Kodomo no Hi, Hina Matsuri e 753 – Dia das Crianças no Japão

, ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

[ATENÇÃO] Quer aprender japonês gratuitamente? Acesse Agora!

Compartilhe com seus Amigos!

Você sabia que no Japão existem 3 feriados para comemorar o dia das crianças? Cada um com um objetivo específico? Neste artigo vamos falar sobre as datas Kodomo no Hi, Shichigosan [753] e Hina Matsuri, vamos nos aventurar em cada uma delas.

Você já se perguntou qual é o dia das crianças no Japão? Existem diversas festividades e datas envolvendo crianças, uma data especial para os meninos e uma para as meninas. Como são celebradas essas datas?

Sumário do Artigo
- Kodomo no Hi 
- Hina Matsuri 
- Shichigosan
- Sekai Kodomo

Kodomo no Hi – Dia das Crianças – 5 de Maio

Kodomo no hi (子供の日) significa literalmente dias das crianças, e essa data acontece no dia 5 de maio na Golden Week. Neste dia flâmulas de carpas chamadas de koinobori, são penduradas nos jardins para simbolizar a força e a determinação. 

As famílias também exibem bonecos de samurai, armaduras, capacetes e outras armas de samurai para representar os heróis Kintaro. Além disso são usado outros símbolos como Shoki, Momotaro e Shobu. 

De acordo com o Artigo 2 da Lei de Feriados, o objetivo é “respeitar a personalidade das crianças, fazer as crianças felizes e agradecer à mãe”. Esse dia foi estabelecido pela Lei de Feriados em 20 de julho de 1948.

Conhecido também como Tango no Sekku [端午の節句]. Nesse dia as crianças comem chimaki, que são bolinhos de arroz embrulhados em folhas de bambu e kashiwa mochi. Nesse dia é cantado a canção da carpa chamada de Koinobori uta.

Tango no Sekku - Kodomo no Hi
Tango no Sekku – Kodomo no Hi

Canção das Carpas – Koinobori uta

Yane yori Takai koinobori.
Okii magoi otoosan wa.
Chisai higoi wa kodomotachi.
Omoshiro soni oyideru.

irakanano namito kumono nami
kasanarunamino nakazorawo
tachibanakaoru asakazeni
takaku oyoguya koinobori

hirakeruhiroki sonokuchini
funewo monoman samamiete
yutakani furuu obireniwa
mononi dousenu sugataari

Kodomo no Hi, Hina Matsuri e Shichigosan - Dia das Crianças no Japão
Kawaii essas crianças

Dia das meninas – Hina-matsuri

O dia das meninas acontece no dia 3 de março e é chamado de Hina Matsuri [雛祭り] ou Hina no sekku. O dia é lembrado pelas flores de pessegueiros que simbolizam um casamento feliz e homenageam as meninas. Essa data enfatiza os laços do matrimônio a prosperidade, felicidade, sorte e saúde para as meninas.

O Hina Matsuri é tradicionalmente marcado por uma exposição de bonecas, transmitidas de mãe para filha há gerações. As bonecas são dispostas em um altar todos os anos.

Geralmente consiste em 15 bonecos usando trajes da corte imperial no Período Heian (794-1192). Segundo a crença japonesa, as bonecas tem o dom de espantar os maus espíritos, doenças, má sorte e tudo de ruim.

No dia das meninas é comum beber Shirozake que é parecido com Amazake, uma bebida feita de arroz fermentado sem teor alcoólico. A comida tradicional é a Hina Arare, um biscoito à base de arroz e soja coberto de açúcar colorido. 

Outras comidas típicas são Hishimochi e Sakuramochi(bolo de arroz mochi), Chirashizushi (arroz coberto com legumes e frutos coloridos), e uma sopa de moluscos chamado de Hamaguri Ushio-jiru.

Kodomo no Hi, Hina Matsuri e Shichigosan - Dia das Crianças no Japão
Bonecas tradicionais do Hina Matsuri

O festival das meninas ou das bonecas também possui sua própria música tradicional chamada de Ureshii Hina Matsuri. Veja abaixo:

Ureshii Hina Matsuri – Letra

Akari wo tsukemashou bonborini
Ohanawo aguemashou momo no hana
Go’nin bayashi no fue taiko
Kyou wa tanoshii Hinamatsuri

Odairisama to Ohinasama
Futari narande sumashigao
Oyome ni irashita neesama ni
Yoku nita kanjono shiroikao

Kin no Byoubuni utsuru hi wo
Kasukani yusuru haru no kaze
Sukoshi shirozake mesaretaka
Akai okaono udaijin

Kimono wo kikaete obi shimete
Kyou wa watashi mo haresugata
Haru no yayoi no kono yoki hi
Nani yori ureshii hinamatsuri

Kodomo no Hi, Hina Matsuri e Shichigosan - Dia das Crianças no Japão
O dia das meninas

Shichi-go-san [753] – Festival das Crianças

O Shichi-go-san [七五三] é um festival que ocorre todo dia 15 de novembro no Japão. O nome do mesmo é escrito, literalmente, com os kanjis dos números sete, cinco e três, pois os pais levam suas filhas de três e sete anos e seus filhos de três e cinco anos de idade aos santuários para pedirem pela saúde, por um bom crescimento e pela felicidade de todas as crianças ali presentes.

Um segundo motivo para a ida ao santuário seria o afastamento dos maus espíritos, apesar desta prática já ser comum fora do Shichi-go-san.  Como o dia do festival não é considerado como feriado, caso caia em dia útil, o mesmo é celebrado no fim de semana mais próximo.

Nesse festival, as crianças nomalmente vão vestidas com kimonos ou roupas fomais ocidentais, muitas pela primeira vez em suas vidas, e recebem amuletos e suas chitose ame (千歳飴), conhecida como a “bala dos mil anos”.

A chitose ame é uma bala longa, fina, vermelha e branca que vem enrolada em um papel de arroz comestível, também muito fino a ponto de parecer plástico.

A mesma é associada à longevidade e vem em um saquinho adornado com uma garça e uma tartaruga (símbolos de longevidade no Japão). Existe a crença comum de que esta bala confere mil anos de felicidade às crianças que a receberem.

O motivo pelo qual as idades das crianças que participam do festival são sete, cinco e três anos são dois. Primeiro que a numerologia do leste oriental adota os números ímpares como números de sorte. O segundo motivo, seria o fato destas três idades serem as mais marcantes na infância de uma pessoa.

Kodomo no Hi, Hina Matsuri e Shichigosan - Dia das Crianças no Japão
Shichigosan e uma criança de 5 anos

A história do Shichi-go-san

O festival foi instaurado no período Heian (794 a 1185), quando os nobres celebravam o crescimento de seus filhos no que fosse considerado um dia de sorte de novembro. Foi no período Kamakura (1185 a 1333) que o dia 15 de novembro foi oficialmente adotado como o dia do Shichi-go-san.

A partir do período Edo (1603 a 1868), o mesmo passou a ser um festival popular japonês. Um adendo seria de que, no período Meiji (1968 a 1912), a tradição teria apresentado algumas outras mudanças.

Anteriormente, o festival era tratado de uma forma mais séria, portanto possuía peculiaridades em relação ao que observamos nos dias de hoje. Quando o festival passou pela época dos samurais, a crença dizia que as crianças de até três anos tinham que ter seus cabelos raspados e que apenas depois do festival poderiam deixá-los crescer pela primeira vez.

Aos três anos de idade, as meninas eram vestidas o primeiro kimono, normalmente florido, e aos sete anos usariam o obi por cima dos mesmos pela primeira vez. Já os meninos usariam seu primeiro hakama aos cinco anos de idade.

Como dito anteriormente, na era Meiji os japoneses se tornaram mais brandos quanto às tradições do Shichi-go-san e até mesmo as crianças de três anos se vestiam com a roupa tradicional completa. Também foi quando a prática de raspar o cabelo das crianças acabou sendo deixada de lado.

Apesar de toda a beleza por trás de todos os festivais japoneses, o motivo pelo qual o Shichi-go-san surgiu é um tanto quanto melancólico. Antigamente, o índice de mortalidade infantil era alto no Japão, e o festival foi a tentativa dos nobres de encontrarem uma resposta dentro de uma crença compartilhada.

Atualmente, o Japão não é mais assombrado por tal problema, porém, desde então, a tradição do festival permaneceu. Vamos deixar um vídeo mostrando um pouco sobre este dia:

Sekai Kodomo no Hi – Dia Mundial das Crianças

A ONU estabeleceu em 1954 o dia internacional da criança para 20 de Novembro, mas permitiu que cada país estabelece-se sua data. O Japão escolheu o dia 5 de maio, mas é bom lembrarmos a data universal do dia das crianças.

Espero que tenham gostado do artigo, se gostou compartilhe e deixe seus comentários.

Compartilhe com seus Amigos!

Comentários do site