Os Invisíveis moradores de rua no Japão

, , ESCRITO POR


Já se perguntou se no Japão existem moradores de rua, sem teto, andarilhos ou mendigos? Sim, como em qualquer país. Nesse artigo vamos falar sobre os invisíveis moradores de rua que vivem no Japão.

O Japão é um país rico onde 80% das pessoas vivem acima da linha da pobreza. A reputação de que o Japão é um país rico e sem desigualdade, cria ideias de que no Japão não existem moradores de rua, ou que raros.

Ainda sim, estimasse que apenas em Tokyo, existam mais de 5 mil desabrigados e que milhões de pessoas vivem na linha da pobreza.

Sumário do Artigo
- Por que existem moradores de rua no Japão?
- Sem tetos Na sociedade japonesa
- Kamagasaki - A maior Favela do Japão
- Como são os moradores de rua do Japão? 
- Existem Mendigos no Japão?
Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Por que existem moradores de rua no Japão?



Como na maioria dos países, grande parte desses moradores de rua perderam a família, possuem alguma doença mental, problema de saúde ou é um alcoólatra ou viciado. Bebidas e Pachinko são uma das principais causas.

Apesar do Japão desesperadamente precisar de pessoas para trabalhar, a maioria dos moradores de rua possuem mais de 40 anos, e é difícil conseguir emprego nessa faixa etária, ainda mais nas condições que estão.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Além de moradores de rua, existe um número grande de jovens que vivem em Cibercafés, Mangacafés  e que possuem um trabalho temporário, parcial, ou simplesmente usa o dinheiro dos país.  

Muitos desses moradores de rua sobrevivem através da coleta e reciclagem de lixo. Outros fazem bicos e trabalhos diários, gastando todo dinheiro em bebidas, jogos e pachinko.

Sem tetos Na sociedade japonesa



Os japoneses costumam ignorar os desabrigados e dar-lhes espaço. Os moradores de rua no Japão raramente são perseguidos pela polícia ou por algum malfeitor. 

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Muitos vivem em comunidades sem-teto, tendas improvisadas em rios, parques, pontes ou linhas de trem. Os tribunais japoneses tem defendido os direitos dos sem teto em várias ocasiões.

Um exemplo é que eles não permitem que a policia desmantele as barracas dos sem teto. Caso seja necessário, a policia deve seguir o mesmo procedimento usado para despejo de um apartamento ou casa.

O governo tenta fazer o possível para ajudar essas pessoas. Mas infelizmente alguns preferem não ser ajudados, simplesmente porque muitos adotaram esse estilo de vida propositalmente.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Isso já foi diferente na década de 1990. Nessa época os sem-teto no Japão eram vistos como um incômodo. Muitos foram torturados pela polícia, alguns até fizeram motins e protestos por causa de alguns descasos.

O governo tentou até mesmo se livrar dos moradores de rua impedindo que eles recebessem benefícios do governo. Em 1997, Tóquio, finalmente reconheceu a existência deles.

Em 2001, o governo informou que havia cerca de 25.000 pessoas desabrigadas no Japão. E Osaka tem a maior população de sem tetos do país, na verdade tem até um próprio bairro onde os desabrigados vivem.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Kamagasaki – A maior Favela do Japão

No Sul de Osaka se encontra a maior fonte de sem tetos e moradores de rua do Japão. O bairro se chama Kamagasaki e acredita-se que nesse bairro existem andarilhos e moradores de rua do país inteiro.

O Bairro é gigante e se localiza próximo a lugares famosos de Osaka. Nele é possível encontrar diversos moradores de rua espalhados em prédios, principalmente nos centros humanitários como Airin Labor.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Barracas podem ser encontrados em praças como Parque Sankaku ou abaixo da linha de trem que circula o bairro. Existem diversos centros de reciclagem e agências que oferecem empregos e bicos em Kamagasaki.

O bairro tem um ambiente de pobreza, com prédios antigos, casas baratas e alojamentos com preços acessíveis que atraem milhares de mochileiros do país e do mundo. O bairro é bastante comentado pela mídia.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

No Bairro é realizado diversos eventos e festivais para ajudar a população de desabrigados e moradores de rua. Além dos festivais de verão e shows, sempre acontece a distribuição de alimentos e o famoso sopão.

Como são os moradores de rua do Japão?



Os moradores de rua do Japão são extremamente educados e tranquilos. Eles nunca pedem dinheiro, muito menos roubam. Isso é irônico porque os japoneses estão propensos a doar.

Os moradores de rua do Japão fazem de tudo para não atrapalhar ninguém ou ficar no caminho. Eles evitam ficar em locais de movimento durante o dia. Muitos até trabalham como diaristas durante o dia.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Durante a noite os centros e parques da cidade são preenchidos por alguns moradores de rua, mas ao amanhecer eles cuidadosamente se locomovem para outro local, afim de não incomodar ninguém.

Os moradores de rua japoneses também são conhecidos por cuidar de animais abandonados em parques urbanos. Nem todos os moradores de rua no Japão estão nessa situação por falta de alternativas ou oportunidades. 

A maioria desses moradores de rua são idosos aposentados, abandonados, ou simplesmente decidiram se isolar da sociedade por algum motivo. A pressão social e econômica acabaram afetando algumas dessas pessoas.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Um bom número desses moradores de rua estão nessa situação porque optaram em viver dessa maneira porque querem se sentir livres e sem as pressões impostas pela sociedade.

Desemprego não é uma causa comum, já que no Japão tem mais mão de obra do que empregados. Ainda assim, alguns moradores de rua são preguiçosos e não querem trabalhar, ou simplesmente pegaram trauma de trabalho.

Como muitos optaram por essa vida, não devemos juga-los, nem culpar o país por esse pequeno número de desabrigados. Na verdade muitos são felizes e tem uma vida social melhor que muitos japoneses.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Escrevemos esse artigo dedicado a eles, para que todos vocês não se esqueçam que no Japão existeM pessoas com problemas, e eles enfrentam esses problemas e desafios de forma positiva.

Existem Mendigos no Japão?

Mendigos são diferentes de sem teto, eles pedem as coisas na rua, em lugares públicos e as vezes tem uma casa e uma família. No Brasil existem milhares de mendigos, alguns mais ricos do que trabalhadores com salários mínimos.

Acredita-se que o ato de mendigar pode ser uma doença, então com certeza devem existir mendigos no Japão. Existem pessoas que não possuem nenhuma necessidade financeira mas gostam de pedir as coisas.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Em uma certa ocasião, estava em Tokyo e um jovem parou de bicicleta e estendeu a mão pra mim, eu simplesmente tirei uma moeda de 100 ienes e coloquei na mão dele. Sem dizer nada ele simplesmente foi embora.

Também conheci uma mulher em Ginza que estava pedindo dinheiro para ajudar no terremoto em Hokkaido. Eu sabia que aquele dinheiro não iria para ajudar o terremoto em Hokkaido, tava obvio que era um scam.

Ainda assim contribui e fiz amizade com a senhora e ela me convidou para um restaurante com apresentação amadora de cantores, onde eu me diverti bastante. Foi interessante fazer amizade com estranhos no Japão.

Os Invisíveis moradores de rua no Japão

Ainda assim, não é comum japoneses pedirem dinheiro para outros na rua, principalmente moradores de rua e sem teto. Japoneses tem orgulho e não gostam de incomodar nem depender de outras pessoas.

Um exemplo disso é que nem mesmo os garços e empregados de hotéis tem o costume de receber gorjetas. As vezes um estrangeiro até tenta oferecer gorjetas, mas os empregados simplesmente rejeitam.

O que você acha dos moradores de rua no Japão? Será que algo a mais pode ser feito? Espero que tenham gostado desse artigo. Se gostou, compartilhe e deixe seus comentários.

Compartilhe Nosso artigo:

14 comentários em “Os Invisíveis moradores de rua no Japão”

    • Acredito que o limite da pobreza eu queria dizer limite do salário, pq realmente a maioria dos moradores de Tokyo gastam todo trabalho vivendo e pagando impostos, sem capacidade de juntar para algo futuro… Nada diferente do normal… Dei uma alterada pra fazer mais sentido.

  1. Pobres pessoas mas poxa, até nesse triste aspecto o Japão difere, e como, de forma positiva em relação ao Brasil e tantos outros países!

    Responder
  2. Desculpe mas esses numeros são corretos? 20 milhões na linha da pobreza em Tokio, que tem cerca de 30 milhões de habitantes? Isso seria mais da metade da população.

    Responder
    • Realmente achei que deu a entender mal essa frase, mas realmente a maioria da população do Japão vive no limite do salário, apesar de ter condições de comprar e uma vida muito mais confortável. Vou tentar verificar a fonte, sei que 20 mil não deve ser, é um numero bem baixo.

Comentários do site