Kamaboko, Surimi e Kani-kama – O que são? Diferenças?

, , ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

[ATENÇÃO] Curso Online Gratuito de Japonês! Clique e Faça sua Inscrição!

Compartilhe com seus Amigos!

Você já ouviu falar nos nomes Kamaboko, Surimi e Kani-kama? Esses são diferentes nomes japoneses usados para referir-se a uma carne de peixe prensada bastante popular no Japão que também foi exportado para o Ocidente. Hoje vamos ver o que são e quais suas diferenças.

Kamaboko, Surimi e Kani-kama - O que são? Diferenças? - surimi peixe pasta 1

Surimi – Pasta de Peixe Prensada

Surimi [すり身] é um alimento feito à base de carne ou pasta de peixes brancos. Ele pode ser encontrado em formatos de varas, cubos, bastonetes, medalhões, migalhas, raspas e cortado geralmente em duas cores branco com rosa ou avermelhado.

A produção do surimi se dá primeiramente na transformação do peixe na pasta-basee depois na modelagem dessa base no produto final. Pode ser incluído glutamato monossódico, sal, aromas, corante, amido, clara de ovo, oléo e outros ingredientes.

Essa pasta geralmente é moldada em finas camadas, que são enroladas, tingida com corante vermelho, embalada em plástico a vácuo, cozida na própria embalagem e cortada dentro do plástico em bastonetes, depois congelado (no caso do kani kama).

Surimi x Kamaboko – Qual a diferença? Ambos são a mesma coisa, a diferença é que a palavra japonesa surimi pode também referir-se apenas a pasta de peixe e não ao bolo de peixe em tiras ou outro formato específico como no caso de kamaboko.

Surimi não deve ser confundido com tsumire [摘入] que são bolinhos de peixe, mas sem adição de ovos ou outros ingredientes. Veja abaixo um slideshow apresentando todos os detalhes sobre surimi e sua fabricação:

Kani-Kama – O Carangueijo Falso

Meu pai sempre trazia esse tal de kani-kama para casa, eu sempre comia pensando ser carne de carangueijo, mas na infância nunca me toquei que era apenas uma carne prensada e que as vezes era apenas aromatizado com extrato de caranguejo.

A palavra kani significa literalmente caranguejo e deu origem ao nome do produto. Nas décadas de 60 e 70, a escassez de carne de caranguejo levou os cozinheiros japoneses a inventarem o kani-kamaboko, que rapidamente se popularizou no mundo inteiro.

Na verdade o objetivo do surimi é imitar o sabor e textura de peixes como siri, caranguejo e lagosta. No Brasil é fácil encontrar esse Kani em grandes mercados junto aos frios. Ele também é um ingrediente comum nos sushis brasileiros.

O kani kama é alimento rico em proteína, não tanto quanto peixes. Ele pode ser comido cru, em saladas, acompanhado de molho shoyu ou comido após ser ferventado por algum tempo, temperado com limão.

Kamaboko, Surimi e Kani-kama - O que são? Diferenças? - kani kami 2

Kamaboko – A história do surimi

O kamaboko [蒲鉾] é um tipo de surimi tradicional que ainda hoje é bastante popular no Japão. Acredita-se que o kamaboko tenha surgido no século 17 sendo feita por mulheres de pescadores e suas famílias. Literaturas da era Heian já fala sobre surimi.

A preparação consistia em lavar a carne do peixe em água doce, colocá-la para salgar a fim de prolongar o tempo de conservação e assim poder manter um estoque de alimentos proteicos fora das épocas propícias para pescaria.

O tradicional kamaboko feito na mão é modelado como se fosse pão e depois cozido no vapor até adquirir a consistência firme. As cores rosa e branco do kamaboko geralmente índica sorte.

Kamaboko, Surimi e Kani-kama - O que são? Diferenças? - kamaboko 3

Como já mencionado, ele pode ser encontrado em variações como Kani-kama, ou até com toques artísticos como o Narutomaki com espirais rosas ou até com sabor de queijo no caso do Chi-kama. Na Coreia do Sul sua variação é chamada de eomuk ou odeng.

Esse alimento é bastante comum em festividades de ano novo como Oshougatsu. Ele também pode ser comprado em lojas de conveniências já embalados. Por ser feito com massa de peixe, é possível fazer desenhos artísticos como do vídeo abaixo.

A Organização Japonesa do Kamaboko, em 1983 declarou que: Dia 15 de novembro é o “Dia do Kamaboko”.

Receita de Kamaboko, Surimi e Kani-Kama

Quer aprender a fazer seu próprio Kamaboko? Por que não de uma olhada na receita abaixo?

Ingredientes

  • 300 gramas de peixe branco;
  • 1 clara de ovo;
  • Sal e Ajinomoto;

Retire a pele e os ossos do peixe branco e pique em pedaços pequenos. Mergulhe em água fria e misture para remover qualquer espuma. Repita duas vezes.

Enrole o peixe em musselina ou pano e drene o excesso de água. Moer tudo em um processador de alimentos, pode se usar um pilão, faça isso repetidas vezes. Deixe em temperatura ambiente por 1 hora. Verifique se secou, pode usar um secador.

Cozinho no vapor em água fervente por 20 minutos em fogo médio. Quando estiver cozido no vapor, transfira para a água fria e deixe esfriar. Não vai ficar perfeito como um surimi industrializado, mas pode ficar gostoso.

Espero que tenham gostado do artigo, se gostou compartilhe e deixe seus comentários. Obrigado e até a próxima!

Compartilhe com seus Amigos!

Comentários do site