KuneKune – A lenda japonesa que ninguém viu

, , ESCRITO POR


A lenda surgiu no Japão, onde são relatados avistamentos de uma criatura em campos de arroz ou no mar aberto. Esse ser é descrito com forma humanoide e branca, sendo a única coisa que se pode dizer sobre sua aparência. Afinal só pode ser visto de longe e todos que o viram claramente enlouqueceram ou morreram.

Lendas e folclores existem desde as sociedades primitivas até as atuais. Surgem de pequenas preocupações ou fatos que precisam de uma explicação por aquele povo.Um exemplo de lenda urbana moderna é KuneKune.

Existem diversos fatores que podem sugerir os relatos. Tais como os campos japoneses terem espantalhos assustadores, que acabam gerando outras histórias. Outra possibilidade é a desidratação e insolação que podem resultar dos dias mais quentes.

Curiosidade: Kunekune também é uma pequena raça de porco doméstico da Nova Zelândia. Eles são peludos, gordinhos e costumam ter barbilhões. Eles podem ser preto e branco como dálmata, gengibre, creme, preto e marrom.

A lenda do KuneKune



Os relatos têm muitas modificações. O horário varia, pode ser no horário de almoço ou à noite. Geralmente começam em um campo verde ou em um mar com uma brisa diferente no ar (às vezes é fria ou até morna) sentida com arrepios.

KuneKune - A lenda japonesa que ninguém viu

Após o fato vêm o avistamento de uma espessa névoa branca, que se dissipa lentamente. Ao longe é vista uma pessoa vestida de branco se mexendo de forma estranha. Não é possível visualizar as características físicas e o gênero, apenas a forma alongada e esbelta de um ser bípede branco.

Quando observado com mais atenção, percebe-se que está se contorcendo e se dobrando da direita para a esquerda e da esquerda para a direita. Os movimentos são impressionantes, formam ângulos incríveis e a maneira como manobra todo o corpo é impossível para membros humanos.

Observando o KuneKune



Ao olhar diretamente o estranho organismo com binóculos ou chegando perto, eles dão um recado à outra pessoa que quase teve o mesmo fim.

  • “Você não deve ver…;
  • “Corra pela sua vida…”
KuneKune - A lenda japonesa que ninguém viu

Então o observador empalidece e começa a reagir com movimentos parecidos com os do indivíduo misterioso. Ao escutar o recado, o parceiro da vítima não olha para a entidade e corre para casa.

Visto que ao ignorar aquele organismo estranho, foi poupado do triste fim do companheiro (parente ou amigo, conforme as variações das histórias).

Ao chegar no lar pede ajuda para alguém que explica que aquela existência é KuneKune e que ele escapou por pouco de tornar-se a próxima vítima.

 São adicionadas ao final da história risadas macabras e histéricas da vítima e a certeza de internações em instituições de saúde mental para o resto da sua vida. O que achou dessa lenda japonesa? Vai encarar?

Compartilhe Nosso artigo:

Comentários do site