K-pop: 5 fatos para explicar como o estilo musical coreano conquistou o mundo 

[ADS] Anúncio

O K-pop é um acrônimo para música pop coreana, um estilo musical que na verdade é uma mistura de diferentes gêneros, como pop, hip-hop, eletrônico, e que formam essas nuances rítmicas que fazem tanto sucesso entre os jovens e adolescentes de todo o mundo.

O K-pop também é visto como uma indústria da música devido ao longo processo de formação de artistas e performances impecáveis.

Artistas de outros países saem de escolas ou shows de talentos, e assim como o processo de despachante aduaneiro logística conquistam um espaço na indústria e se tornam nomes conhecidos.

No K-pop o processo é um pouco diferente, já que os candidatos passam por audições feitas por empresas de entretenimento e depois têm um treinamento rigoroso, às vezes por dez anos, para garantir uma vaga na indústria. Não é à toa que eles fazem tanto sucesso.

Então, neste artigo vamos explicar tudo sobre o que é K-pop, e como esse estilo conquistou tantos jovens, adolescentes e adultos de todo o mundo.

O que é K-pop?

K-pop é um acrônimo para Korean Pop e pode ser usado para descrever a música pop coreana. É um gênero de música que inclui conteúdo visual em vídeos.

Começou na Coréia em 1992 e foi popularizado por Seo Taiji and the Boys, um dos primeiros grupos de K-pop formados no início dos anos 1990.

Consiste em diferentes tipos de música, compõe ritmos e contém muitos elementos estrangeiros, e é influenciado por vários gêneros ocidentais como country, jazz, hip-hop, reggae, folk, pop, rock, etc.

Como resultado, os videoclipes são visualmente atraentes, coloridos e ricos em imagens. É por isso que são massivamente transmitidos em diversos locais, seja em uma concessionária de seguro para moto suhai ou em supermercados.

Eles conquistaram a mente dos adolescentes coreanos e aos poucos espalharam o conteúdo da música coreana na internet.

Agora que você sabe o que é K-pop, vamos aprender mais sobre esse estilo de música inebriante, alegre e contagiante!

Como surgiu o k-pop?

O K-pop explodiu em todo o mundo há alguns anos, mas é tendência na Coreia do Sul desde o início dos anos 1990, marcado pela estréia do grupo Seo Taiji and the Boys.

Em 1992, o país viu o surgimento dessa nova maneira de fazer música, que soava como um experimento com diferentes gêneros e estilos de todo o mundo, misturando coreano e inglês e conquistando todos os fãs da Coreia e dos países próximos.

No entanto, a Ásia passou por uma grande crise financeira naquela década e, para melhorar sua economia, o Ministério da Cultura coreano investiu em entretenimento.

Com isso, a onda K-pop, envolvendo não apenas K-pop, mas também dramas de TV (novelas), filmes, moda e outros aspectos culturais são exportados para todo o mundo.

A evolução do K-pop

Foi a partir do final dos anos 2000 que o K-pop se desenvolveu de um gênero de música comum entre adolescentes e jovens adultos coreanos para uma subcultura, mesmo em partes da Ásia fora da Coreia do Sul.

Hoje as redes sociais desempenham um grande papel na disseminação global do K-pop, visto e ouvido nas paradas de sucesso nos mais diversos países da América Latina, Índia, Norte da África, Oriente Médio e muito mais.

Neste momento, o K-pop é sem dúvida uma das referências mais importantes da cultura coreana para a juventude global. Nenhuma festa está completa sem “K-pop” suficiente para agitar a multidão!

Isso porque, com batidas ritmadas, danças bem coreografadas, imagens muito interessantes e uma boa balada que conquista qualquer um, é quase impossível ouvir sem balançar o quadril!

O que é super legal e ainda mais fascinante é que cada grupo nomeia seu fã-clube e também os chama de fãs de maneiras diferentes. Veja abaixo uma lista dos principais e mais famosos grupos de K-pop e seus fãs!

Principais grupos de K-pop e seus fãs

Os principais grupos de K-pop de sucesso atualemente são:

  • BTS (Bangtan Sonyeondan);
  • EXO;
  • BLACKPINK;
  • SEVENTEEN;
  • TWICE.

Em maio de 2021, o BTS lançou com sucesso o single de sucesso “Butter”, que conseguiu mais de 101 milhões de visualizações no YouTube em 24 horas.

Então, por enquanto, milhares de fãs de todo o mundo vão para a Coreia para assistir a shows emocionantes de K-pop. Com toneladas de técnica, coreografia e cores brilhantes, essas demos conquistaram os corações da multidão!

5 fatos incríveis sobre o K-pop

O sucesso do K-pop não é mais novidade para ninguém, mas você sabe o por que de tanta fama desses grupos? Bom, vamos conhecer agora 5 fatos curiosos que definem esse grande sucesso. Confira:

  1. O k-pop produz filmes

Um dos primeiros fatos que faz o sucesso desse estilo musical é que alguns grupos de K-pop se apresentam em seus próprios filmes. O primeiro foi o H.O.T, o precursor do K-pop como o conhecemos hoje.

O filme “A Era da Paz” foi lançado em 2000, estrelado pela cantora Dana, e depois estreou com o grupo CSJH The Grace. Foi o primeiro filme em 3D da Coreia do Sul e custou cerca de US$ 6 milhões para ser feito.

O filme tem um estilo futurista (no estilo de “A Princesa Xuxa e os Trapalhões”), que combina com o estilo do H.O.T da época.

Outros grupos também têm seus próprios filmes, como Super Junior, os engraçados “Offensive Pin-Up Boys” , de 2007; e de 2012, a garota que estrelou Wonder Girls em “Wonder Girls” da Nickelodeon nos Estados Unidos.

  1. O grupo BTS é o ícone do sucesso do K-pop

Agora, quando se trata de paradas de rock, o BTS continua fazendo história. O grupo sul-coreano já detém 23 Guinness World Records.

Isso incluindo o videoclipe mais visto no YouTube em 24 horas, o menor tempo para chegar a 1 milhão de seguidores no TikTok e a transmissão ao vivo de 2021 para os ingressos mais vendidos.

  1. Um dos grupos ganha documentário na Netflix

Quando falamos de grupos femininos de K-pop, é impossível não falar do BLACKPINK, certo? As meninas do influente grupo mundial ganharam até um documentário na Netflix!

O título, BLACKPINK Light Up The Sky, nos convida a uma jornada que começou em 2006, cheia de desafios e histórias sobre a formação do grupo.

  1. Rain participou de um boygroup nos anos 1990

Rain, um dos maiores solistas da história do K-pop, estreou em um grupo masculino. Em 1998, aos 16 anos, iniciou sua carreira com a banda Fanclub.

Na época, seu nome artístico Rain (ou Bi em coreano) era desconhecido, e seu nome verdadeiro, Jung Jihoon, foi usado em seu lugar.

A estreia da banda foi com uma versão de “Tubthumping”, um sucesso dos anos 1990 da banda britânica Chumbawamba.

A banda lançou dois álbuns, mas eles não duraram muito. Com o fim da banda, Rain começou sua carreira solo e se tornou um dos homens mais bem sucedidos do K-pop.

  1. É extremamente difícil fazer parte de um deles

Assim como uma empresa que preza pela segurança investe em controlador de acesso empresas, o K-pop investe nos melhores talentos, algo que explica bem a qualidade e rigorosidade dos grupos.

Alguns desses jovens aspirantes a cantores decidem fazer essas audições, enquanto outros são escolhidos pelos olheiros das empresas.

Em outras palavras, o processo de se tornar um novo ícone do K-pop está longe de ser simples. Muito pelo contrário.

Os jovens devem procurar agências de entretenimento para fazer audições, ingressar nesses grupos musicais e depois passar por vários treinamentos e testes até formar o grupo perfeito.

Ou seja, é o mesmo que aprender a pilotar um táxi aéreo avião, por exemplo. Tudo isso pode levar anos e mais anos, além de muito investimento em cursos de danças e canto.

Com isso, não é à toa que muitos jovens da Coreia tentam vários processos para fazer parte de um desses grupos.

Como usar o sucesso do K-pop a seu favor?

Se você tem uma empresa de cosméticos que utiliza tecnologia, você precisa além de uma autorização ambiental para o processo de produção, de estratégias para vender mais seus produtos.

Com isso, utilizar o K-pop nas suas campanhas de marketing pode ser realmente incrível para aumentar o engajamento da marca, e consequentemente o interesse do público.

Esse é só um exemplo que damos, mas agora vamos conferir algumas dicas simples para você que tem um negócio utilizar essas obras musicais de sucesso a seu favor e ir além de monitoramento ambiental e processos que já são obrigatórios em uma empresa.

Trends de reels

As trends do Instagram chegaram com muito impacto e já mostraram que são indispensáveis em qualquer reels. Portanto, que tal utilizar uma música de K-pop em um de seus reels? Pode ser uma aposta bem interessante!

Trilha sonora

As trilhas sonoras de K-pop são tão divertidas que podem ser usadas como trilhas sonoras de uma loja de acessórios femininos ou mesmo em setores internos para os funcionários que fazem processo de datador novos, por exemplo, trabalharem com mais diversão.

E claro, isso pode ser feito em diversos setores de uma empresa. A questão aqui é pensar no endomarketing (marketing interno) na empresa, a fim de proporcionar um ambiente de trabalho saudável e desejável a todos os colaboradores, independentemente do segmento. 

Conteúdos interativos 

Fazendo uma comparação, assim como a defensa metálica simples é essencial para garantir a segurança, é muito importante que as empresas construam conteúdos interativos.

E como estamos falando de K-pop, ele pode ser muito bem utilizado e associado em diversos conteúdos no Instagram e em blogs.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe Este Artigo: