in , ,

Tokio Jokio – Propaganda racista da Segunda Guerra Mundial

Compartilhe nas redes sociais:

No próprio Japão, vemos os personagens japoneses sendo retratados nos animes de forma oposta à sua aparência na realidade. Cabelos coloridos, olhos grandes e estatura alta.

No ocidente, em certos desenhos como South Park, suas características são exageradas, sendo desenhados com olhos muito pequenos, óculos grandes, dentes de cavalo, cara de pateta e uma estatura extremamente baixa com a intenção de satirizá-los.

Mas essas caricaturas de hoje, não são nada comparados a um curta-metragem feita pela Warner Bros. Pictures em 1943, em plena Segunda Guerra. O curta chama-se Tokio Jokio e você pode encontrá-lo facilmente no YouTube pois como a Warner Bros não renovou os direitos autorais, a animação tornou-se de domínio público.

A animação do Tokio Jokio

O curta Tokio Jokio dura cerca de 7 minutos e a animação começa com o narrador dizendo:

“Atenção, por favor! Esse filme lançado para o público foi capturado do inimigo! É um exemplo de propaganda maligna Japanazista!”

Em seguida, a imagem muda para um galo prestes a cantar quando, de repente, um abutre dentuço e com óculos grandes sai de dentro do galo dizendo: “Cocoricó, por favor!” em sotaque japonês.

E então, a imagem muda para um texto escrito “Defesa Civil” e logo muda para a imagem de uma vila enquanto o narrador fala sobre a “melhor sirene de ataque aéreo” e mostra dois japoneses se alfinetando no traseiro e gritando.

Em seguida, a cena corta para o “posto de escuta” que é basicamente um poste cheio de buracos de fechaduras e depois corta para o “pintador de aeronaves” literalmente enfeitando um avião com pintas.

O narrador então fala sobre a “sede de prevenção de incêndios” com a cena mostrando escombros da tal sede. O narrador em seguida diz: “Oh, caramba! Tarde demais!

A cena faz a transição para uma imagem com uma bomba incendiária acesa com um texto escrito “Bombas Incendiárias: Primeira Lição” e então, aparece um japonês com um guarda chuva.

Tokio Jokio - Propaganda racista da Segunda Guerra Mundial

Como o curta animado termina?

Então, um texto aparece: “Fique longe de bombas incendiárias durante 5 segundos” e o japonês olha seu relógio e conta 5 segundos. Depois, ele se aproxima e começa a assar salsicha perto da bomba que explode em seguida.

Então, a cena muda para as “Dicas de Cozinha” onde mostra Hideki Tojo (primeiro ministro japonês na época) ensinando a fazer um sanduíche feito de papel e em seguida dando uma porrada na sua própria cabeça.

Depois, a cena muda para o “traje de vitória dos japoneses em que não há mangas, pregas, lapela e nem uniforme” enquanto mostra um japonês semi-nu passando frio se aquecendo com uma vela.

A cena muda para as “Personalidades Principais” mostrando o Almirante Isoroku Yamamoto (responsável por planejar o ataque a Pearl Harbor) andando em um par de pernas de pau para parecer mais alto, explicando sua intenção de negociar termos de paz na Casa Branca.

Uma nota do editor aparece cobrindo a tela dizendo: “Essa é a sala reservada para o Almirante Yamamoto” e, em seguida, mostra uma cadeira elétrica. No curta, também aparecem os ditadores Adolf Hitler e Benito Mussolini sendo satirizados.

Qual era a intenção do Tokio Jokio?

Na época, Japão e Estados Unidos estavam em guerra e os americanos produziram tal animação para desmoralizar o inimigo e fazer uma propaganda anti-japonesa. Na guerra, era comum propagandas desmoralizando o inimigo (tanto do lado Aliado quanto do Eixo) e melhorando a auto-estima da nação.

Hoje em dia, esse tipo de propaganda é considerada racista e não seria colocado no ar devido ao conteúdo da animação. A Warner Bros. propositalmente não renovou os direitos autorais do curta pois queria fazer com que a animação caísse no esquecimento.

E você? Conhecia essa propaganda Tokio Jokio? Qual a sua opinião sobre o assunto? Gostaríamos de ouvir mais nos comentários e ter seu possível compartilhamento.

Compartilhe nas redes sociais:

Você gostou do artigo?

0 ponto
Upvote Downvote

Total de votos: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Um comentário

Deixe uma resposta
  1. O Japão também chegou a fazer animações desse tipo na época da segunda guerra também também? Se sim, poderia fazer um artigo mostrando elas. Outra coisa que acho que seria interessante mostrar, seria a história de Pearl Harbor e dos ataques kamikazes.

Comentários do site

Torcedores de futebol japoneses dão exemplo ao Brasil

Soroban – O que é um ábaco japonês?