Como são as escolas no Japão? 50 Curiosidades e Regras

, ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

[ATENÇÃO] Quer aprender Japonês? Clique e conheça o Clube Nihongo Kakumei!

Compartilhe com seus Amigos!

Você já se perguntou como funciona as escolas no Japão? Como é o sistema Educacional Japonês? Neste guia vamos ver fatos, curiosidades e regras sobre as escolas do Japão. Prepare-se para mergulhar na cultura japonesa!

Os japoneses são famosos pela sua cultura, educação, honestidade, segurança, tecnologia e inteligência. Grande parte disso é resultado de uma boa educação nas escolas japonesas. O sistema educacional japonês é bastante diferenciado e único.

Como qualquer país, o sistema educacional japonês possui suas falhas. Mesmo assim, o Japão sempre disputa as primeiras posições do ranking de educação contra a Finlândia, Suécia e Coreia do Sul.

Todas as Escolas são pagas, até mesmo as Publicas, aqueles que tem dificuldade em pagar, o governo ajuda, as mensalidades são de acordo com a condição da família. O sistema de ensino japonês valoriza muito a higiene, a pontualidade, a cooperação e o trabalho em grupo.

25 curiosidades sobre a educação japonesa de causar inveja

O ano letivo no Japão

Vamos começar falando sobre o ano letivo no Japão, quando ele começa? Quando são as férias no Japão? Quais os eventos e festivais escolares que acontecem durante o ano letivo? Os Japoneses fazem excursões? Vamos descobrir agora!

Todos são obrigados a estudar 9 anos, 6 anos no shougaku (primário) e 3 anos no chuugaku (secundário). As aulas no Japão são de aproximadamente 6 horas, de acordo com as escolas, também há atividades extras como algum clubes ou esporte. Não se tem aulas aos sábados e domingos.

Apesar da escola superior não ser obrigatória no Japão, aproximadamente 94% dos estudantes da escola média vão para a superior, as escolas superiores são pagas e mais caras, inclusive as públicas que representam aproximadamente 76% dos estudantes.

Sistema Educacional Japonês - Como são as escolas no Japão?

O ano escolar começa em 1ª Abril

No dia da mentira os japoneses começam a estudar, onde eles costumam ser recebidos com uma cerimônia de entrada chamada de nyuugakushiki. Essa é a época mais bonita para se estudar, porque as cerejeiras estão florescendo e desabrochando. Existe também cerimonia de encerramento.

Em torno de Abril e maio, os professores visitam os pais dos alunos. O objetivo é conhecer os pais, ambiente familiar e verificar possíveis problemas que os alunos enfrentam fora da escola. Os pais também costumam visitar seus filhos na escola algumas vezes no ano.

O ano acadêmico dos japoneses possuem 3 trimestres e férias

No final de dezembro até janeiro os japoneses possuem duas semanas de férias. No fim de março até abril mais duas semanas de férias e durante julho e agosto possuem as férias de verão que podem chegar a 40 dias. Isso sem contar os feriados e a Golden Week.

O ano letivo é dividido em três períodos:

  • Ichigakki – Abril a julho – sendo que em julho tem as férias de verão que correspondem de 30 a 40 dias.
  • Nigakki – Setembro a dezembro – sendo que em dezembro tem as férias de inverno que duram somente duas semanas.
  • Sangakki – Janeiro a março – sendo que em março tem as férias de primavera, e depois começa novamente o novo ano letivo em abril.
25 curiosidades sobre a educação japonesa de causar inveja

eventos, festivais e excursÕes escolares

As escolas japonesas possuem seu festival onde o colégio fica aberto para todos e os alunos preparam um tipo de feira e espetáculos para os visitantes. Existem também eventos chamados undokai onde os alunos competem entre si, além de outros campeonatos esportivos e teatros.

É comum as escolas organizarem excursões, piqueniques, acampamentos e até mesmo viagens internacionais com os alunos. Algumas excursões podem ser simples até um castelo ou parque, outras podem ser no meio da montanha com hospedagem de vários dias.

25 curiosidades sobre a educação japonesa de causar inveja

Curiosidades sobre as aulas japonesas

Entre as matérias japonesas estão língua japonesa, estudos sociais, matemática, ciências, música, artes, saúde e educação física, além de aulas diferentes como trabalhos domésticos e industriais, educação moral e cidadania.

Provas não são a prioridade, sem notas e reprovação

Durante as escolas primárias, os alunos não recebem um boletim com notas, eles recebem uma tabela de avisos chamada de tsuuchihyou. Nessa tabela você encontra várias informações sobre o desempenho do aluno.

Durante o ano eles são ensinados a ter educação e boas maneiras. Não existe reprovação, caso o aluno tenha um péssimo desempenho, ele fica de recuperação. Apenas no ensino médio, existe uma prova que definitivamente tem muita importância na vida dos japoneses.

Ao entrar no ensino médio, os estudantes precisam fazer testes para determinar em qual escola vão estudar, ao ir para faculdade eles precisam fazer a mesma coisa. Alguns chegam a passar o terceiro ano inteiro se preparando para essa prova do vestibular.

Existem clubes e atividades extra-curriculares

Os alunos são obrigados a escolher uma matéria extra-curricular em algum clube que são administrados pelos próprios alunos dentro das escolas.

Esses clubes incluem atividades como esportes, música, arte, cultura, culinária, informática e qualquer ideia criativa com autorização da escola.

25 curiosidades sobre as escolas japonesas de causar inveja

Duração das aulas e intervalos

Cada aula tem em média 45 a 50 minutos, dentre elas há um pequeno intervalo. Existem aulas de estudo individual, em que os alunos têm a liberdade de estudarem sozinhos. Os alunos costumam estudar sempre na mesma sala.

25 curiosidades sobre as escolas japonesas de causar inveja

Curiosidades sobre os alunos nas escolas japonesas

Os alunos nas escolas japonesas precisam ser bem educados. Já no começo e no final das aulas, um aluno responsável diz kiritsu e faz com que os outros alunos se levantem e curvem-se diante do professor como sinal de respeito.

Eles também levam e servem a própria comida. É comum ter refeitórios no ensino médio, mas em outros anos os alunos lancham dentro da própria sala. Os pais costumam preparar obentos (marmitas) com um toque artístico para seus filhos.

Nas escolas japonesas, principalmente no ensino médio, alguns alunos são ridicularizados e sofrem Ijime (bullying), causando depressão e às vezes até suicídio, esse é um dos grandes problemas que acontece nas escolas japonesas.

As crianças vão sozinhas para escola aos 6 anos de idade

Além da segurança que o país oferece, essa é uma maneira das crianças ganharem responsabilidade e tornarem-se independentes. Elas costumam ir em grupos, com um capacete amarelo para se identificar e algumas ruas costumam ficar proibidas de passar carro nesses horários.

25 curiosidades sobre a educação japonesa de causar inveja

No fundamental eles usam uma mochila padrão, chamada Randoseru

As crianças usam essa linda e poderosa mochila durante seus primeiros anos de escola. Elas são caras e cosutmam até mesmo ser deixadas de geração em geração. São bem resistentes, práticas e elegantes.

Ela foi projetada para não estressar a coluna, já que os estudantes do ensino fundamental caminham em grupos até a escola. Apesar do alto custo, essas mochilas viraram moda, e são de uso obrigatório em algumas escolas tradicionais.

Os alunos são responsáveis pela limpeza da escola

A limpeza geralmente é dividida em grupos e cada um fica responsável pela limpeza. Alguns podem limpar a sala, banheiro, piscina, quadra e outras dependências da escola, além de se servirem suas próprias refeições

As vezes os alunos realizam limpezas até mesmo fora da escola ou no bairro. Desde o ensino fundamental eles são treinados a cuidar da própria limpeza. Em algumas escolas os alunos precisam cuidar de plantas ou animais.

25 curiosidades sobre a educação japonesa de causar inveja

O uniforme é obrigatório na maioria das escolas

Na maioria das escolas japonesas, o uniforme é obrigatório. Ao invés de uma simples camisa com um logotipo, cada escola tem seu uniforme que se difere e tem seu estilo próprio. Escolas que não obrigam uniformes são escassas.

Esses uniformes japoneses costumam ser no estilo marinheiro. Os meninos usam ternos, as meninas usam saias. Existem uniformes de inverno, verão, ginastica e natação. No ensino fundamental nem todos usam uniformes, mas usam capacetes na cabeça.

25 curiosidades sobre as escolas japonesas de causar inveja

Regras das Escolas Japonesas

Agora vamos ver algumas regras e coisas que são proibidas nas escolas do Japão. Vale lembrar que as coisas mudam com o tempo e que cada escola é diferente uma da outra. Sendo assim, tudo é bastante relativo, algumas escolas são mais liberais e outras mais rígidas.

A maioria das regras que vamos ver são para alunos do Chugakko e Kokou (12-18), mas não vamos especificar quais delas pertence a cada ano, nem quais escolas possuem tais regras. Não pense que todas as escolas possuem taís regras.

Regras de aparência

Além do uniforme já mencionado, veja algumas regras que envolve aparência:

Você não pode mudar sua aparência natural. Por exemplo, pintar o cabelo, usar maquiagem, usar lentes de contato coloridas, pinça as sobrancelhas, pintar as unhas etc. 

Você não pode usar qualquer jóia ou acessórios de qualquer tipo. Por exemplo, colares, anéis, relógios, brincos e etc. Claro que existe exceções e algumas permissões dentro dessa área.

Você não pode usar um suéter colorido brilhante ou casaco sobre seu uniforme durante o inverno. Apenas cores como cinza, marinho, preto e neutras. Tudo isso vai depender de sua escola. 

Os meninos não podem ter o cabelo comprido ou uma barba muito grande. É obrigatório o uso de meias.  A franja de uma menina não pode se estender além das sobrancelhas. Não se pode fazer certas alterações no uniforme como encurtar, pintar ou mudar a cor.

E lembre-se que essas regras não se aplica a todas as escolas, e existe muito mais regras com objetivo de manter uma boa aparência pros alunos e para escola.

Vale lembrar que essas regras se aplicam fora da escola quando se utiliza o uniforme. Porém nem todos seguem as regras, a maioria das meninas costumam encurtar a sua saia quando estão fora da escola.

Como são as escolas no Japão? 50 Curiosidades e Regras - telhado saia 1

Regras da escola

No começo da aula e no final os alunos levantam curvam-se e cumprimentam. Os alunos devem trazer suas próprias refeições, não é permitido a venda e consumo de certos alimentos e produtos industrializados.

Os alunos não podem trazer mangás para escola. Não se deve utilizar o celular na escola. punições. Caso o aluno falte os país devem ligar avisando o motivo. É obrigado a participação em algum clube (esporte, literatura, música e etc.).

A escola não permite que o aluno façam certos tipo de trabalhos ou que tenham empregos. Às vezes é comum um aluno perto de se formar participar de trabalhos de meio período ou bicos chamado de baito.

Como são as escolas no Japão? 50 Curiosidades e Regras - Kanoya High School 2007 Sanseisai 01 2

Algumas escolas proíbem até mesmo os filhos de ir a um Arcade ou Karaoke sem a presença dos país. Às vezes é proibido até mesmo dormir na casa de amigos. Os alunos devem estar em casa antes do toque de recolher (22:00). Os estudantes não podem ter aulas extras ou cursinho sem informar o seu professor.

Não é permitido fazer qualquer coisa que envergonhe o nome da escola ou o aluno, inclusive ter relações intimas com alguém. Vale lembrar que muitos alunos não aplicam essas regras. 

Existem muitas outras regras que não existem nas escolas de outros países como nosso. Não pense que por causa de tantas regras o sistema educacional do Japão é perfeito, muitas coisas passam despercebidas pelos professores ou ignoradas, acontecem muitos casos de bullying, e os japoneses não são obedientes e perfeitos como alguns pensam.

Outras curiosidades sobre a educação japonesa

  • A educação nas escolas secundárias e nas universidades é sempre paga, até mesmo as públicas possuem alguma taxa.
  • Todas as escolas japonesas possuem armários para colocar sapatos e entrar com calçados apropriados no local.
  • As principais matérias nas escolas japonesas são: Matemática, Estudo de línguas, Ciências Sociais, Artesanato, Música e Educação Física.
  • O ensino obrigatório no Japão é de 9 anos, apesar do ensino médio não ser obrigatório, mais de 70% dos alunos finalizam a faculdade.
  • O sistema de ensino japonês valoriza muito a higiene, a pontualidade, a cooperação e o trabalho em grupo.
25 curiosidades sobre a educação japonesa de causar inveja
  • Os alunos recebem lição de casa durante as férias.
  • Alguns alunos vão e escola até mesmo durante os fins de semana para participar das atividades do clube;
  • Em todas as escolas, existe um especialista em nutrição encarregado da alimentação e da dieta dos estudantes.
  • Em uma universidade estudantes são livres para escolher qualquer assunto que gostem. A faculdade é considerada a melhor época da vida de alguns.
  • Além das matérias tradicionais, os estudantes japoneses precisam aprender alguma coisa tradicional como caligrafia japonesa e a poesia.

Grade escolar do Japão

O sistema educacional japonês é similar ao sistema americano, porém tem suas grandes diferenças. O sistema Educacional é dividido em 5 Partes como mostra a tabela abaixo:

IdadeGrauNome
3-4 Jardim de infância
(幼稚園 Yōchien)
4-5 
5-6 
6-71Escola Primária
(小学校 Shōgakkō)
Educação Compulsória
7-82
8-93
9-104
10-115
11-126
12-131Escola Média
(中学校 chūgakkō)
Educação Compulsória
13-142
14-153
15-161Escola Secundária
(高等学校 kōtōgakkō, abbr. 高校 kōkō)
16-172
17-183
19…Universidade – FaculdadeDaigaku (大学寮): Duração média de quatro anos.

Assim como no Brasil, no ensino fundamental, um professor ensina todas as disciplinas para cada classe, que tem em média de 30 a 40 alunos. Além das aulas dentro da sala de aula, os alunos tem aulas extra-curriculares e aulas práticas dentro de laboratórios. Já no ensino médio, os alunos tem vários professores, e alguns tem até mesmo aulas em salas diferentes.

Vídeos SOBRE AS ESCOLAS DO JAPÃO

Veja alguns vídeos abaixo que mostram um pouco como são as escolas japonesas. Não esqueça também de deixar seus comentários, se você acha que esquecemos de mencionar alguma coisa importante. Obrigado aos comentários e compartilhamentos.

https://youtube.com/watch?v=OlrVrf4ig4Y
Compartilhe com seus Amigos!

1 comentário em “Como são as escolas no Japão? 50 Curiosidades e Regras”

  1. pesquisei e não achei não posso acreditar nisso

    Responder

Comentários do site