Yaki Manju – Conheça o doce recheado com feijão e sua Receita

ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

Matrículas Abertas para o curso de Japonês do Ricardo Cruz Nihongo Premium! Clique faça sua matrícula!

Yaki Manju é um doce tradicional japonês, facilmente encontrado em bandejas no mercado. Yaki Manju significa literalmente Manju Assado (grelhado), é um bolinho recheado com doce de feijão azuki, no qual geralmente se faz desenhos de flor antes de assá-los.

O Manju se originou na China e é derivado de um tipo de mochi. Originalmente era conhecido como Mantou, mas no Japão tornou-se conhecido como Manju. Acredita-se que este doce tenha sido trazido em 1341 por um japonês que vivia na China, que passou a confeccionar e a vender esse doce com o nome de Nara Manju. Assim o Manju tem mais de 600 anos de história da culinária japonesa e é considerado um dos doces mais populares do Japão.

Yaki manju - conheça o doce recheado com feijão e sua receita

Lembrando que há diversas variedades de manju, com recheios diferentes. Existe de água (Mizu Manju) de chá verde (Matcha Manju), frito no espeto e até com creme de laranja.

O Yaki Manju é bastante popular na província de Gunma, o vídeo abaixo mostra algumas curiosidades sobre o Yaki Manju e sua influencia.

Receita de Yaki Manju

Agora vamos a uma receita! Se você tem interesse de fazer seus próprios Yaki Manju, veja que não é tão difícil.

Ingredientes

  • Massa
  • 1/2 xícara(s) (chá) de açúcar
  • 2 unidade(s) de ovo
  • 100 gr de margarina derretida(s)
  • 1 colher(es) (chá) de fermento químico em pó
  • 2 xícara(s) (chá) de farinha de trigo
  • Recheio
  • 1 xícara(s) (chá) de feijão azuki lavado(s) e escorrido(s)
  • 1 xícara(s) (chá) de açúcar
  • quanto baste de sal
  • Para untar
  • 1 unidade(s) de gema de ovo
  • 1 colher(es) (chá) de glucose de milho
  • 1/2 colher(es) (chá) de molho de soja

Como fazer a Massa

  1. Numa tigela, misture o açúcar, os ovos e a margarina;
  2. Peneire a farinha de trigo e o fermento;
  3. Acrescente os ingredientes secos à mistura de açúcar e ovos;
  4. Misture bem (a massa deve ficar mole, mas suficientemente encorpada para se abrir pequenas porções na mão e não grudar);
  5. Abra pequenas porções de massa, na palma da mão, formando um bifinho;
  6. Recheie com 1 bolinha de doce de feijão;
  7. Abra outro bifinho de massa e coloque por cima da outra massa cobrindo o recheio;
  8. Aperte as bordas para o pãozinho ficar bem fechado;
  9. Elimine o excesso com um cortador redondo (dessa maneira os pãezinhos ficam de tamanho uniforme);
  10. Distribua os pãezinhos numa assadeira untada e enfarinhada, com espaço de cerca de 2 cm entre eles;
  11. Em seguida, pincele a superfície dos pãezinhos com uma mistura feita com a gema a glucose de milho e o molho de soja;
  12. Leve ao forno médio (200ºC), preaquecido, por 25 minutos ou até a superfície ficar ligeiramente dourada;

Recheio

  1. Cozinhe o feijão na panela de pressão, com 4 xícaras (chá) de água, por cerca de 30 minutos após o início da pressão;
  2. Retire da pressão, escorra e passe o feijão pela peneira, amassando bem até obter uma massa pastosa;
  3. Numa panela, junte o purê de feijão, o açúcar e a pitada de sal;
  4. Leve ao fogo, mexendo sempre, até o doce desprender do fundo da panela;
  5. Despeje num prato e espere esfriar;
  6. Com o auxílio de 1 colher de sobremesa, enrole bolinhas e reserve;
  7. Dicas: – Se a massa ficar mole demais, adicione um pouco mais de farinha de trigo;
  8. Quanto mais farinha adicionada, menos delicada fica a massa;
  9. – Esta receita pode ser congelada: embale a preparação já fria em um filme plástico ou saco que feche hermeticamente, etiquete e leve ao freezer;

Receita retirada do blog “Panela Velha” e Cibercook