APRENDA JAPONÊS COM SUKI DESU - CLIQUE AQUI

18 Wagashi – Sobremesas japonesas

Wagashi é um tipo de confeitaria tradicional japonesa que é frequentemente servida com chá. Os Wagashi são feitos de uma variedade de ingredientes, tais como farinha de arroz, pasta de feijão e açúcar.

As formas e desenhos dos wagashi são muitas vezes baseados na natureza, como flores, pássaros e animais. Neste artigo iremos ver 18 dessas sobremesas.

A história do Wagashi

Wagashi tem uma longa história no Japão, com a primeira menção registrada de wagashi datando do período Heian (794-1185). Durante o período Edo (1603-1868), a produção de wagashi se tornou mais difundida, com várias regiões do Japão desenvolvendo seus próprios estilos únicos de wagashi.

Hoje, o wagashi é apreciado por pessoas de todas as idades e muitas vezes é considerado presente. Existem muitos tipos de wagashi, desde formas simples até desenhos mais elaborados.

Se você estiver interessado em experimentar wagashi, há muitas lojas e cafés excelentes que vendem wagashi em Tóquio como Kagetsu Arashi, Ichigo Ichie e Kaiyodo.

Quer Aprender a Fazer Wagashi?

Antes de ler o artigo que recomendar a você o curso de Culinária Tradicional Japonesa Wagashi. Você pode ver uma entrevista no Jornal da Tarde sobre Cesar o criador desse curso e suas receitas Wagashi:

1. Namagashi (生菓子)

Namagashi é o termo geral para doces utilizados na cerimônia do chá. Eles devem ser esteticamente agradáveis. Muitos deles são recheados com pasta de feijão azuki.

Namagashi pode conter geleias, gelatinas e outros, eles são feitos de ingredientes naturais e costumam ter uma aparência de natureza como flores e plantas.

Namagashi. Jpg

O artigo ainda está na metade, mas já recomendamos abrir para ler depois o seguinte:

18 wagashi - sobremesas japonesas
Aprenda Japonês Online com Suki Desu (Curso)

2. Sakuramochi (桜餅)

Mochi de sakura são bolinhos de arroz preenchido com pasta de feijão e coberto com uma folha de sakura. Mochi Sakura são comidos para comemorar o dia da menina (Hinamatsuri) no Japão a no dia 3 de março.

Sakuramochi

3. Amanatto (甘納豆)

Amanatto na maioria das vezes são feijões Azuki cobertos de açúcar. Basicamente um jujuba feito de Feijão e outros grãos. Os grãos são cozidos em água com açúcar, e após ser seco coberto com mais açúcar.

Não apenas o Azuki, mas soja e outros feijões podem ser usado para fazer um Amanatto criando assim seu próprio sabor. O Amanatto é mais popular com os idosos acima de 60 anos, é costuma ser servido com chá em lares de idosos no Japão.

Recomendamos ler: Amanatto – A Jujuba de feijão

Amanatto

4. Kompeito (甘納豆)

Candies Kompeito são pequenos doces coloridos de açúcar puro. Eles são redondos e têm pequenas colisões que ocorrem naturalmente como parte do processo de cozimento parecendo uma estrela ou um asteroide.

Kompeito foi introduzido pela primeira vez no Japão por comerciantes portugueses no século XVI. Kompeito são presentes de agradecimento aos visitantes da Casa Imperial do Japão.

Recomendamos ler: Lista de 100 Doces Japoneses

Kompeito

5. Hanabiramochi (葩餅)

Hanabiramochi significa "mochi de pétala de flor". É tradicionalmente servido na primeira cerimônia do chá do novo ano. Esta tradição começou com a Família Imperial. Hanabiramochi tem uma forma diferente e cor.

É preenchido com pasta de feijão-mungo. A forma e as cores do hanabiramochi têm significado simbólico (relacionado ao ano novo).

Deserto japonês hanabiramochi

6.Suama (寿甘)

Suama é uma sobremesa feita de farinha de arroz e açúcar. Ele usa corante vermelho do lado de fora e permanece branco no interior.

Suama

7. Wasanbon (和三盆)

Wasanbon são doces de açúcar coloridos. O açúcar é feito a partir de finos de cana cultivadas localmente em Shikoku, chamado taketo (竹糖) ou chikusha (竹蔗).

Wasanbon

8. Botamochi (ぼたもち)

Um deleite sazonal feito com arroz-doce e pasta de feijão-vermelho.

Botamochi

9. Karukan (軽羹)

Uma sobremesa de Kyushu feito de farinha de arroz, açúcar e inhame japonês.

Karukan japoneses deserto

10. Uiro (外郎)

São bolos mastigáveis e ligeiramente doce. Eles vêm em vários sabores, como o chá-verde, sakura, morango e castanha.

Uiro

11. Dango (団子)

Dango são bolinhos japoneses que são semelhantes aos mochi. Eles são servidos em espetos com três ou quatro. Sabores variam conforme a época do ano. Seu nome significa literalmente grupo de crianças.

Os japoneses comem dango desde o período Jomon, muitos preparados a partir de nozes da floresta, que eles esmagavam para florescer e misturavam com mingau para sobreviver no inverno.

Geralmente Dango pode referir-se a praticamente qualquer coisa redonda num espeto, objeto em forma de bola; algo redondo ou caroços agrupados em conjunto formando uma família.

Recomendamos ler também: Dango – Curiosidades e Receita do Doce Japonês

Dango deserto tradicional japonesa

12. Monaka (最中)

Doce de pasta de feijão-vermelho dentro de um wafer mochi crisp.

Monaka

13. Yokan (羊羹)

Yokan é uma sobremesa de geleia feita de pasta de feijão-vermelho, agar, e açúcar. Eles geralmente têm pó de chá-verde, castanhas picadas, feijão adoçado inteiros ou outros ingredientes suspensas na geleia.

Recomendamos ler também: Yokan – Receita de Gelatina de Algas Japonesa

Deserto japonês yokan

14. Manju (饅頭)

Manju é um doce tradicional japonês feito de farinha de arroz glutinoso e normalmente recheado com anko (pasta de feijão-vermelho). Diz-se que teve sua origem na cidade de Kyoto durante o período Heian (794-1185). Manju pode ser cozido ou cozido a vapor, e a massa é frequentemente moldada à mão em várias formas, incluindo bolas, pirâmides e luas crescentes.

O manju pode ser encontrado na maioria das confeitarias japonesas e é frequentemente oferecido como presente durante ocasiões especiais, como casamentos e nascimentos.

Recomendamos ler: Yaki Manju – Conheça o doce recheado com feijão e sua Receita

Morango manju

15. Kuzumochi (葛餅)

O Kuzumochi é um tipo de mochi (bolo de arroz) feito de amido de kuzu. É feito tradicionalmente no Japão durante os meses de verão. O doce é de cor branca com uma textura suave e mastigável. É frequentemente servido com um xarope doce ou kinako (soja em pó).

O Kuzumochi é feito misturando o amido de raiz kuzu com água e depois fervendo-o. A mistura é então resfriada e moldada em pequenas bolas. As bolas são então enroladas num pó feito de grãos de soja torrados.

Kuzumochi

16. Kusa Mochi (草餅)

Kusa Mochi significa "erva mochi". É mochi feito com pó a partir das folhas da planta artemísia japonesa. É tradicionalmente consumido na primavera. Kusa Mochi é geralmente servido com farinha de soja doce como uma cobertura.

Kusa mochi deserto japonês

17. Taiyaki (たい焼き)

Taiyaki é um bolo em forma de peixe-japonês. É comumente preenchido com pasta de feijão-vermelho, queijo ou creme. Seu nome significa literalmente peixe pargo grelhado. Ele pode ser encontrado com sabores doces e salgados.

O Taiyaki é basicamente uma panqueca ou waffle normal em formato de peixe. Ela é colocada numa grelha com molde dos dois lados. Ela é bastante similar aqueles crepes suíço. E costuma ser grelhado até ficar dourado.

O Taiyaki mais comum é recheado de feijão doce, mas você pode encontrar de chocolate, creme, queijo, chá-verde ou recheados com carne e frango. Trata-se de uma receita com infinitas possibilidades, basta ter a forma em forma de peixe.

Recomendamos ler também: Taiyaki – O famoso bolinho em formato de peixe

Taiyaki

18. Yatsuhashi (八橋)

A especialidade de Kyoto, com a textura de mochi e contém canela. Eles são, por vezes, cozido e crocante. Outras vezes, eles são servidos com recheio de feijão.

Yatsuhashi

Leia mais artigos de nosso site

Agradecemos sua leitura! Mas ficaríamos felizes se você desse uma olhada em outros artigos abaixo:

Leia nossos artigos mais populares:

Você conhece esse Anime?