in

Será que a mídia e a cultura influencia as pessoas?

Compartilhe nas redes sociais:

Ao longo dos anos existem diversas discussões sobre a influência que a música, filmes, jogos e outras mídias podem exercer sobre as pessoas. Existem várias expressões polêmicas que alguns odeiam ouvir como “jogos tornam a pessoa violenta”, “pornografia estraga casamentos” e muitas outras.

É obvio que jogar ou assistir filmes violentos não vai transformar a pessoa em um serial killer, e muitos que jogam jogos de ação odeiam qualquer coisa real relacionada a violência. Só que o assunto que eu quero abordar é exatamente o fato de que sim! As coisas que as pessoa fazem e gostam influenciam e também são reflexos da personalidades e culturas das pessoas.

Podemos começar citando que as pessoas são facilmente influenciadas uma pelas outras. O que leva alguém a usar drogas ou fumar? Na maioria dos jovens é a influência de algum amigo. O ambiente em que vivemos nos molda de determinada maneira, é obvio que o que assistimos e ouvimos tem grande influência nesse molde.

O simples fato da pessoa negar ou não aceitar que está sendo influenciada por algo já é uma prova de que ela foi influenciada por algo. Eu sou influenciado pelo meu estilo de vida e não nego. Assistir animes fez com que eu segui-se uma carreira relacionada ao Japão e criou o desejo de aprender japonês e mais sobre a cultura do país. O estilo de vida que eu fui criado fez com que eu não gosta-se da maioria das coisas que as pessoas gostam atualmente.

Como as pessoas tentam negar que as coisas que elas fazem não possuem nenhuma influência sobre as personalidades delas? Vivemos numa geração onde as pessoas seguem umas as outras e que ninguém aceita opiniões diferentes uma das outras. Isso sem citar o quanto as pessoas têm idolatrado famosos, cantores e outras coisas aleatórias.

Um contraste cultural entre o Brasil e Japão

De um lado temos o Japão, um país bastante aberto e fechado ao mesmo tempo. Existe uma pressão social para serem coletivos e pensarem sempre no próximo, mas, ao mesmo tempo as pessoas vivem suas vidas individualmente. Ao mesmo tempo, que os japoneses pouco se importam com o que os outros fazem ou vestem, aqueles que tentam quebrar certos parâmetros acabam sendo martelados.

Do outro lado tem o Brasil, um país onde as pessoas aparentemente são calorosas e quentes, mas, ao mesmo tempo gostam de se intrometer na vida dos outros. Enquanto os japoneses evitam ao máximo discordância, os brasileiros fazem de tudo para estarem certos e não costumam ouvir opiniões contrarias. Infelizmente uma parte dos brasileiros são vistos como corruptos, egotistas e malfeitores.

Ambos os países têm seus problemas, mas o Japão é um dos países mais seguros do mundo enquanto o Brasil, um país com potencial pra ganhar dos EUA, é dominado pela violência, corrupção e pobreza. Muitos brasileiros culpam os governantes, mas a verdade é que o estilo de vida e cultura dos brasileiros trouxeram esse resultado.

Contrastes culturais

Ambos os países possuem mídias cheias de violência e imoralidade, que são populares entre a maioria das pessoas. Alguns aspectos culturais influenciam na criação dessa mídia que também influencia o resto da população. Abaixo podemos citar alguns contrastes culturais que podem afetar na influencia das pessoas e da mídia:

BrasilJapão
Não tem vergonha ou timidez.Tem muita vergonha e timidez.
Fazem as coisas sem pensar.Pensa em como suas escolhas podem afetar outros.
Procura sempre o caminho mais fácil e rápido.Tenta fazer as coisas de acordo com que foi ordenado.
Não se importa com que os outros pensam.Se esforçam em ganhar aprovação do próximo.
Usa uma linguagem cheia de conotação sexual.Usa uma linguagem formal, educada e humilde.
Ama tretas, discussões e polêmicas .Evita discordar, criticar e entrar em polêmicas.
Busca apenas as coisas que quer.Busca o conhecimento, pesquisa.
Educação? Que isso?Educação e criação rígida.

 

Provavelmente alguém vai querer comentar “mas eu não sou assim”. Todos os seres humanos são diferentes, entenda que quando eu cito algo referente a um país você deve ter em mente que isso é relativo. Diversas pessoas de ambos os países podem fazer o inverso um do outro.

Vamos observar como essas coisas estão expostas na cultura e na mídia brasileira e como isso tem causado os resultados catastróficos em nosso país.

Será que a mídia e a cultura influencia as pessoas?

A cultura influencia a mídia?

As novelas brasileiras costumam mostrar a triste realidade de nossa sociedade. Coisas como traições, roubo, corrupção e sexo são retratadas de maneira natural como se fosse algo normal. Já os dorama japoneses costumam ter suas tramas, mas as coisas costumam acabar bem, uma fantasia feliz onde o bem prevalece. A timidez deixa as relações japonesas tão inocentes que as vezes alguns dorama acabam até mesmo sem um beijo.

As músicas populares no Japão costumam ter letras elaboradas e filosóficas que parecem poemas. Já no Brasil as músicas populares costumam ter letras e ritmos repetitivos que fazem apologia a drogas, sexo e violência. Apesar de defenderem esses estilos, as músicas não trazem nenhuma reflexão e apresentam coisas negativas como sendo coisas legais.

Não estamos dizendo que não existem mídias contrarias as citadas aqui, quando se trata disso existem milhões de gêneros em ambos os países. Estamos falando apenas do que é mais popular em cada país. Para a maioria dos brasileiros e japoneses o estilo de vida e a mídia popular de seu país é algo ridículo. Ambos também acham ridículo o estilo de vida e mídia do outro país. Existem uma grande diversidade de gostos em ambos os países, porém, existe a famosa manada.

Se você for como eu e acompanhar os comentários de sites de jogos vai ver um grande número de haters da Nintendo que é bastante popular no Japão. A maioria dos brasileiros acha os jogos da Nintendo infantis e coloridos, aqui os jogos de ação realistas e FPS são bem mais populares, principalmente entre crianças (mesmo o jogo sendo proibido para menores).

A mídia do Japão é dominado por fantasia e coisas fofas afins de levar a vida positivamente. A mídia do Brasil é dominado pela realidade que as pessoas não lutam pra mudar, mas sim abraçam com amor. Não pense que a mídia do Japão é inocente, como a maioria das mídias do mundo, ela é dominada por fanservice.

A mídia influenciando a atitude das pessoas

As pessoas são facilmente levadas umas pelas outras. Podemos ver isso nas tendências e até mesmo nos famosos que fazem um sucesso em determinada época e depois desaparecem aos poucos e são esquecidos por grande parte. Algumas acabam idolatrando e sendo dependente de certa mídia ou pessoa.

Eu me tornei uma pessoa violenta pelo meu estilo de vida? Pergunte-se: Se alguém fazer algo ruim contra você, o que você faz? Sente vontade de brigar com essa pessoa ou deixa pra lá? As escolhas vão variar bastante dependendo da idade, nacionalidade e estilo de vida da pessoa. Isso é o reflexo cultural e a criação da pessoa.

A maneira mais prática de acabar com algo errado é eliminar essa coisa. Outros países tentam mostrar através da mídia que certas coisas são erradas, mas parece que a mídia brasileira tem mostrado as coisas erradas como sendo as corretas ou as melhores escolhas. Da mesma maneira nosso país tem sustentado a pobreza ao invés de acabar com ela.

Eu percebo como as pessoas são facilmente levadas por informações falsas e notícias generalizadas, alguns até mesmo levam essa opinião alheia com força para o túmulo. Agora vem pessoas que não aceita que as coisas influenciam? Os seres humanos são facilmente manipulados seja pela TV, internet, jogos, religião, governo, família e principalmente o próprio eu ou desejo.

Assim como eu não gosto de certas coisas por não ter sido exposto a elas durante minha vida, a maioria das pessoas gosta do considerado errado pelo simples fato de serem expostas a isso ou pelo fato disso ser considerado algo comum e normal. Algumas pessoas são bem abertas as coisas, já outras acabam não entendendo ou querendo conhece-las.

Nosso mundo está uma desgraça total e fica cada vez pior, em algum ponto da história o estilo de vida que as pessoas levam causou isso. O mundo sempre esteve em guerra, com violência e desgraça, mas chegamos a proporções astronómicas. Mesmo que o efeito disso seja pequeno, o mundo ainda é um reflexo de nossas vidas e escolhas.

Compartilhe nas redes sociais:

Você gostou do artigo?

0 ponto
Upvote Downvote

Total de votos: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Escrito por Kevin

Obrigado por ler nosso artigo, agradeço aos comentários e compartilhamentos. Sou o administrador deste site e quero tornar esse o maior portal de cultura japonesa do Brasil. Agradeço a colaboração!

Deixe uma resposta
  1. A influência é um acontecimento inegável. A família e a escola são os primeiros fatores influenciadores na vida de uma pessoa. Mas é certo que as influências vão de encontro a uma série de elementos subjetivos emocionais e/ou espirituais. É difícil precisar qual bolo sairá da liga dessa massa – ou por outra, em que grau a influência encontrará resposta comportamental na pessoa; E resposta de que tipo. Quando a pessoa começou a conscientemente se perguntar sobre si mesma, seus planos de existência; quando começa a se comprometer com essas construções, percebendo que essas são espelhos para uma cosmovisão de si mesmo e do mundo que a rodeia – a pessoa deixa de ser um uma engrenagem passiva que repete informação e comportamento em estado bruto. A pessoa pode recortar, remodelar, recombinar as influências que recebe. Sua criação pode ser tão forte que ela mesma se torne influência e referência para outras pessoas. Imagino que isso se desenvolva na busca do ikigai – descobri-lo? Criá-lo? O fato é que na descoberta, ou criação de algo, escolhemos alguns elementos, e ignoramos outros.“O propósito da vida é descobrir o seu presente, tudo o que está dentro de você e como você pode utilizá-lo.” – William Shakespeare. Se a pessoa está engajada nesse processo, a influência reforçará e caminhará ao lado desse vir-a-ser de cada pessoa. Esse resultado é imprevisível, e pode mesmo ser surpreendente.

    • Obrigado pelo comentário, sua opinião é uma ótima informação para todos!

Comentários do site

Asian Kung-Fu Generation – Curiosidades e sucesso

Sazae-san – O anime mais longo da história