Yoshinoya: A rede de fast food Japonesa

[ADS] Anúncio

Você ama um fast-food? E fast-food japonês? Yoshinoya (𠮷野家) é uma rede japonesa de restaurantes fast-food, especializada em servir gyudon (tigela de arroz com carne bovina). É a segunda maior rede do gênero em número de lojas no Japão. Também possui filiais na China, Hong Kong, Taiwan, Filipinas, Singapura, Malásia e Estados Unidos.

No Japão, também é conhecido como “Yoshi-Gyu” (abreviação em japonês de “Yoshinoya no gyudon“, que significa “gyudon da Yoshinoya”). O lema do restaurante é: ”Saborosa, barata e rápida”. A maioria dos restaurantes Yoshinoya funcionam 24 horas por dia e 365 dias por ano. Os estabelecimentos se localizam em pontos estratégicos como perto de estações ferroviárias ou em rodovias.

No interior de um restaurante da Yoshinoya é composto por balcões e mesas, onde ficam dispostos gratuitamente beni-shoga, shichimi e shoyu para quem comer no estabelecimento. Também oferece comida para viagem, exceto os teishokus, e em algumas filiais há o serviço de drive thru. Em algumas unidades são servidos macarrão soba e tempura também.

Yoshinoya - yoshinoya: a rede de fast food japonês

História do Yoshinoya

O Yoshinoya é bem antigo, fundado em 1899 com sede em Tokyo no mercado de peixes Nihonbashi, seu fundador é Eikichi Matsuda. O seu nome deriva de Yoshino (吉野), a terra natal de seu fundador, juntado com Ya (家) que significa “casa” em japonês. Em 1 de setembro de 1923, o mercado foi vítima do terremoto chamado de Grande sismo de Kantō. Então, três anos mais tarde o Yoshinoya mudou-se para o novo mercado de peixes em Tóquio, o Tsukiji.

A rede abriu sua primeira loja 24 horas em 1952. Já em 1958, a fim de obter mais lucro as redes de fast-food mudaram para restaurantes autônomos para sociedade por ações. A primeira franquia da loja foi aberta em Shinsaibashi, em 1968. No ano de 1975 foi aberta a primeira rede de fast-food americana aberta foi o Yoshinoya, no Colorado.

Yoshinoya - yoshinoya: a rede de fast food japonês

O String Fixer explicou mais detalhes sobre o logotipo da Yoshinoya. A imagem lembra um chifre de touro e foi inventado pelo fundador da Yoshinoya. A ideia do chifre de touro tem relação com a letra inicial do nome inglês de Yoshinoya, “Y”. A corda ao redor do chifre representa uma luta de sumô japonês.

O nome da corda “Yokozuna” (equivalente a “vencedor”), representa a qualidade da comida servida no Yoshinoya. A corda é composta por 27 grãos de arroz, apenas os melhores lutadores de sumô recebem ela. O logotipo sugere que Yoshinoya vende as “melhores tigelas de carne”. 

A maior parte da carne no Japão vem dos Estados Unidos, mas em 2003 ouve proibição de importação de carne bovina devido a casos da doença da vaca louca. Nessa época não tinha tanta variação de pratos como tem atualmente. Nesse tempo, tiveram que substituir o prato gyudon, que era o carro chefe do restaurante por outras comidas.

Foi quando surgiu o “butadon” (“buta” significa porco e “don” tigela), que utilizava a carne suína invés de bovina, e introduzido o karê como um dos pratos principais. Conforme o passar do tempo fora surgindo pratos diferentes.

Yoshinoya - yoshinoya: a rede de fast food japonês

Em dezembro de 2005, o Japão concordou em remover a restrição à importação de carne bovina dos Estados Unidos. No ano seguinte, as importações pararam novamente porque os inspetores encontraram peças de gado proibidas em um carregamento dos Estados Unidos. Em junho de 2006, o Japão suspendeu a proibição de importações novamente e, em 31 de julho de 2006, Yoshinoya publicou novamente a carta prometendo retomar o serviço da tigela de carne em cerca de dois meses. 

Mas, só em 1 ° de dezembro de 2006, eles começaram a servir tigelas de carne bovina diariamente, embora em horários limitados. e em 17 de março de 2008, Yoshinoya anunciou que retomaria as vendas de 24 horas da tigela de carne, estendendo-se por suas então 1.040 lojas em todo o país até 20 de março de 2008.

Yoshinoya tem uma rede de lojas no Japão, Estados Unidos, Hong Kong, Camboja, China, Indonésia, Malásia, Filipinas, Cingapura, Taiwan e Tailândia.

Serviços oferecidos no Yoshinoya

Os restaurantes Yoshinoya do Japão costumam servir chá-verde e água como cortesia. Também altera o volume de caldo do gyudon a pedido do cliente, sem nenhum custo extra. Tsuyu-daku: é um termo utilizado para pedir que aumente o caldo do gyudon. Tsuyu-nuki: é um termo utilizado para pedir que diminua o caldo do gyudon.

No Yoshinoya é oferecido gyudon, karê, teishoku (prato combinado em japonês) e acompanhamentos para o gyudon. Também serve pratos matinais, chamados de asa-teishoku (asa que significa manhã e teishoku prato combinado) das 5h às 10h.

Yahoo - curiosidades sobre o yahoo no japão

Principais pratos

  • Gyudon: pode ser escolhido entre 3 tamanhos: namimori (normal), ōmori (grande) e tokumori (especialmente grande).
  • Gyu-Sara: é apenas a carne com cebola do gyudon, sem o arroz. Também pode ser escolhida entre 3 tamanhos como o gyudon.
  • Karê: arroz coberto por molho curry. Pode ser acrescido de carne com cebola igual a do gyudon.
  • Gyushake-Teishokugyu-sara pequeno, truta, arroz, missoshiru e porção pequena de oshinko.

Sopas

  • Missoshiru: sopa de massa de soja.
  • Kenchinjiru: sopa de shoyu contendo raízes comestíveis, kon’nyaku, abura-age e frango.
  • Tonjiru: sopa de missô contendo raízes comestíveis e carne suína.

Acompanhamentos

  • Tamago: ovo cru. Normalmente colocado sobre o gyudon, misturado e degustado junto.
  • Hanjuku-Tamago: ovo cozido mal passado. Degustado da mesma forma que o ovo cru.
  • Oshinkō: conserva de verduras.
  • Kimuchi: conserva apimentada no estilo coreano de acelga.

Pratos matinais

  • Nattō: soja fermentada. Normalmente colocado sobre o arroz, com o qual é misturado e degustado junto.
  • Nori: folha crocante feita de algas marinhas.
  • Nattō teishokunattō, ovo cru, nori, arroz, missoshiru e uma pequena porção de oshinkō.
  • Yakisakana teishoku: truta, nori, arroz, missoshiru e oshinko.
  • Toku-asa teishoku (teishoku especial da manhã): nattō, ovo cru, truta, nori, arroz, missoshiru e oshinko.

Gostaria de comer nesse restaurante?

Compartilhe Este Artigo: