Macacos selvagens aterrorizam japoneses

Os macacos selvagens são bem comuns em cidades japonesas, no entanto algo que tem chamado a atenção com relação a esse animais são as sequências de ataques. Esse tipo de comportamento é considerado raro, mas desde o começo do mês de julho de 2022, quase 60 pessoas foram feridas por macacos na cidade de Yamaguchi, no Japão. Entre os feridos estão predominantemente idosos e crianças.

A fim de conter os primatas, a polícia local teve que fazer o uso de tranquilizantes. Essa espécie sofreu aumento em sua quantidade recentemente, contudo já chegou a ser considerada vulnerável. Moradores da região relatam até mesmo invasões em suas residências – eles entram por qualquer brecha que encontrar. “Ouvi um choro vindo do térreo e desci correndo”, disse um pai à imprensa japonesa. “Foi quando vi um macaco em cima do meu filho”.

No início dos ataques, as principais vítimas foram mulheres e crianças. No entanto, idosos e homens adultos também tiveram ferimentos, a maioria arranhões e mordidas nas regiões das pernas, pescoço e barriga. Como justificativa para o transtorno, pesquisadores da Universidade de Yagamata, associaram o aumento do índice populacional dos macacos selvagens com a proximidade com os humanos devido a quantidade.

Os macacos são considerados pela União Internacional para a Conservação da Natureza como uma espécie de “menor preocupação”. Contudo, não é o que os conflitos têm apontado. Por conta disso a polícia japonesa reforçou a patrulha na região e orienta para que a população mantenha as portas e janelas fechadas.

Macacos selvagens aterrorizam japoneses - macaco
Imagem: Reprodução

Macaco é capturado e morto

Por conta dos ataques por parte de macacos selvagens no Japão, eles passaram a ser vigiados por autoridades. Um dos animais que faz parte da “gangue” que estava machucando moradores da região foi capturado e morto em 27 de julho de 2022. Ele foi encontrado dentro do terreno de uma escola localizada em Yamaguchi.

Ele foi avistado por caçadores contratados para fazer o serviço. O macaco é macho, com idade aproximada de 4 anos e em média meio metro de altura. A imprensa local informou que até o momento 58 pessoas foram atacadas por eles , dessas 34 estavam em suas casas.

Macaco japonês

O macaco selvagem japonês ou macaco-do-japão é pertencente à família dos cercopitecídeos. O habitat natural deles é na floresta, acima de 1500 metros de altitude. Suas subespécies são M. f. fuscata e a M. f. yakui. Ambientalistas temem a extinção da espécie visto que os locais onde costumam viver estão sofrendo de ações humanas.

Os macacos costumam medir de 54 a 61 centímetros de altura e pesam em média de 8 a 13 quilos. Suas características físicas são peculiares, de focinho avermelhado, calda curta – média de 8 a 10 centímetros – e pelo acinzentado. A arcada dentária se assemelha com a de humanos e possui uma visão fraca, tridimensional e audição apurada.

Essa espécie de macaco também pode ser conhecida como “Macaca Fuscata”, que vive mais ao norte do mundo, e possui um bom sistema de adaptação do ambiente. Os macacos possuem uma pelagem que pode variar de uma para a outra, como os tons de marrom, cinza e amarelado. E os pelos mais espessos que eles possuem ajudam a lidar com baixas temperaturas ao longo do ano. A região da face face possui quase nenhum pelo.

A espécie pode se diferenciar também quanto ao sexo, visto que o macho é maior, mais robusto e pode chegar até a 57 centímetros de altura e 11 quilos. Já as fêmeas podem chegar a 8,5 quilos e possui 52 centímetros de altura. Esses animais possuem habilidades motoras avançadas, conseguem pegar objetos com firmeza nas mãos e andar com as patas traseiras.

Macacos selvagens aterrorizam japoneses - 1280px japanesemacaquem2218
Imagem: Reprodução

Habitat e preservação

O macaco japonês tem uma incrível capacidade de adaptação, visto que as temperaturas vão de -15ºC a 25ºC. Cada estação vai definir seu estilo de vida e alimentação. Eles estão localizados mais na região sul do Japão. O macaca fuscata vivem em grupos com cerca de 20 a 30 primatas , por toda a vida. Para que isso seja possível, o macho alfa protege o grupo de predadores e de inconvenientes junto com outros grupos de macacos.

Ele se alimenta de plantas e pequenos animais, ou seja, é onívoro. Seus principais alimentos são frutas, bagas, sementes e até flores. No geral, essa espécie é tida como característica amigável e que consegue viver bem com outros macacos e até humanos – embora a realidade tenha tomado um rumo diferente nos últimos dias por conta dos ataques.

Macacos selvagens aterrorizam japoneses - macacos selvagens 1
Imagem: Reprodução

Eles gostam de contato físico uns com os outros, principalmente nos primeiros meses de vida dos filhotes. A gestação dessa espécie dura em média seis meses e gera apenas um filhote por vez. Ao atingir a idade de dois anos os pequenos macacos devem decidir que rumo irão tomar. Geralmente, os machos se afastam em busca de outra comunidade, mas as fêmeas permanecem na que nasceu.

Ações que promovem a preservação desses animais é comum no Japão, visto que por conta do desmatamento o habitat desses animais ficam comprometidos. Isso faz com que os macacos selvagens estejam com risco de extinção.

O que você faria se morasse em uma região próxima desses bichinhos?

Compartilhe Este Artigo:


Deixe um comentário