Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão?

, , ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

[ATENÇÃO] Quer aprender Japonês? Clique e conheça o Clube Nihongo Kakumei!

Compartilhe com seus Amigos!

Por algum motivo estranho, qualquer material erótico e pornográfico lançado oficialmente no Japão possui censura nas partes íntimas. Eles simplesmente deixam pixels, tarjas, mosaicos e quadrados embaçados para censurar as partes íntimas.

Os seios é uma das poucas coisas que escapam da censura japonesa. Neste artigo vamos ver porque existe essa lei e o que a industria faz para contornar isso. Vamos começar vendo como a censura começou no Japão.

Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão? - metodo fan art2 1

Como a censura no Japão começou?

Para entender melhor o porque a pornografia é censurada no Japão, devemos voltar a Restauração Meiji que começou em 1868. Antes dessa época o Japão não tinha um senso de moralidade. Ainda hoje esse senso é meio ausente.

Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão?

A visão dos japoneses eram muito liberal em relação a sexualidade e a prostituição era um negócio comum no Japão.  Existiam até mesmo histórias e registros religiosos eróticos que envolviam samurais, gueixas e até atos homossexuais.

Na tentativa de modernizar o Japão, o Imperador Meiji sentiu a necessidade de adotar um senso de moralidade da Inglaterra Vitoriana que condenava pensamentos sexuais e a arte.

No ano de 1907 o Artigo 175 do código penal proibia a venda e distribuição de materiais obscenos que estavam sujeito a multas e prisão. Foi interpretado que as genitálias humanas e os pêlos pubianos eram considerados obscenos, o que levou artistas a reduzirem a criação de pornografia por medo de prisão.

Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão? - censura7 2

Antes da guerra mundial, a censura era muito maior e proibia até mesmo a nudez. Após a segunda guerra mundial os Estados Unidos aboliu todas as formas de censura e controle de liberdade de expressão.

Porém o artigo 175 foi mantido intacto, continuando a proibir qualquer exibição explícita de partes intimas. No final do século 20 diversas obras eróticas, incluindo animações começaram a aparecer e se popularizar.

Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão? - banner 3

Burlando a censura do Japão

Os japoneses não são proibidos de desenhar suas histórias eróticas sem censura. Eles são proibidos de vende-las sem censura dentro do Japão. Por isso nos anos 2000 era comum a venda de obras japonesas, principalmente os hentais para o ocidente. Atualmente é cada vez mais incomum essas obras irem para o ocidente e ficar sem censura.

Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão?

Para burlar a censura, nos anos 80 começaram a utilizar tentáculos. O governo não era capaz de proibir ou obrigar a censura em tentáculos ou criaturas não humanas. Por isso a maioria dos Hentais tem coisas tão escrotas como aliens e monstros.

Até o final dos anos 90 era proibidos desenhar pelos pubianos, para contornar a lei os autores começaram a desenhar garotas jovens que não tinham pelos em suas partes intimas. Foi assim que começou a surgir o termo lolicon e shotacon.

A popularização de objetos sexuais no Japão como masturbadores e brinquedos teve enorme crescimento também por causa da censura no conteúdo adulto. Tanto nos hentais como nos filmes adultos é frequente o uso de brinquedos para burlar essa lei.

Os japoneses se acostumaram com a censura e não costumam reclamar disso. Alguns especialistas consideram as tarjas e mosaicos uma maneira do leitor japonês justificar o seu hábito e amenizar o ato de se ler pornografia ou dos atos representados ali.

No ocidente vemos algo similar, onde se aceita o erotismo nos filmes, contanto que não sejam visto genitálias. Ainda assim, os japoneses possuem diversos segredos de aumentar a sensualidade e erotismo se duas obras sem quebrar as regras.

Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão?
Você sabe o é Ahegao?

A censura Japonesa deu gosto por outros fetiches

O Japão é conhecido por seus inúmeros e diversificados fetiches, grande parte por causa da censura do conteúdo adulto. Como nos filmes e animes oficiais não se mostra as genitálias, eles precisam focar e dar ênfase a outras coisas que viraram fetiches.

A perversão dos japoneses se tornou tão estranha que eles estão dispostos a reparar pés e também a pequena exposição entre as coxas e pernas das garotas com minissaia. Existe até mesmo um nome para esse local que é Zettai Ryouiki.

Quem não lembra do estranho fetiche de lamber maçanetas? Ou pior, porque nos filmes japoneses temos tantos squirts e bukkake? Por que é a única coisa que da pra ver e excitar com a grande censura exposta no conteúdo adulto do Japão.

Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão? - dagashi kashi comendo doces 800x450 1 4

A roupa e fantasia também se tornou algo chamativo no conteúdo adulto. As vezes leva-se horas para acontecer a ação nos filmes adultos japoneses, porque eles gastam muito tempo focando na roupa, nas curvas e nas posições sem deixar afetar censuras.

Até mesmo a expressão facial das japonesas na vida real e nos animes se tornam destaque criando outro fetiche chamado Ahegao. Os japoneses aproveitam o simples vislumbre de uma calcinha e dão bastante destaque aos seios que não são censurados.

Apesar da lei de censura, o Japão é o país com maior indústria pornográfica do mundo que movimenta 20 bilhões de dólares por ano (contra 12 bilhões dos EUA). Apesar de tudo isso é confuso compreender o objetivo dessa lei.

Será que a censura é tão ruim assim?

Ao longo deste artigo foi citado os benefícios de existir censura no conteúdo adulto, principalmente nos hentais. Isso meio que força a criatividade do autor a elaborar coisas novas e diferentes que chame a atenção do telespectador.

Os Hentais Censurados podem ser considerados um Softporn ou basicamente porno leve. Exaltando principalmente a fantasia, mistério e história da obra, diferente do conteúdo sem censura, que apenas te leva a focar nas partes íntimas.

Qual a sua opinião sobre esse assunto? Espero ver seu comentário e compartilhamento.

Compartilhe com seus Amigos!

35 comentários em “Por que existe censura no conteúdo adulto do Japão?”

  1. À primeira vista a sexualidade no Japão é quase que incompreensível para mim. Eu nasci em 1972, o que me fez pegar na juventude as duas últimas décadas do século XX e eu lhes digo: foi uma loucura! A cultura pop parecia um vulcão em erupção de criatividade. A tecnologia digital, a internet, foi uma explosão que nos lançou a quilômetros de altura num salto tecnológico jamais visto!D repente um monte de aparelhos analógicos foram jogados no lixo e computadores invadiram nossas casas com suas “arrobas” e “pontos.com”. E junto veio o sexo. MUITO mas MUUUUITO SEXO. Foi foda, cara. Literalmente. Muito FODA. E o Japão, pra mim, parece um planeta alienígena, inclusive sexualmente. E eu gosto do Japão, pelo menos até o pouco que conheço…é incompreensível e fascinante. E criativo! Artístico e tecnologicamente, aliás o contraste entre o velho e o novo Japão, em si, já é tema para uma vida inteira de estudos. Enfim: gostei do site, foi isso rs “I’ll be back”!

    Responder
  2. Com todo respeito que o Japão merece. Me parece um falso moralismo. A lei é antiquada e deveria ser revista. Arrecada bastante com a indústria da pornografia e censura o próprio povo. Concordo que devido a isso pode ter aumentado o interesse do povo japonês pela leitura dos hentais e mangás. E não entendo como aqueles programas de gincanas eróticas(mais ou menos iguais as do Pânico na TV) podem ser aceitos com tarja, ou passa tudo ou não passa nada.

    Responder
  3. Como eles conseguem manter essa lei com tanto pornô ocidental na nternet essa sei so proibe produzir ou proibe ver tbm ?

    Responder
    • Proíbe apenas a produção e distribuição local. Tanto que os filmes japoneses lançados no ocidente vão sem censura.

    • Tenho um artigo aqui que fala apenas disso…

  4. Lei antiquada, totalmente ultrapassada, com mais de 100 anos e que não faz sentido algum, não proíbe cenas de sexo mas proíbe partes íntimas, como se o sexo fosse feito sem usá-las. E só para lembrar que censura é péssimo, nada de bom pode vir de censura, onde há censura não há liberdade.

    Responder
    • Mas vale acrescentar que nada de bom vem da pornografia em si… kkkk

Comentários do site