Gatos no Japão – Entendendo a paixão japonesa por gatos

, , ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

[BAIXE GRÁTIS] Clique aqui para baixar gratuitamente Nosso Livro!

Enquanto no Brasil os cães dominam os lares brasileiros, no Japão os gatos mandam. Se você conhece bem a cultura japonesa deve ter reparado a paixão e obsessão dos japoneses por gatos.

Basta navegar no Instagram de alguns japoneses e encontrar diversos perfis cheios de fotos de gatos. Neste artigo vamos entender um pouco da paixão e influencia dos gatos no Japão.

Por que os japoneses amam gatos?

Os japoneses amam gatos porque eles são fofos, limpos e fáceis de manter como um animal de estimação. Ter um animal de estimação pode ser trabalhoso no Japão, já que muitos não possuem tempo ou moram em apartamentos.

 Para maioria dos japoneses, ter um cachorro está fora de questão. Já um gato pode sair muito mais barato e fácil. Diferente dos cachorros, os gatos se limpam, andam ao redor do bairro sozinhos, não se importam em ficar sozinhos o dia inteiro e não incomoda tanto o dono querendo atenção enquanto ele está em casa.

Claro que muitas outras coisas históricas e culturais estão envolvidas na paixão dos japoneses pelos gatos. Até mesmo a cultura kawaii da mais destaque a gatos do que outros animais.

Pra entendermos mais sobre os gatos no Japão, precisamos conhecer sua história no arquipélago japonês. Outro motivo é o fato dos gatos estarem relacionado com sorte no Japão. Para budistas e xintoístas, os gatos são representados como criaturas sagradas e amaldiçoadas.

Gatos no japão - entendendo a paixão japonesa por gatos
Café de gatos no Japão

A história dos gatos no Japão

Registros mostram que os gatos no Japão foram importados da China e inicialmente foram vistos como um animal de luxo, apenas para os ricos e nobres. Os gatos eram extremamente raros no passado, eles não eram usados para caçar ratos mas sim como sinal de boa sorte.

Alguns desenvolveram a ideia de que ter um gato em sua loja ou comercio traria boa fortuna ou sorte, criando assim o famoso símbolo do maneki-neko. Não é apenas nos dias de hoje, mas desde meados de 1800 gatos já existiam em trabalhos e obras de artes japonesas. 

No período Edo (1603-1868), Hiroshige Utagawa e Kuniyoshi Utagawa pintaram gatos, e no período Meiji (1868-1912), o grande romancista Soseki Natsume escreveu uma novel com nome de “I Am a Cat”, que se tornou uma famosa obra-prima da literatura japonesa.

A importância do gato no Japão também teve relação com ratos. Todos sabemos que o Japão planta muito arroz, os gatos eram necessários para proteger o arroz dos ratos. 

Existem diversos santuários que adoram gatos como deuses no Japão, atualmente eles também exercem bastante influência na cultura japonesa. Lugares que mostram vestígios da relação entre gatos e pessoas estão espalhados por todo Japão.

Gatos no japão - entendendo a paixão japonesa por gatos

A influência dos gatos no Japão

Os gatos ganharam ainda mais fama no Japão devido a influência da mídia japonesa. Além das diversas obras do passado, o surgimento da Hello Kitty foi um dos grandes impulsos pela paixão japonesa pelos gatos. Em Jinbocho/Tokyo, existe até mesmo uma biblioteca/livraria especializada em livros relacionado a gatos chamada de Nyankodo.

Gatos no japão - entendendo a paixão japonesa por gatos

Outra grande exemplo da paixão japonesa por gatos são os neko-café espalhados por todo Japão que permite que pessoas possam brincar com gatos enquanto desfruta de um café.

O gato apresenta grande importância até mesmo nos animes, seja como personagem ou como referencia nos cosplayers com orelhas de gato. Isso sem mencionar as inúmeras ilhas cheias de gatos espalhadas pelo Japão. Onde existem mais gatos que moradores.

Na internet, já na década de 90 os gatos se tornaram famosos nas revistas, blogs, e-mails e albuns na internet. Se tornaram personagens principais de memes, e teve grande participação em vídeos do youtube e posts do 4chan.

Ainda hoje os gatos continuam sendo culturalmente influentes e relevantes na internet, existem dezenas de páginas em rede sociais e vídeos em sites de compartilhamento de mídias como youtube e nico nico douga.

Gatos no japão - entendendo a paixão japonesa por gatos

Bobtail Japonês – miIke

O Bobtail Japonês ou mi-ke [三毛] é uma raça de gato originária do Japão. Seu nome representa sua caractéristica única que consiste em três [三] cores diferentes em seu pelo [毛].

O miike é uma das poucas raças famosas de gato do Japão. Uma de suas características é seu rabo curto e enrolado que lembra bastante um cachorro cotoco. Ele também pode nascer com olhos de cores diferentes.

O gato é perfeito para se criar em casa devido sua inteligência, temperamento e capacidade de aprender as coisas. Ele é tranquilo, fiel, amigável, curioso, afetuoso e sociável, se adaptando facilmente a mudanças.

Gatos no japão - entendendo a paixão japonesa por gatos - gato mike animal japones 1

os gatos mais famosos do Japão

No meio dessa história, alguns gatos se destacaram devido a sua fama na internet ou em determinado local do Japão. Vamos listar abaixo esses gatos que influenciaram ou representaram o Japão de alguma forma:

Espero que tenham gostado deste pequeno artigo! Você gosta de gatos? Acha que faltou algo a acrescentar em relação aos gatos no Japão? Agradecemos aos comentários e compartilhamentos.

Vídeos de Gatos do Japão

Compartilhe com seus Amigos!

5 comentários em “Gatos no Japão – Entendendo a paixão japonesa por gatos”

  1. Gatos nao sao limpos, lamber-se com a lingua nao faz de um animal limpo, pelo contrario, e tao sujo e infecioso quanto qualquer outro, nao sao fofos mas sim macios, nao sao amigos mas sim bixos oportunistas. e de praste que os “otakus ocidentais” sao como baba ovos dos asiaticos, entao se eles gostam desses bixos, logo voces vao achar legal, e maira vai com as outras.

    Responder
    • Gatos são os animais de estimação de estatística mais populares não do Japão, mas do mundo inteiro, se for pensar dessa maneira da língua, todo animal é nojento então… Ao contrário do que você diz, cientistas já provam e confirmam que gatos podem é melhorar nossa saúde. Diminuem alergias e são leais e não oportunistas. Se tu não gosta de gatos, o problema é seu, da mesma forma que eu não gosto muito de cachorros, não saio denegrindo eles, e até acho alguns bonitinhos, mas não vem bostejar coisas sem sentido sobre animais, todos são fofos. Seu comentário já mostra que não sabe nada sobre gatos, nunca imaginei que veria Haters de animais, isso daqui não é nenhum Fórum Gamer.

      Os felinos estão entre os animais mais limpos que existem entre os animais. Se acha gatos sujos então fique longe de todos os animais… Mas já que é pra falar sobre animais sujos, vamos falar do cachorro, toda vez que eu vo na casa do meu amigo, aquele cheiro infernal de mijo, Cachorro em si já fede por não transpirar pelas patas… Os cachorros não param de pedir comida sem parar, não pode ver a gente comendo fica com aquela carinha infernal, depois gato que é interesseiro? E apesar de todos esses pormenores, também gosto dos cães.

  2. Me identifiquei.
    Gatos são fofos demais (e independentes o melhor de tudo)

    Engraçado é que esse domínio felino está prestes a acontecer no Brasil tbm.

    As pessoas não tão tendo tempo pros cãezinhos.

    Responder

Comentários do site