Cultura / Dicas / Japão / Outros

Pressão Social no Japão – A maior causa dos problemas

Pressão Social no Japão – A maior causa dos problemas


Você já se perguntou porque o Japão têm um alto índice de suicídio? Ou porque eles trabalham demais? Ou porque existe bullying? Porque existe classes sociais e às vezes preconceito entre elas? Uma grande parcela da causa desses acontecimentos é devido a pressão social no Japão. Você sabe o que é pressão social? São movimentos, eventos e situações promovida por um grupo de pessoas onde você se sente forçado, intimidado ou pressionado a fazer coisas mesmo sem ser uma determinada lei.

Uma das maiores pressões sociais do Japão é ser bem sucedido na vida. Os japoneses desejam ter notas altas, gostam de ser dedicados, ser uma boa pessoa, ter um bom emprego, ensino superior, uma família e etc. Às vezes a pressão para ter essas coisas são tão grandes que resultam em suicídios, evaporações e pessoas que não saem do quarto com medo da sociedade (hikikomori).

Outra pressão social muito comum é a de se dedicar ao trabalho. Às vezes muitos se sentem obrigados a continuar no serviço e fazer horas extras mesmo não sendo necessário. A pressão é um dos maiores culpados pela fama dos japoneses serem viciados em trabalho. A pressão social é grande principalmente no trabalho e nas escolas.

Porque os japoneses cedem a pressão social?

A pressão social pode ser expressa de maneira direta e indireta. Aqueles que se recusam a seguir a sociedade acabam sendo excluídos e sofrendo bullying. Outra grande culpado da pressão social é a famosa timidez dos japoneses. Muitos desejam expressar sua opinião ou seguir seu próprio desejo, porém a sua timidez acaba fazendo com que eles tenham vergonha de ir contra o desejo da sociedade ou serem excluídos por isso.

Já outros não aguentam a pressão social e acabam cometendo suicídio. A vergonha (resultado da timidez) de fracassar em algo na vida, como vestibular, emprego e família, acaba fazendo com que a pessoa desista da vida. Alguns por irem contra o desejo da sociedade, acabam não aguentando a pressão e se matam simplesmente por isso.



Por outro lado os japoneses são um pouco reservados e cuidam da própria vida. Então você não costuma sentir pressão em temas como moda, religião, música e coisas ao que se diz respeito a gostos e vida pessoal da pessoa. Às vezes a pressão nem existe ou é a maioria dàs vezes de forma indireta, porém os japoneses se sentem fracassados se não realizarem o que é bem visto na sociedade.

Enquanto muitos pensam que os japoneses são honestos, bondosos, hospitaleiros por vontade própria, a realidade é que alguns sofrem pressão social para ser assim. A educação no Japão é ensinada desde cedo, e quem não segue acaba sendo excluido da sociedade. A pressão social afeta até mesmo a diminuição de crimes, a maioria rouba as escondidas ao contrario da mão armada no Brasil. A pressão também faz com que as pessoas se dediquem aos estudos, a limpeza e a tratar bem as pessoas ao seu redor.

Diga não a pressão social no Japão

Não importa se você é estrangeiro ou japonês, ou se você mora no Japão ou no Brasil, você sempre vai sofrer algum tipo de pressão social! Hoje em dia as pessoas são pressionadas a fazer coisas erradas, são pressionadas e desistir de seus sonhos ou de seguir uma carreira que talvez a pessoa nem deseje. Eu vejo que diversos brasileiros que moram no Japão sofrem uma pressão social e não conseguem sair da bolha da sociedade.

Eles se deixam levar por comentários, ideias e sugestões de outras pessoas e acham impossível seguir um caminho diferente do padrão que a sociedade definiu. Essas pessoas precisam parar de se importar com a opinião, sugestão ou pressão dos outros. Eu sei que não é nada fácil resistir a pressão, eu sofri bastante pressão para fazer faculdade, comprar um carro, arrumar um emprego fichado. Enquanto eu sempre desejei trabalhar Online e sofri bastante pressão por causa disso, se eu tivesse cedido a pressão, possivelmente não teria realizado meus sonhos.

Lutar contra a pressão social não é fácil, ceder também pode ser bastante prejudicial. Essa é uma luta constante que as pessoas fazem no Japão e no mundo, alguns procuram psicólogos (algo raro no Japão), outros acreditam que a melhor maneira de evitar a pressão de certas pessoas é se rodear de pessoas que te deixem confortáveis e não fazem pressão. Acabar com a timidez, ser positivo e aprender a dizer não pode ser um dos grandes passos pra não fazer parte dessa sociedade capitalista e opressiva. Tenha sua própria opinião e desejo e não siga as normas impostas pela sociedade que vão te prejudicar! Você já sofreu algum tipo de pressão no Japão? Ficaria feliz se puder compartilhar com os outros nos comentários abaixo.

Por Favor! Compartilhe o artigo nas redes sociais:


Recomendamos também: 

3 Comentários

  1. Pressões sociais, taí algo que é interessante para ser tratado, eu tomei algumas decisões durante meu ultimo ano do ensino médio que realmente me ajudaram bastante a lidar com isso. Depois de 2 anos valeu a pena.
    Para lidar com isso busquei a experiencia de filósofos e homens sábios, de nosso tempo e do passado, todos lidavam com rejeição e até ódio, como Sócrates. Quando entendi que essa vida é apenas um rascunho da alma, digo, é apenas um livro que compõe toda uma biblioteca, perdi a timidez, criei coragem e até mesmo aprendi a lidar com problemas do dia a dia. Mas o primeiro passo de tudo foi, largar a vida que levava, mudei a mente e hoje em dia tenho planos pra vida que não fazem parte da vontade dos outros. Sejam vcs mesmos e não se iludam com promessas de coisas porque no final das contas, acreditar nos outros pode trazer felicidade, mas muitas vezes viver pelos outros só traz tristeza.

    Resposta
  2. Realmente não é fácil conviver com pressão, seja aonde for. Dá para ver como eles são lá no Japão e como eles tem aquela garra. Desde a era dos Samurais se falava em honra, não que isso tenha a ver, mas estou querendo dizer que já é bem rígido desde tempos.

    Resposta
  3. Morei no Japão, tenho diploma da Otani Daigaku de Kyoto e sempre fui muito bem recebido, porque aprendi a respeitar as normas da sociedade e me adaptei muito bem a elas, graças a Deus tive uma ótima educação desde pequeno o que muito me deixou feliz durante toda minha vida. Nippon banzai, Brasil banzai.

    Resposta

Comentários do site