Tengu – O Narigudo das Montanhas

, ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

[BAIXE GRÁTIS] Clique aqui para baixar gratuitamente Nosso Livro!

Tengu [天狗] são criaturas lendárias que se dizem ser um deus ou um monstro de acordo com as crenças populares japonesas. Neste artigo vamos falar um pouco sobre essas criaturas peculiares do folclore japonês bastante visto em filmes, jogos e animes.

Segundo os relatos, Tengo é visto vestido de Yamabushi, tem o rosto vermelho, nariz alto, tem asas para voar. É comumente considerado um monstro que guia as pessoas ao mago, e também é chamado de Gaiho-sama.

Yamabushi são monges da religião Suugendo que habitam montanhas.

A origem do Tengu

Originalmente, a palavra Tiangu significava um meteoro que sinalizava um evento maligno na China. Uma bola de fogo que entra na atmosfera e cai perto da superfície da terra muitas vezes explode no ar e emite um barulho alto.

Este fenômeno celestial foi comparado a um cão que ruge e corre para os céus. Os Shiji chineses, assim como os livros Han e Jin, contêm artigos sobre o Tiangu. Os Tiangu eram temidos como a estrela do mal que trouxe o desastre do céu para a terra.

No budismo, a palavra “tiangu” não é originalmente mencionada nos Três Zangles do Sutra. No entanto, no Shobho Nenjojo-Jing, volume 19 diz: “A todo momento, diz-se que “A todo momento, o gás espectral está em alta.

Em fevereiro de 637, no 9º ano do reinado do Imperador Seumei, uma enorme estrela fez um som estrondoso como um trovão e correu de leste para oeste no céu da capital. As pessoas diziam que era o som de um meteoro ou de uma mina terrestre.

Tengu - o narigudo das montanhas

Então o sábio monge, Min Min Min, que voltou da Dinastia Tang da China para o Japão, disse: “Não é um meteoro. Ele disse: “Não é um meteoro, mas um tengu”. Repetiu-se várias vezes falando que seu latido é como trovão.

Eles foram chamados Tengu no Nihonshoki (Crônicas do Japão) no período Asuka, mas depois disso, não houve registro de terem sido chamados por esse nome, e a visão chinesa da criatura não criou raízes no Japão.

Desde a época do Imperador Seumei até o meio do período Heian, o caráter dele não aparecia em nenhum documento escrito. No período Heian (794-1192), os Tengu reapareceram no Japão, e foram transformados em yokai (monstros).

Tengu - o narigudo das montanhas

A criação do Tengu

Tudo começou quando o budismo esotérico foi introduzido no Japão por Kukai e Enchin. Os Yamabushi foram reencarnados após suas mortes como arrogantes e egoístas que queriam ter lucro, e a religião Tengu foi assumida por alguns como um tipo do mundo mágico.

Por outro lado, as pessoas das planícies temiam as montanhas como um mundo diferente, e chamavam os estranhos fenômenos que ali ocorriam de trabalho dos Tengu. A partir disto, as pessoas tendem a considera-lo como o deus da montanha.

Ainda existem algumas áreas onde as pessoas ainda chamam de “Gubin”, “homem da montanha”, ou “deus da montanha”, referindo-se a vários tipos de Tengu. Hoje a palavra [天狗] significa literalmente cão do paraíso.

Tengu - o narigudo das montanhas
Tengu quebrou o narigão

As características do Tengu

As características comuns deles hoje são nariz alto e longo, face vermelha, vestido como sacerdotes da montanha, vestindo um geta com um dente e voando livre e desordenado, têm sido interpretadas desde a Idade Média.

Na verdade, a forma de Tengu naqueles dias não era constante, principalmente na forma de monges, mas ocasionalmente na forma de crianças ou demônios. Eles também eram freqüentemente levados à imagem de um steeplejack enquanto voavam pelo ar.

Tengu é considerado a autoridade do orgulho, e o nariz alto é considerado um símbolo disso. Se você diz “eu me tornarei um Tengu”, isso significa que você se orgulha de si mesmo. Em geral, eles são ansiosos para ensinar.

Na Idade Média, além dos seis caminhos do budismo, havia também o caminho Tengu, que se supunha ser o inferno de Mugen, onde eles não podiam cair no inferno porque estudavam o caminho budista e não podiam ir para o paraíso porque lidavam com a Lei do Mal.

Tengu - o narigudo das montanhas

Tipos de Tengu

Como mencionado, existem vários tipos e formas de Tengu. A aparência geral é um rosto vermelho e nariz grande, e diz-se que eles têm asas e voam no ar. Existem também tipos que parece ser um humanoide ou corvo.

Variantes tengu regionais mais obscuras incluem o Guhin (Cão Convidado), que tem aspectos de árvores ou caninos, o Kawatengu que vive debaixo d’água e pode criar Chama Falsa, e o Shibatengu, que é essencialmente Kappa com outro nome.

Ao longo da história ganhou diferentes nomes e características, existe Kara, Kotobo e Hatengo. Existe até mesmo uma versão feminina chamada Onnatengu ou Mutengu. Abaixo vamos ver as principais:

Tengu - o narigudo das montanhas

Ootengo ou Daitengu

Existem várias teorias, mas é dito como um monstro ou deus que tem lados bons e ruins, um sacerdote budista e um estagiário com excelente poder que se torna um tengu após sua morte. Portanto, é dito ter maior poder do que outros Tengu.

Esses são os tipos de tengu que estamos acostumados a ver nas máscaras dos festivais japoneses. Eles costumavam raptar pessoas as atormentavam mas também ensinavam suas habilidades. Muitos humanos os procuravam afim de obter poderes.

Karasutengo ou Kotengo

Os karasu tengu (烏天狗) tem um corpo humanoide, mas uma cabeça de corvo. Ele é vestido como um monge da montanha e é capaz de voar a vontade, chamado também de pequeno [小天狗] ou azul [青天狗].

Tem o nome de um corvo, mas muitos deles estão cobertos de penas semelhantes às das aves de rapina. Eles se destacaram no manejo da espada, e diz-se que o Karasu Tengu do Monte Kurama ensinou a um jovem Ushiwakamaru como usar uma espada.

Eles também se sobressaiam no poder divino, e diz-se que costumavam descer à capital e se enfureciam uns contra os outros. Com tempo tengu na aparência de corvo caiu no esquecimento, se popularizando mais aqueles de nariz vermelho empinado.

Tengu - o narigudo das montanhas

Konoha Tengu

Os konoha tengu (木の葉天狗) tem feições humanas, mas são dotados de asas e longos narizes. Eles eram representados às vezes carregando uma pena. Era comum ver nos festivais máscaras representando seu rosto.

Seu nome foi encontrado em várias literaturas, incluindo ensaios e histórias de fantasmas do período Edo. Ele também é chamado de Sakai-tori. Existe poucas informações sobre esse tipo de tengu, mas ele foi descrito em diversas escrituras antigas.

No livro “Kokusatojindan” do Período Kanpo [1741-1744] descreve ele como um grande pássaro, suas asas se assemelham a um Tobi, com cerca de 6 metros de comprimento, e quando sente o sinal de uma pessoa, ele foge imediatamente.

Tengu como um deus

Tengu geralmente é visto como um semi-humano ou monstro, mas mencionamos no artigo que também pode ser considerado um Deus. O famoso Ootengo é objeto de adoração como um deus da montanha, ele é relatado em muitas montanhas do Japão.

Os Tengu eram freqüentemente representados como pássaros brilhantes, e eram também chamados de Matsumyo-maru e Ma-yen. Esta é a razão pela qual o Imperador Sutokujo, que se tornou um espírito maligno, é retratado como o rei dos Tengu.

A relação com os deuses da montanha também é muito próxima, e diz-se que há sempre Tengu nas montanhas sagradas (portanto são Yamabushi), e há muitas áreas onde os deuses da montanha são eles, mas apelidados como Daiba.

Ainda hoje, ele é visto no folclore de Mogami-gun, da Prefeitura de Yamagata, como um homem velho de cabelos brancos. Em diferentes regiões do Japão as pessoas tem diferentes perspectivas de um Tengu, algumas os consideram um Deus.

O deus Sarutahiko mencionado no Kojiki e Nihon Shoki geralmente é cofundido como um Tengo por causa de seu nariz comprido. Até mesmo em festivais o Sarutahiko é representado com a cara de um tengu.

Diz-se também que tengu é uma mudança de um dos oito membros que protegem a lei budista, Karo Raten. Um pássaro gigante que aparece na mitologia indiana e diz-se que tem asas douradas cuspindo chamas e se alimentando de dragões.

Tengu - o narigudo das montanhas

Lendas e presepadas dos Tengu

Vistos como demônios da montanha, os Tengu também eram trapaceiros, faziam coisas como os yokais, enganavam pessoas fazendo elas entrarem nas montanhas com música, jogavam pedras nas casas e amedrontavam pessoas em forma de fantasma.

Tudo o que acontecia de misterioso e inexplícavel era atribuído aos Tengu. Alguns até possuiam pessoas fazendo manifestarem habilidades como escrever kanjis. Muitas lendas ao longo da história surgiram contando as presepadas dos Tengu.

Em algumas lendas os Tengu causavam cegueira usando suas asas, raptavam crianças, jogavam pessoas do céu, mas também existem lendas com eles bondosos, protetores e ajudantes das pessoas. Eles também são associados com artes marciais, citados como criadores das Artes Secretas como a arte Ninja.

Os Tengu são vistos de diferentes maneiras, hoje são bastante relatados em animes, mangás e jogos. Caso queira saber mais sobre a aparição dessas criaturas nas obras populares, pode consultar em sites como TV Troops.

Compartilhe com seus Amigos!

Comentários do site