História do Japão Imperial – Segunda Guerra Mundial e Queda

,
Post by //

Você conhece a história do Japão Imperial? Como foi sua queda e os acontecimentos na segunda guerra mundial? Neste artigo vamos responder todas essas perguntas. Recomendamos que leia antes nosso artigo sobre o Japão imperial clicando aqui.

Em 1929, com a Grande Depressão causada pela queda da bolsa de valores, o Japão, assim como vários outros países, foi afetado pela crise econômica e, para prosseguir com a industrialização, o Japão teve que importar o material necessário visto que, havia uma grande escassez desse material nas terras nipônicas.

Importando ferro, borracha e óleo dos americanos, o Japão conseguiu se reerguer economicamente e, para se manter assim em meio a uma depressão econômica, os japoneses viram uma oportunidade de obter tais materiais da China (mais especificamente na região da Manchúria).

Com o pretexto de libertar o povo Manchu daquela região, o Japão, em 1931, invadiu e conquistou a China, estabelecendo um estado marionete batizado de Manchukuo.

Em 1937, houve a Segunda Guerra Sino-Japonesa, que para a China era uma péssima época para entrar em guerra pois os chineses já tinham seu próprio conflito interno, com os nacionalistas e comunistas disputando o controle do país.

História do Japão Imperial - Segunda Guerra Mundial e Queda

Durante esse conflito, o Império do Japão, em 13 de dezembro de 1937, cometeu uma atrocidade, ainda não muito bem reconhecida pelos próprios japoneses até hoje, que ficou conhecida como Massacre de Nanquim. O episódio ocorreu na capital chinesa de Nanquim onde as tropas do Exército Imperial Japonês assassinaram um total de 300 mil soldados e civis e ainda cometeram estupro e pilhagem por toda Nanquim.

Pacto com a União Soviética

Durante os anos de 1938 e 1939, o Japão tentou invadir e tomar as terras dos soviéticos, no entanto, o Exército Vermelho conseguiu impedir que as tropas japonesas fossem mais adiante e conseguiu derrotar a 7ª Divisão e 23ª Divisão do Exército Imperial Japonês.

Visto que invadir a União Soviética era fútil e inviável, os japoneses assinaram um pacto de neutralidade com os soviéticos em 1941 para evitar futuros conflitos.

Pacto com a Alemanha e Itália

Após a invasão da China e as atrocidades cometidas pelos japoneses no país, os americanos começaram a se virar contra os japoneses e a opinião pública se tornou desfavorável ao Japão.

Em 1940, o Japão Imperial assinou o Tratado Tripartite com a Alemanha Nazista e a Itália Fascista e assim, os três países se tornaram os poderes do Eixo.

História do Japão Imperial - Segunda Guerra Mundial e Queda

A Queda do Império

Em 1941, com o ataque a Pearl Harbor e, com a esperança de desestabilizar os americanos, os japoneses viram uma oportunidade para estender seu império por toda a Ásia.

No entanto, isso se provou o oposto visto que, os americanos conseguiram se recuperar do ataque em pouco tempo e decidiram declarar guerra ao Japão. Como resultado, a Alemanha e Itália declararam guerra aos Estados Unidos.

Em 1942, o Japão começou a ter perdas significativas nas batalhas em ar, terra e mar. Os estrategistas militares japoneses começaram a ficar conscientes da diferença desfavorável entre o potencial industrial do Império do Japão e o dos Estados Unidos.

Em 1943, o Japão começou a lutar na defensiva e se manteve assim pelo resto da guerra. Em 1944, as forças Aliadas já haviam neutralizado todas as bases estratégicas japonesas o que deixou a economia japonesa em frangalhos e o país não tinha mais como suprir seus exércitos. E então, os americanos lançaram uma campanha de bombardeamento ao Japão, começando com bombas incendiárias.

História do Japão Imperial - Segunda Guerra Mundial e Queda

Em 1945, com a intenção de fazer os japoneses se renderem, os americanos lançaram duas bombas atômicas em Hiroshima e Nagasaki em 6 de agosto e 9 de agosto, respectivamente. Com a guerra já perdida, em 15 de agosto de 1945 o Império do Japão se rende aos Estados Unidos e assim, o Japão reconheceu a sua derrota na Segunda Guerra Mundial.



Pós-guerra do Japão

Após a rendição do Japão, os Estados Unidos ocuparam o país iniciando um processo de reconstrução e desmilitarização do Japão. Com isso, o Império do Japão foi dissolvido em 1947 e uma nova constituição foi estabelecida, abolindo a Constituição de Meiji de 1889, dando origem ao Japão Moderno.

Gostou do artigo? Então comente e compartilhe com os amigos. Recomendamos ler também:

[Total: 6 Nota: 4]
Por Favor! Compartilhe Nosso artigo:


Comentários do site