Kamagasaki – Tudo sobre a Maior Favela do Japão

, , ESCRITO POR

Kamagasaki [釜ヶ崎] é um bairro localizado no Sul de Osaka em uma região chamada Nishinari-ku. Neste artigo vamos falar sobre esse famoso bairro conhecido como favela por causa dos moradores de rua e desempregados.

Muitas reportagens e artigos na internet falam sobre esse bairro Kamagasaki e o chamam de maior Favela do Japão. Nesse artigo eu quero chegar o mais perto da verdade e mostrar se isso é realmente uma favela.

Já é de conhecimento que a mídia internacional costumam aumentar e generalizar muitas vezes determinado assunto para gerar mais polêmicas e visualizações. Será que Kamagasaki é tão deprimente assim?

Sumário do Artigo
- Onde se Localiza Kamagasaki? 
- A história de Kamagasaki 
- Quem vive em Kamagasaki? 
- Por que kamagasaki existe? 
- Kamagasaki é uma Favela no Japão?
- Airin Labor - Centro Humanitário
- Conflitos com a polícia
- Como combater os problemas?
- Vídeos sobre Kamagasaki

Onde se Localiza Kamagasaki?

Kamagasaki é um nome antigo usado de 1922 até 1966. Depois desse ano o bairro ganhou o nome de Airin-chiku [あいりん地区], ainda assim a maioria das pessoas o chamam de Kamagasaki.

O nome Kamagasaki é usado para referir-se aos bairros Taishi [西成区太子], Haginochaya [萩之茶屋], Sannō [山王], Hanazonokita [花園北] e Tengachaya [天下茶屋] localizado em Nishinari-ku [西成区].

Os bairros que compõem Kamagasaki se localizam perto da estação de Shin Imamiya na linha Osaaka Loop Line abaixo da Região do Famoso Bairro ShinSekai que também apresenta um ambiente mais cosmopolita.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Além do Shinsekai você encontra outros lugares turísticos próximos como Tsutenkaku, Nipponbashi e Abenobashi.

Algumas teorias afirma que o bairro ganhou o nome de Kamagasaki por causa que os alimentos distribuídos aos moradores de ruas eram cozidos em uma chaleira.

O nome Kamagasaki leva os ideogramas de [釜] chaleira, caldeirão e panela de ferro junto com [崎] promontório, cabo e ponta.

A história de Kamagasaki



O Bairro Kamagasaki é um local onde pobres e moradores de ruas se acumulam desde a pós-guerra e principalmente na década de 60. Mas sua história de pobreza vem bem antes da segunda guerra mundial.

Desde o período Edo, havia muitas acomodações de madeira para os turistas que se estendiam desde o atual bairro Denden Town pelos bairros Tennoji, Namba e Imamiya em Osaka. Esse lugar era chamado de Nagamachi.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Acredita-se que o bairro Nagamachi teve mais de 2800 acomodações de madeira em aluguel, hospedando mais de 6000 pessoas na Era Meiji no ano de 1886. Isso gerou certo nome envolvendo Osaka.

O bairro era visto como um problema de segurança e planejamento urbano, a sugeira dominava o local e algumas até ficaram doentes. Durante a expansão de Osaka em 1897 esse bairro foi dividido e deixou de existir.

Depois de muitas reviravoltas envolvendo a estruturação dos bairros, no ano de 1925 na segunda expansão de Osaka, a região sul foi nomeada como Kamagasaki, na época um bairro comum e sem nenhum problema.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

A cidade de Osaka estava próspera até ser afetada pela Segunda Guerra Mundial. Nesse tempo, pessoas de diversas partes do Japão vieram para Osaka construir doya (hospedagens e áreas de alojamento).

Por algum motivo, a maioria dessas pessoas pobres se acumularam na região de Kamagasaki. Na década de 50 milhares de ruelas com barracos de madeira as vezes cobertos de lona, surgiram pela região.

Mesmo com a remoção desses alojamentos precários e a construção de apartamentos apropriados, cada vez mais desempregados, andarilhos e sem tetos frequentavam o bairro na procura de amizades e empregos.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

O bairro era famoso por ter hospedagens e moradias baratas, além de uma boa oferta de emprego. Empregos são anunciados através de cartazes e altos falantes. Pessoas determinadas a trabalhar poderiam conseguir empregos em construção civil, transporte de mercadorias e trabalho nas docas.

Em 1959 foi realizada uma pesquisa que afirma que 40% dos moradores eram trabalhadores regulares, 40% eram diaristas ou faziam bicos e apenas 20% estavam desempregados. Pode parecer razoável em época de crise, mas não se resolveu.

Kamagasaki é como se fosse um bairro ou região que não conseguiu erguer totalmente da crise econômica e social depois da Segunda Guerra Mundial. Felizmente hoje o bairro mudou e melhorou bastante em comparação com o passado, mas ainda resta muitos moradores de ruas, pobres e desempregados.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Quem vive em Kamagasaki?

Grande parte dos moradores da região são trabalhadores temporários e diaristas que não tem um emprego fixo, mas trabalham e tem uma vida normal. Além dos moradores, o bairro é lar de muitos sem tetos e moradores de rua.

É impossível determinar quantas pessoas vivem em Kamagasaki, já que o local é frequentado por moradores de ruas, andarilhos, vendedores de rua e pessoas que vivem se movimentando, chegando e saindo.

Estima-se que mais de 30.000 pessoas vivem nesse bairro. Geralmente são idosos viciados em bebidas, drogas, pachinko, doentes ou abandonados por sua família. Muitos são desempregados, mas não por falta de emprego.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Muitos que vivem ali tem casa ou família, mas não quer voltar por algum problema pessoal e vergonha. Outros simplesmente não conseguem deixar os vícios e continuam morando nas ruas.

Muitos também escolhem morar nas ruas depois de terem sofrido de muito stress no trabalho e se revoltaram, optando por nunca mais trabalhar mais. Alguns esperam sentado sem se esforçar na conquista de um emprego.

Apesar de ser um local triste, tanto os moradores como os desempregados que vivem na rua, parecem ser felizes, sempre sorridentes, vivem conversando e sorrindo, diferente de alguns lugares como Tokyo…

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Por que kamagasaki existe?



Como pode existir uma favela e bairro tão deprimente num país tão rico e cheio de empregos? Na verdade coisas assim sempre vão existir em qualquer país. O país pode ser o mais rico que for, moradores de ruas vão se acumular.

O Japão tem poucos moradores de rua comparado com outros países de primeiro mundo. O Governo sempre investe nessas pessoas, tentando tira-los da rua, mas grande parte não aceita a ajuda.

Organizações religiosas e sem fins lucrativos freqüentemente distribuem rações alimentares ou sopão, criando longas filas de pessoas em parques públicos. Muitos idosos também recebem ajuda da previdência.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

A comunidade do Bairro também sempre faz coisas para ajudar esses moradores de rua, seja fornecendo alimentos, bicos ou entregando latinhas e outras coisas para ajudar os andarilhos na reciclagem.

A maioria das pessoas de Kamagasaki vivem desta forma por opção é não por falta de opção como é no Brasil. Uma das causas pode ser a depressão, onde as pessoas perdem a alegria da vida e acaba nessas condições.

Na verdade o local também se torna um ponto de encontro e aglomeração de moradores de rua por causa de seu baixo preço de hospedagem e do centro de ajuda comunitária e emprego Airin que vamos falar mais abaixo.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

O governo da cidade de Osaka não permite que o nome “Kamagasaki” apareça em mapas oficiais e desencoraja o uso do nome na mídia. Não para ocultar a existência do local, mas também para desincentivar a existência dele.

O governo luta a muito tempo para acabar com a pobreza e moradores de rua acumulados nesses bairros. Algumas das medidas para ajudar os moradores de rua de Kamagasaki por parte da comunidade e do governo são:

  • Serviço de Saúde Pública de Nishinari;
  • City Ai Neighbour Hall;
  • City Ai Neighbourhood Dormit;
  • City Imaike Living Hall;
  • Festival de Verão em Kamagasaki;
  • Twilight Concert;
  • Energy Festival;
  • Evening Variety Show;
  • Kamagasaki May Day;
  • Come Here Festival;
Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Os festivais realizados pela comunidade, grupos religiosos e grupos de ajuda humanitária são bem populares na região e são de grande ajuda para os desempregados que vivem por esses bairros.

Kamagasaki é uma Favela no Japão?

A definição de favela consiste em um local onde moram pessoas de baixa renda em construções toscas de materiais de baixo orçamento e improvisado. Será que Kamagasaki é realmente assim?

Nesta favela não tem crianças e nem mulheres, são apenas moradores de rua que se juntam em prédios dormindo em seus futons e matando o tempo em grupinhos nos bares e alguns raramente usando drogas. Essa é a ideia que muitos tem de Kamagasaki.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Apesar da grande concentração de moradores de rua, os bairros que compõem Kamagasaki não necessariamente são bairros pobres cheio de pessoas pobres, criminalidade e domínio de tráfico como no Brasil.

Na realidade, ao andar por todos esses lugares chamados de Kamagasaki, eu percebi que é um bairro residencial normal do Japão. A única diferença é os pontos de aglomeração de moradores de ruas.

Os valores dos imóveis em Kamagasaki são notavelmente mais baixos que os das áreas circundantes. Na verdade o bairro atrai muitos turistas por suas hospedagens baratas chamadas de doya.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Grande parte do bairro é cheio de hotéis e hospedagens que ajudam tanto os moradores de ruas quanto pessoas que querem economizar. Recentemente diversos mochileiros tem hospedado nesse bairro pelo preço e localização.

Kamagasaki não é um bairro perigoso cheio de crimes, roubos e drogas. Os moradores de rua geralmente são amorosos, não pedem esmola e nem ficam fazendo bagunça. Você pode andar sem ter medo, mas vai se emocionar com triste cenário de alguns pontos.

Apesar dos prédios antigos e do ambiente pobre, o local se mantém limpo e organizado, mas cuidado para não tropeçar onde os moradores de rua montam suas barracas ou colocam seus futons, pode ser em qualquer lugar.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Tirando isso, pra mim Kamagasaki é igual a muitos bairros do Japão, com seus restaurantes, casas de ramen, izakaya, maquinas de vendas automáticas, konbini, clínicas médicas, onsen, apartamentos e casas tradicionais.

Também devemos lembrar que os 5 bairros que compõem a região chamada de Kamagasaki são enormes. É deprimente a situação e os locais onde vivem os moradores de rua, mas acho injusto crucificar todo bairro por isso.

Na verdade, existem moradores de ruas, sem tetos e desempregados em qualquer lugar Japão. Em diversas cidades você pode acabar se deparando com uma praça ou terreno cheio de barracas, não é algo exclusivo de Kamagasaki.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Airin – Centro de Trabalho e Bem-estar



Esse é um dos prédios mais famosos onde se encontra uma grande concentração de desempregados e moradores de rua em Kamagasaki. No Airin Labor as pessoas podem conseguir um emprego e uma nova vida.

A primeira vista ainda é caótico, um local velho e mal reformado, sem pintura, parecendo um prédio abandonado. Apesar disso, o local é administrado lindamente, com interior espaçoso e uma atmosfera de mercado ou templo.

Existe um hospital, cafeteria, sala de banho e o banheiro é extremamente limpo. É possível ver alguns idosos jogando shogi ao longo do dia. O atual Airin Labor Welfare Center foi criado em 1970 na Osaka Expo.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Além do Airin Labor, temos também outras comunidades que fornecem empregos e ajudam os residentes temporários de Kamagasaki. Isso sem mencionar alguns prédios, parques e praças onde os sem teto costumam ficar.

Alguns centros de ajuda humanitária e lugares onde aglomeram os moradores de rua são:

  • Parque Sankaku
  • NPO Kama;
  • Haginochaya-minami Park;
  • Centros de reciclagem;
  • Hello Work Airin Rodo;

Um dos principais é o Parque Sankaku, uma praça triangular onde existe uma famosa televisão presa em uma grande onde moradores de rua com suas barracas assistem durante as manhãs e noites.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Conflitos com a polícia em Kamagasaki

Nesse bairro também acontecem conflitos com a polícia, protestos e motins. O primeiro foi registrado em 1961 onde supostamente um trabalhador idoso foi morto em um acidente de trânsito.

O policial que chegou no local assumiu que o homem estava morto, mesmo não sendo um médico, deixando o corpo por mais de 20 minutos sem chamar uma ambulância enquanto conversava com pessoas no local.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Isso gerou um motim em frente a delegacia que precisou de mais de 6.000 policiais para ser parado. Vários conflitos com a polícia ocorreram por causa da percepção de violações dos direitos humanos pelas autoridades.

O 24° motim aconteceu em 2008 e durou seis dias por que um trabalhador em Kamagasaki foi supostamente torturado pela polícia. Muitos afirmam que a polícia e autoridades locais não os tratam com igualdade.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

Como combater os problemas de Kamagasaki?



Como já mencionado, muita coisa tem sido feita para acabar com a pobreza e os moradores de rua de Kamagasaki. Ainda assim essas iniciativas não são o suficiente e as vezes apenas sustenta mais ainda esse cenário.

Não adianta mudar o nome do lugar para causar uma boa imagem, nem tentar distribuir empregos para uma fila enorme de pessoas, ou fornecer espaços que ajudam a aglomeração dessas pessoas.

O Japão tem uma taxa de desemprego praticamente nula, mas infelizmente as empresas são exigentes demais. Provavelmente o histórico e a situação atrapalha esses desempregados de Kamagasaki a conseguir um emprego.

Kamagasaki - Tudo sobre a Maior Favela do Japão

As maquinas de vendas e bares da região incentivam ainda mais os moradores de rua a se aglomerarem e ficarem em uma Zona de Conforto, onde eles simplesmente não querem dar um passo a frente em suas vidas.

Isso sem mencionar no gigantesco comércio de jogos de azar pachinko, uma das causas que levam uma pessoa estruturada a virar um morador de rua que gasta todo seu dinheiro de bicos jogando mais pachinko.

Infelizmente no mundo que vivemos, sempre vai existir alguma coisa que estraga vidas. O homem e sua ganância por dinheiro e busca por prazeres acaba se prejudicando e prejudicando outros.

O que você acha que pode ser feito para melhorar a imagem de Kamagasaki? Eu espero que tenham gostado do artigo, deu muito trabalho para escrever, por isso agradeço fortemente aos comentários e compartilhamentos.

Vídeos sobre Kamagasaki

Para finalizar o artigo, vou deixar alguns vídeos e reportagens sobre Kamagasaki:

Compartilhe Nosso artigo:

2 comentários em “Kamagasaki – Tudo sobre a Maior Favela do Japão”

Comentários do site