Hitaikakushi – O misterioso pano branco japonês

, ESCRITO POR


Um pedaço de pano branco que não possui significado exato, presente na cultura japonesa e com diversas interpretações. O hitaikakushi [額隠] é este elemento incerto. A seguir, encontra-se um resumo do porquê ele existe e suas teorias e como ele surgiu ao longo da existência do folclore nipônico.

A cultura oriental é muito pouco explorada por nós ocidentais, longe de nossa realidade, os povos japonês, chinês, coreanos e outros, possuem um folclore rico. Com muitos dos elementos presentes na nossa cultura, a concepção e definições diferentes dos mesmos, mostra que o nosso mundo está conectado em diversos aspectos.

Um ponto em comum é a presença de fantasmas na cultura oriental, em específico, no folclore japonês. O yurei é um destes elementos, presente na cultura do sol nascente, que é análogo ao fantasma no ocidente.

Hitaikakushi - O misterioso pano branco japonês

Para os japoneses – em sua cultura tradicional budista, nós seres humanos possuímos alma. Ou espírito para outros. Contudo, reikon é o nome dado à alma ou espírito das pessoas.

Ao morrer, o reikon de uma pessoa deixa o corpo e adentra ao que seria parecido com o purgatório na cultura judaico cristã do ocidente. E é esse espírito que agrega valor à mitologia japonesa.

Hitaikakushi – Bandana dos Yureis

Os yurei são as formas mais comuns de aparição nos textos e livros da antiguidade. Sua aparência é, de certa forma, uniforme. Marcados pelas vestes de kimono brancas – referência dos funerais do período Edo japonês – e cabelos longos e negros.

A tradição diz que a pessoa que faleceu de forma súbita ou violenta, se os ritos de passagem da vida humana para a espiritual não foram realizados corretamente, ou estes são impulsionados por sentimentos de ódio e vingança, a alma – reikon­ – transforma-se em um yurei.

Hitaikakushi - O misterioso pano branco japonês

Entretanto, o que é mais interessante, é que alguns yureis possuem uma espécie de bandana, em forma de triângulo, na cabeça. Esse pano – também branco – é chamado de hitaikakushi.

Com aparição durante o período heian – Japão entre os anos de 794 e 1185, história clássica japonesa –, os livros da época mostram os yurei trajando o hitaikakushi. Porém, pouco se sabe sobre seu significado.

Especula-se que os artistas reestruturaram o chapéu eboshi – adereço pontudo utilizado pelos japoneses no período heian, muito popular na época –. Contudo, a prática de retratar os fantasmas com o chapéu triangular desapareceu na era edo.

Com seu reaparecimento nos tempos modernos, houve mais algumas especulações sobre a presença do hitaikakushi nos yurei. A primeira: acredita-se que os fantasmas ascenderam ao nível mais alto, em quesito de espiritualidade, receberam uma coroa. Essa coroa, por vezes referenciada como coroa do céu, é chamada de tenkan.

Hitaikakushi - O misterioso pano branco japonês

O tenkan é colocado na cabeça dos yurei para evidenciar o seu novo estado espiritual. Os fantasmas yurei são, tradicionalmente, personagens femininos e que zelam por vingança. Logo, ao receber o tenkan, estes espíritos de mulheres atingiram a paz espiritual.

Hitaikakushi para proteção



Outra vertente acredita que o hitaikakushi é um símbolo que tem como função afastar os demônios de seus cadáveres. Como o espírito saiu do corpo, os corpos tornam-se um pedaço de carne vazio e sem alma.

A última teoria – e complemento da descrita acima – acreditam que a bandana afasta os demônios de entrar na cabeça dos corpos vazios e evitar que estes seres diabólicos ressuscitem o cadáver. Logo, o pano branco protege o corpo da transição carnal e espiritual.

De fato, a cultura japonesa é rica em muitos aspectos, possuindo uma imensa mitologia que é, ainda, misteriosa. O significado do pano branco triangular na cabeça dos fantasmas femininos não possui significado convergente. Mas temos que admitir, de qualquer forma, ele representa a ascensão da pureza e declínio dos espíritos malignos.

Compartilhe Nosso artigo:

Comentários do site