Cultura / Dicas / Japão / Outros

Pensamentos e atitudes que dificultam sua vida no Japão

Pensamentos e atitudes que dificultam sua vida no Japão
Compartilhe nas redes sociais:


Alguns reclamam que a vida no Japão ou no exterior é difícil. Já até escrevemos um artigo falando sobre isso e explicando que muitos reclamam de barriga cheia. Neste artigo queremos mostrar alguns pensamentos, erros e atitudes que são responsáveis por dificultar a vida das pessoas no Japão ou em outro país.

Acho que podemos começar falando de uma das principais atitudes responsáveis pela infelicidade, o ato de reclamar. Não é errado a pessoa reclamar por seus direitos, o grande problema é que as pessoas reclamam sem nenhum motivo válido. A pessoa que reclama demais, costuma ser uma pessoa negativa que nunca está satisfeita com nada. Então ser negativo e reclamar são pontos chaves que vão estar presentes em algumas atitudes que vamos mencionar neste artigo.

O Japão é difícil porque eu não sou japonês

As pessoas colocam na cabeça a ideia de que sempre serão estrangeiros no Japão e que isso dificulta a sua vida. Pensar dessa forma não vai te beneficiar em nada! você nunca vai ser tratado como um japonês, pense nisso como algo positivo. Você teve o privilegio de ir ao Japão, só de ter conseguido imigrar pra outro país já é uma vitoria. Não importa se você trabalha ou não em fabrica, você precisa ser positivo!

escravizados

Você é um estrangeiro no Japão, você é uma joia rara! Alguns vão te tratar diferente ou com preconceito? Sim, qual o problema? Mostre que você é um estrangeiro bem sucedido, mostre sua superioridade! Existem milhares de estrangeiros bem sucedidos no Japão, e com muitos japoneses admirando, isso porque eles nunca desistiram! Da mesma maneira que você pode sofrer preconceito, você é algo diferente no Japão e os japoneses gostam de coisas diferentes!

Você não muda pra outro país pra ser alguém importante ou virar um nativo, você muda para se agregar na sociedade e realizar seus sonhos. Ser imigrante é uma coisa ótima, mas você precisa aceitar isso! O fato de você ser estrangeiro faz com que você esteja perdendo algo? Possivelmente sim, principalmente com seu pessimismo! Os japoneses não se importam se você é imigrante ou não, eles querem que você se esforce para se encaixar na sociedade japonesa, começando com o Idioma. Isso mesmo! A maioria dos brasileiros que moram no Japão não aprenderam o idioma e estão reclamando? Não adianta você ser japonês se está fora de sincronia com o Japão, sofreria preconceito da mesma forma.



Estou solitário – Os japoneses são frios e fechados

Os brasileiros gostam de ficar se abraçando e encostando nas pessoas enquanto falam, isso não é um costume do Japão. Apenas isso se torna motivo para as pessoas sairem gritando em praça pública que os japoneses são frios e fechados. Aqueles que possuem amigos japoneses de verdade sabem muito bem como eles são amorosos, humildes, hospitaleiros e divertidos.

Linguagem corporal trem

É um grande erro imaginar que os japoneses são frios e fechados. Isso faz com que você mesmo feche as portas para ter amigos e contatos no Japão. Uma amizade começa com uma simples conversa e não com um abraço, fofocas e conversas íntimas. O processo de amizade com pessoas desconhecidas, principalmente estrangeiros é um processo mais lento. Precisa ter fluência no japonês! Quando falamos fluente nossa amizade vai fluir muito mais, vamos ter mais assuntos, mais opções de lazer e vamos ser apresentado a mais pessoas.

Entenda as limitações dos japoneses – Os japoneses são tímidos, o que dificulta socializar com eles. Lembre-se que os japoneses não gostam de falar da vida pessoal ou da vida dos outros, a não ser que você seja amigo íntimo. Entenda seus costumes e sua cultura! Conhecer a pessoa é o básico! Conheça a pessoa antes de sair falando que ela é fechada e fria! O Japão têm problemas sociais, mas você pode quebrar essa barreira facilmente.

No Brasil era melhor, eu tinha isso e aquilo

Se era melhor? Então por que saiu de lá? Ficar comentando e comparando a vida no Japão com a vida no Brasil é um dos grandes causadores da dificuldade de sua vida. Lembre-se que você não está mais no seu país de origem, então esqueça isso! Você decidiu sair do Brasil e tinha consciência de que sua vida ia mudar. Ao passo que você reclama de seu novo lar, as pessoas vão aparecer e dizer: Então por que não volta? 

Ninguém gosta de pessoas que ficam fazendo comparações ou criticando as coisas do país. Fazer isso vai afastar as pessoas de você, ai depois nenhum nativo te convida mais para aqueles momentos felizes e você não entende o por quê. Não existe um país melhor ou perfeito, você pode ter sua opinião, pode achar um lugar melhor que o outro, mas não cuspa no prato que come. Não importa se você acha a comida ou as pessoas de lá melhor, reclamar disso só vai trazer desgraça na sua vida.

Na realidade a opinião pessoal quando não solicitada é outro erro que pode dificultar a vida de um estrangeiro. Opinião só deve ser dada quando é solicitada. Podemos notar isso atualmente nas redes sociais, muitos expressam a opinião pessoal e isso têm gerado muitas tretas e discussões. Se você pensa ou acha isso ou aquilo, só diga se alguém perguntar! Infelizmente fomos criados num ambiente onde falamos o que quiser, o resto que se dane… mas no Japão ou em outros países você não deve agir assim, eles prezam a educação, respeito, humildade e honestidade.

Outros pensamentos e atitudes que dificultam

Quebrando regras – Parece que faz parte da cultura brasileira quebrar regras. Já no Japão os nativos levam as regras a sério, não importa o quão pequeno elas sejam. Não devemos achar que regras foram feitas pra ser quebradas, devemos ser como os japoneses na pontualidade e honestidade. Sua atitude ruim começa desde jogar lixo no chão, beber e dirigir, cortar filas ou sonegar impostos… Só porque outras pessoas fazem coisas erradas, você vai ser um otário e fazer também? Pense bem e não quebre as regras. Você só tem a ganhar obedecendo as regras!

Trabalho Digno – Alguns trabalham em fabrica ou fazem muitas horas extras e costumam reclamar a vida inteira sobre isso e não tomam nenhuma atitude para mudar. Você possui 2 escolhas, tentar mudar sua vida ou aceitar essa rotina que tanto reclamar, porque infelizmente reclamar não vai levar a lugar nenhum. Só que gostaria de acrescentar que ter uma atitude positiva e alegre junto com um sorriso é o primeiro passo para o sucesso na vida, mesmo que seja em fabricas. Se está cansado da longa rotina de trabalho, experimente diminuir a carga horário, o seu bem estar é mais importante do que dinheiro. E só porque está acomodado não deixe de buscar conhecimento!

Podemos chegar a conclusão de que se respeitarmos as regras, engolirmos nosso orgulho e tornarmos mais humildes, vamos ter uma vida muito mais fácil no Japão. O que você acha? Gostaríamos de ouvir sua opinião nos comentários e ficamos muito agradecidos se você compartilhar esse texto.

Recomendamos ler também: 

Recomendamos também: 

Compartilhe nas redes sociais:

3 Comentários

  1. Adorei o post, verdade seja dita. Estou farto de brasileiros com atitudes ranzinzas, pessoas que vivem pensando nos problemas mas nunca procuram a solução. Esse post foi um tapa bem dado na face dessa gente. Também estou cansado de ouvir gente ignorante dizendo que japoneses comem cães e perseguem cristãos. Espero um dia poder contribuir com o Suki Desu. Vamos acabar com esses paradigmas e mudar a cabeça dessa gente. 行きましょう!

    Resposta
    • Vlw man, vamos q vamos! bota ordem nesse povo!

  2. Ótima matéria!
    Sinceramente, não sei por que algumas pessoas reclamam tanto do Japão. Ainda não fui ao Japão, mas pesquiso muito sobre o país, e vejo relatos de pessoas que foram para lá, sem ao menos falar o idioma. Nada contra, mas, se você não quer fazer o minimo esforço para aprender o idioma, como espera melhorar a vivencia no país? Saber o idioma, ou pelo menos ter interesse no mesmo é o básico para se ter sucesso, profissional e social. Ouso dizer que é um pré-requisito para se viver no Japão, juntamente com a sua educação, honestidade e respeito, para com o povo japonês.
    Mais uma vez, ótima matéria!

    Resposta

Comentários do site