Hanagoe – Japoneses falando com nariz

, ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

[BAIXE GRÁTIS] Clique aqui para baixar gratuitamente Nosso Livro!

Já reparou em alguma loja um japonês falar com uma voz anasalada? Hoje vamos falar sobre o bizarro Hanagoe, que refere-se a voz nasal, uma técnica usada por alguns empregados em lojas de conveniência e outros comércios japoneses.

Hanagoe [鼻声] também já chamado de bisei e também bion [鼻音] refere-se a nasalidade exagerada na fala, que costuma ser comum em algumas palavras e dialetos, mas que também costuma ser vista em comércios o que assusta alguns estrangeiros.

Alguns atendentes de vendas, especialmente em lojas de conveniência e supermercados japoneses, cumprimentarão constantemente os clientes com o habitual ‘Irrashaimase‘ que significa bem vindo, além de usar outras frases padrões durante todo o seu turno…

Hanagoe - japoneses falando com nariz

Sem problemas com isso, mas essas saudações nasais em particular são extremamente superficiais e robóticas, e as chamadas foram estilizadas longe das palavras reais em uma única sílaba ou talvez duas, sílabas através do nariz em uma entonação de longa ascensão.

Alguns funcionários são ensinados e incentivados a usar a voz nasal ou hanagoe para proteger suas cordas vocais e criar uma “atmosfera animada”. A primeira impressão é importante, então os atendentes se esforçam na primeira palavra.

Se você tentar fazer uma voz alta na multidão, vai doer a sua garganta e vai acabar com sua voz. Cantarolar ou usar o nariz são técnicas que evitam o desgaste da garganta e permite uma voz mais alta e acessível, mas eu pessoalmente não conheço essa técnica.

Hanagoe - japoneses falando com nariz

Dizem que o método usado é fechar a boca e a garganta e pronunciar um pouco sem colocar muita pressão no estômago, e você obterá aquele tom de voz único. No entanto, não deve ser uma voz mecânica desagradável, alguns japoneses empenham numa bela voz.

Os atendentes também são incentivados a cuidar da sua garganta, mantendo ela hidratada, fazer uso do sotaque local, sempre sorrir ao cliente e usar uma linguagem formal e educada, mudando a entonação de acordo com a situação.

Você fazia ideia disso? Já tinha percebido a voz anasalada dos japoneses na loja? Se gostou do artigo compartilhe e deixe seus comentários.

Compartilhe com seus Amigos!

Comentários do site