10 Manerias de dizer “Demônio” em japonês

[ADS] Anúncio

Sabe como dizer demônio em japonês? Querendo entender as diferenças entre oni, akuma, youkai, bakemono e outros? Neste artigo vamos ver 10 formar de dizer demônio em japonês.

Na língua japonesa é comum encontrar diversas formas de expressar uma mesma ideia, isso porque o idioma japonês tem diversos conceitos para uma possível mesma ideia, mas que muda conforme o contexto, e a situação.

Isso significa que algo dito ou expresso, pode ter diversas variações, uma vez que para encaixar ao contexto certo você precisa de um vocabulário diferente. Apesar desta ideia ser comum em idiomas como o inglês e o português, em línguas asiáticas costuma-se dar uma atenção maior ao contexto histórico, escrito e de período quando você vai utilizar certa expressão ou palavra.

Com o idioma japonês não seria diferente, a palavra “Demônio” é uma palavra que surge bastante em livros, filmes, e elementos da cultura japonesa, mas como explicado anteriormente, com um sentido muito diferente do que se vê na cultura ocidental.

Vamos entender estas diferenciações, e mostrar que a palavra “Demônio” na língua japonesa tem mais um sentido folclórico do que propriamente religioso como temos no ocidente.

Recomendamos ler também:

Akuma [悪魔]

Antes de estudarmos a palavra, precisamos entender a essência dos kanji. O ideograma “Aku” [悪] representa algo “mal, ruim, falso, mau ou errado”.

Já o segundo ideograma “ma” [魔] significa “demônio, diabo, espirito ruim, espirito mal e influência negativa”. Então a palavra Akuma engloba diversos tipos de demônio ou semelhantes.

Por exemplo, a palavra Akuma costuma ser usada para referir-se ao Diabo cristão e judeu. Também se usa para referir-se ao mãra do budismo, espíritos maus e forças que dificultam o caminho da iluminação.

10 manerias de dizer "demônio" em japonês

Oni [鬼]

A palavra Oni se tornou popular graças ao sucesso do anime “Kimetsu no Yaiba”, conhecido também como “Demon Slayer”. A que tipo de demônios essa palavra se refere?

No anime são criaturas vilanescas com aspectos de monstros, com garras, caninos afiados, pele rasgadas e outras caraterísticas de: Ogros e Monstros. Na verdade, Oni engloba vários tipos de monstros, até mesmo os bonzinhos.

Oni pode ser: Ogros, monstros, demônios e espíritos de uma pessoa falecida. Esta palavra também pode ser usada para referir-se a uma pessoa impiedosa, como um insulto, chamando ela de um ogro.

Outro ponto importante desta palavra que ela também aparece na expressão “onigokko” [鬼ごっこ] que é o famoso Pega-Pega, ela isolada também pode ter este sentido. Será um monstro que persegue suas vítimas?

Recomendamos ler: O Oni na mitologia japonesa

Oni

Youkai [妖怪]

Youkai é uma palavra que se encontra bastante na cultura japonesa, principalmente quando se fala de seu folclore, passando a ideia de fantasmas, espíritos, espectros e aparições.

Se olharmos com detalhes os Kanjis desta palavra vamos notar que “You” [妖] passa a ideia de: enfeitiçamento, calamidade.

Temos o segundo Kanji que é o Kai [怪] ele passa o sentido de: aparição e misterioso. Pode ser visto na palavra “Ayashii” [怪しい], essa palavra quer dizer: suspeito, questionável, incerto.

Mas além destes significados em palavras isoladas. Youkai tem outros sentidos como: criaturas que fogem do imaginário das pessoas, sem explicação. Como, por exemplo, os Goblins e as Kappas.

Kappa youkai, sumô e pepinos!

Akuryou [悪霊]

Esta palavra por vezes é interpretada como demônio, diabo, mas é importante ressaltar que sua ideia principal é: espirito maligno, o que também pode se entender como demônio, mas aí voltamos na questão cultural, onde nem sempre precisa ser um diabo.

Vamos ver essa palavra sendo usada na seguinte frase:

Ela parece estar sendo possuída por um espírito maligno.

彼女は悪霊に取りつかれているように見える
Kanjyo wa akuryoku ni toritsukareteiruyouni mieru
Nekomata - o gato yokai malévolo japonês

Deemon [デーモン]

Em Katakana a palavra Deemon [デーモン] vem de “Demon” em inglês que é Demônio. Diferente das palavras anteriores, essa é bastante específica para referir-se a demônios como são vistos no ocidente.

Esta palavra também pode aparecer como termo técnico para computadores, o (Daemon) usado no Linux. O katakana também pode referir-se ao nome pessoal Damon.

Rushifā/ Rushiferu [ルシファー | ルシフェル]

Rushifā ou Rushiferu, se refere diretamente a Lúcifer, satanás na crença cristã. Um detalhe que o Rushiferu [ルシフェル] é uma adaptação do próprio português.

Lucifer não é unicamente uma palavra ruim, pode referir-se até mesmo ao planeta venus. Geralmente vemos a palavra sendo usada em animes, mesmo não tendo nenhuma relação com demônio.

Kaibutsu [怪物]

Esta palavra não é necessariamente usada para citar demônios, pois seu sentido principal é: monstro.
Contudo, a ideia de monstro por vezes no contexto se refere a algum demônio.

É uma expressão que se vê bastante em animes e em mangás, por exemplo, no anime Blue Lock há uma cena onde o protagonista diz: Quero saber a verdadeira forma do monstro que há dentro de mim.

知りたい... 俺の中のかいぶつの正体...
Shiritai... Oreno naka no Kaibutsu no shoutai... 
Blue lock

Obakemono [お化け物]

Outra expressão bem comum para referir-se a monstros é Obakemono, esta expressão engloba de modo geral monstros, como, por exemplo: Goblins, fantasmas, aparições, e às vezes essa palavra é usada para referir-se ao potencial de alguém que é tão incrível ou extraordinário que ela seria um monstro naquilo que faz, contudo, cuidado ao usar essa expressão para referir-se a alguém, pode soar ofensivo.

Toorima [通り魔]

Toorima é usado exclusivamente para demônios que trazem má sorte, azar, infortúnios à vida ou casas das pessoas. Além deste sentido pode expressar algo como: ataque surpresa, golpeador.

Obake [お化け]

Obake tem mais sentido de Fantasma, espirito, algo mais espiritual. Apesar de também poder ser visto com este sentido de demônio ou monstro.

Assim chegamos ao fim deste artigo. Fica claro que na língua japonesa a palavra “Demônio” não é necessariamente o que conhecemos no português ou inglês.

É algo mais abrangente e por isso não pode ser generalizado, obrigado por ler até aqui, espero que este conhecimento possa lhe ajudar a entender mais e mais a língua e cultura japonesa, até a próxima.

Conheça o karakasa-obake

Compartilhe Este Artigo: