Japão VS Estados Unidos – Uma comparação de Moral

,
Post by //

Eu não gosto de fazer artigos comparativos (ou será que gosto?), mas eu encontrei em no site Quora um comentário gigantesco de um Americano que possivelmente mora no Japão sobre esse assunto, eu achei muito interessante e resolvi compartilhar com vocês no formato de um artigo.

A discussão perguntava se existe uma bússola moral entre os japoneses. Alguns acreditam que pela falta de uma religião que acredita na bíblia, os valores morais não existem.

O seguinte comentário envolve uma comparação de moral entre o Japão e os Estados Unidos, mas também pode servir de carapuça para o Brasil e outros países. É claro que o comentário escrito pelo autor Don Murray possui um tom crítico contra sua terra natal… Da mesma forma que os outros comentários nesse mesmo post do Quora eram falando que o Japão não possui uma bússola de moral.

Então ao invés de criticar meu artigo só porque ele expressa uma opinião diferente da sua, vai brigar com autor do comentário… Eu prefiro olhar as coisas boas e não as coisas ruins, a única coisa que eu quero de pessoas negativas é distancia…

Japão vs Estados Unidos

O Japão não tem um governo que está ligado intimamente a alguma religião (como a maioria dos governos que estão ligados com catolicismo) que faz códigos de moral e conduta. Felizmente existe uma lei e ordem que faz com que os japoneses permaneçam na linha todo tempo. Essas regras são inculcada desde cedo nas crianças.

Há um senso muito forte de certo e errado, não há um número gigantesco de intrometidos prontos para enfiar o nariz nos seus e falar sobre seus erros e falhas. No Japão, o crime violento é relativamente raro.

Comparado com os EUA, o Japão não poderia ser um lugar mais seguro para estar. As pessoas não possuem armas de fogo. Não há gangues, roubos de carro ou malucos com rifles atirando em escolas ou lojas.

Não há locais perigosos onde você não pode ir nem mesmo em plena luz do dia. Você não vai ver inúmeros traficantes de metanfetamina, viciados em drogas parecendo zumbis em todo lugar. Você não vai encontrar um monte de malucos de olhos vermelhos agitando rifles de assalto no ar e protestando contra o governo.

hospitais no Japão

Você não encontrará a enorme desigualdade de renda que é tão prevalente em outros países que supostamente são mais “morais”. Um CEO de uma empresa ganhar 5.000$ por hora, enquanto faxineiros são pagos com salários miseráveis seria uma obscenidade no Japão.

Nem há dezenas de milhões de pessoas sem seguro de saúde como nos Estados Unidos. No Japão você não vê pessoas morrendo porque não podem arcar com os altos preços dos remédios.

E se você perder sua carteira no seu país, quais são as chances de você conseguir de volta? No Japão, há uma boa chance de você recuperar no mesmo local e sem perder nada. Quando ocorre um desastre em muitos países ocidentais, o saque e o roubo começa. Não no Japão!

Sem mencionar que os japoneses são geralmente muito simpáticos e acolhedores com os visitantes estrangeiros. O serviço ao cliente do Japão fará com que você se sinta decepcionado depois que voltar para casa, com raiva de como você é maltratado em seu próprio país. (me senti assim)…

Vale lembrar também das inúmeras coisas que os japoneses fazem pelos outros, mas que ficam ocultadas porque gabar-se e se destacar-se por um feito não faz parte da cultura japonesa.

Obvio que no Japão nem tudo são flores

Para finalizar o Americano acrescentou, já que muitos levam ao pé da letra…

Isso não quer dizer que o Japão seja uma utopia! Há uma mentalidade muito forte de nacionalidade no Japão, tanto que se acontecer um desastre em outro país, o Japão vai ser um dos últimos a ajudar.

A taxa de suicídio também é um pouco alta, muitas vezes não há saída para as pessoas que caem na depressão de perder uma carreira ou o cônjuge. E as noções de “igualdade” e “justiça” de algumas pessoas podem ficar extremamente estranhas, já que também há um forte complexo de inveja na sociedade.

A mentalidade social e de igualdade japonesa faz com que muitas pessoas diferentes se sintam excluídas e sofram meus tratos.

Então, em suma, os japoneses não querem alguém com uma bússola moral própria, eles querem alguém em conformidade com a mesma bússola moral que todo mundo tem.

Por Favor! Compartilhe Nosso artigo:


1 comentário sobre “Japão VS Estados Unidos – Uma comparação de Moral”

  1. Pessoas que geralmente trazem esse tipo de discussão à tona parecem que esquecem pra começar que o Evangelho em si fala de coisas que são inerentes a todo ser humano: amor, amizade, retidão e etc. O Japão não tem realmente predominância do cristianismo de fato mas isso não quer dizer que coisas como certo e errado não existam lá também, afinal nós como humanos entendemos esses conceitos desde crianças. Países como o nosso Brasil aliás tem predominância da religião cristã e isso significa algo?Olha o que acontece no dia dia-a-dia, por exemplo! E como bem falado aí o Japão não é uma utopia, afinal o caso mais bárbaro (pra mim ao menos) que conheço contra um ser humano foi cometido lá, que foi o da Junko Furuta. Maldade está presente no ser humano bem como a bondade em si está,afinal.

Comentários do site