Culinária / Cultura / Japão

A anatomia de uma refeição japonesa

A anatomia de uma refeição japonesa
Compartilhe nas redes sociais:


Você já pensou ou reparou como é a anatomia de uma refeição japonesa? Pra quem não sabe anatomia é a organização estrutural, talvez você já tenha reparado que os pratos japoneses, a maneira de eles se alimentarem e a arte culinária é bem diferente dos alimentos ocidentais. No Brasil simplesmente enchemos o prato de comida, misturamos tudo e comemos. No Japão isso é bem diferente, então vale a pena darmos uma pequena estudada.

Não vamos generalizar e dizer que no Brasil ou no ocidente simplesmente enchemos o prato de comida, sem nenhuma estética ou ordem. Em restaurantes por exemplo, somos servidos com um aperitivo leve, depois com prato principal e então a sobremesa, isso é uma organização. Nossa dieta é baseada em arroz, carne e feijão além de folhas e verduras. O café da manha comum é o pão com manteiga e café, as vezes um delicioso pão de queijo ou rosca.

A tradicional refeição japonesa

No Japão as coisas são servidos de maneira separada. A tradicional refeição japonesa é servido em pequenas tigelas separando o arroz cozido de outros pratos. Uma sopa, que geralmente é a sopa de miso vem em uma tigela separada, onde podemos delicadamente beber diretamente da tijela ou com uma concha. Coisas como peixe, carne e salada podem vir junto com o arroz ou em tigelas separadas.

O macarrão, soba e somen pode vir separado e puro, para assim ser mergulhado em um molho ou para você misturar manualmente a outros alimentos. O arroz é na maioria das vezes o prato principal. Os acompanhamentos são chamados de okazu. Os okazu mais comuns são ricos em proteínas como um peixe grelhado ou carne.



A maneira mais comum de comer uma refeição japonesa e pegando a tigela em sua mão e utilizar o hashi. Ocasionalmente, você coloca a tigela de arroz e toma um pouco de sopa. A sobremesa não costuma ser uma tradição das refeições japonesas. Na maioria das vezes uma refeição termina com uma xícara de chá quente. Os japoneses costumam comer doces no lanche ou em outros horários. Claro que a influência do ocidente tem feito esses costumes mudarem, enquanto o café da manha japonês costuma ter arroz e peixe, hoje em dia muitos comem um pão ou um lanche básico.

A arte da culinária japonesa

Alguns pensam que os japoneses comem muita comida, devido a quantidade de tigelas, opções e pratos numa refeição. Já outros acreditam que os japoneses comem pouco exatamente pelo fato das tigelas são pequenas. Os japoneses costumam comer lentamente a refeição para apreciar e fazer bem a saúde.

A tradicional culinária japonesa é uma arte, podemos notar isso na forma que são feito os sushis, nos obentos preparado para os alunos e em diversas invenções e pratos japoneses. Essa dificuldade de preparar e separar os alimentos japoneses faz com que milhares de japoneses recorram a restaurantes que são baratos e existem milhares de opções. Muitas famílias japonesas não desejam ter todo esse trabalho e recorrem a opções mais rápidas e baratas.

É triste imaginar que se pesquisarmos culinária japonesa no google encontramos um monte de fotos de sushi. Gosto de finalizar deixando claro que a culinária japonesa está muito além de sushi. Os japoneses comem sushi assim como nos brasileiros comemos pizza e hambúrgueres.

Compartilhe nas redes sociais:

2 Comentários

  1. Que besteira cara, ninguém vai ficar meia hora arrumando 14 pratos pra comer sendo que vai ter que limpar tudo depois. Isso é tradição, não significa que fazem isso sempre.

    • Não igual nas fotos, mas em todas as casas de amigos e restaurantes comuns q fiquei no Japão, café da manha, almoço era sempre um monte de tigelas… Ninguém come em 14 pratos, a foto lá é de um restaurante tradicional… são normalmente apenas no máximo 3 tigelas…

Comentários do site