real significado. O próprio termo “otaku” em si já é depreciativo no Japão, vide a história da origem desse termo.

Muitos otakus brasileiros erroneamente associam o termo otome como uma versão feminina de otaku. Acontece que Otome (乙女) significa “donzela” na língua japonesa, mas, no contexto de uma moça pura e virgem. Nada tem a haver com o obsessão de mangás, animes, games, etc.

Não dá pra saber quando isso exatamente começou, qual foi a confusão feita e quem fez tal confusão. Eu só percebi o pessoal usando esse termo nas páginas e grupos do Facebook relacionados à animes/mangás.

Em meados de 2011/2012, haviam várias páginas de otakus no Facebook que, provavelmente, ainda estão ativas só que já não chamam tanta atenção como antes. Também, o alcance das páginas do Facebook diminuiu em 90%…

Por que usam o termo Otome?

Alguns Otakus ocidentais afirmam que esse termo se originou por causa de uma rua chamada Otome Road em Tokyo onde existiam várias lojas de produtos destinados aos otakus, mas que era predominado por meninas. As lojas dessa rua eram famosas por vender mangas e animes Yaois.

Por causa do grande número de meninas otakus que frequentam a Otome Road, o termo começou a ser usado erroneamente por fans de animes no ocidente para diferenciar os otakus. Provavelmente algum estrangeiro que morava no Japão espalhou esse termo no ocidente através de fóruns como 2chan e 4chan ou canal no youtube.

A Otome road fica localizada em Ikebukuro – Tokyo

Otaku é uma palavra unissex. Ou seja, serve para ambos os sexos feminino e masculino. No entanto, ainda tem uma galerinha que fica forçando “HURR DURR QUER SER MINHA OTOME?”. Em pleno 2018. Se bem que, eu mesmo nem gosto de ser chamado de otaku porque já faz um tempo que estou por fora dessa parada…

Um termo mais apropriado para a maioria das garotas que frequentam a Otome Road deveria ser Fujoshi, já que elas amam yaoi e não tem nada de pureza.

Otaku no Japão é um termo pejorativo que envolve não apenas fans de animes mas pessoas viciadas em qualquer coisa. Recomendamos ler outros artigos relacionados abaixo:

Compartilhe nas redes sociais:

Você gostou do artigo?

1 ponto
Upvote Downvote

Total de votos: 1

Upvotes: 1

Upvotes percentage: 100.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários do site

Confucionismo no Japão – Introdução e Influência

Como disfarçar e fingir ser fluente em japonês