Transliteração do Japonês para português: Tokyo ou Tóquio? Anime ou Animes?

ESCRITO POR

A forma de se ler palavras japonesas tem sofrido alterações ou transliteração para o português. A transliteração é quando se pega uma palavra e reconstrói a leitura dela para uma forma mais fácil de entender no Idioma. Isso pode ser ruim, e pode ser bom, neste artigo gostaríamos muito da opinião de vocês leitores.

Tokyo ou Tóquio

A palavra original Tokyo ao ser traduzido para o português virou essa bizarrice “Tóquio” ao ser transliterada, a palavra 東京 já foi transliterada para o romaji e ainda foi transliterada novamente para o português, e um grande número de sites preferem escrever Tóquio ao manter o nome original em japonês. Para você pode parecer algo normal, mas para os estudantes de linguá e cultura japonesa, isso pode ser algo desagradável.

Há muitas outras transliterações mais bizarras, veja alguns exemplos abaixo de palavras sendo transliteradas 3 vezes:

JaponêsRomajiPortuguês
芸者GeishaGueixa
着物KimonoQuimono
都京QuiotoKyoto
カラオケKaraokeKaraokê
日本Nihon/NipponJapão
空手KarateCaratê
神風KamikazeCamicaze

Não é fácil lembrar de todas as palavras, e realmente acabamos aptando com essa transliteração. Felizmente existem transliterações que mantém a forma original do romaji como: sashimi, sukiyaki, sushi, tempura e etc.

O Plural no Português –  Anime ou Animes



Muito de vocês sabem que palavras em japonês não tem plural com “S” em palavras comuns.  Ou seja, não existe palavras como animes, mangas, doramas. Mas o português insiste em usá-las para evitar confusão na leitura. Realmente 99% dos sites usam o plural em palavras japonesas deste tipo. O certo ao escrevermos, caso queiramos manter a integridade do japonês seria usar os anime, os manga.


 

Isso tem virado assunto de discussão na parte interna da equipe do site, eu pessoalmente não vejo diferença e não acho que colocar a letra “S” no final das palavras anime em manga, em um site em português seja um problema. E você? O que acha disso? acha errado escrever usando o plural mesmo que 99% dos sites fazem isso? Qual a sua explicação com respeito a este assunto?

Eu pretendo manter minha integridade usando Tokyo invés de Toquio. Mas em palavras com plural, eu acho que fica realmente confuso para os leitores que não tem conhecimento na linguá japonesa, então pergunto a opinião dos leitores que são a mais importante, devemos escrever os artigos com ou sem plural? “Os anime” ou “Os animes”?

Compartilhe Nosso artigo:

11 comentários em “Transliteração do Japonês para português: Tokyo ou Tóquio? Anime ou Animes?”

  1. Sobre “Tokyo” e Tóquio, é gramaticalmente correto usarmos a palavra Tóquio quando estivermos escrevendo em português. Se você quiser usar a palavra “Tokyo”, terá de destacá-lá, pondo-a em itálico ou entre aspas, a fim de destacar que se trata de uma palavra estrangeira.
    Isso acontece pelo fato de o português, enquanto língua, defender sua soberania nacional. Ou seja, se alguém usar uma palavra estrangeira enquanto tem uma opção na língua portuguesa, essa pessoa estará cometendo um vício de linguagem chamado estrangeirismo.
    Neste caso, especificamente, a pessoa estaria cometendo um outro vício de linguagem, o barbarismo, que seria errar a grafia de uma palavra da língua portuguesa.
    Sobre a palavra animê, ela é escrita com acento língua portuguesa (agudo em Portugal, circunflexo no Brasil). Uma vez que essa palavra faz parte do português, eu acredito que ela tenha de seguir as regras gramaticais do português, tendo o seu plural com um “s” no final.

  2. eu não gosto disso, mas como traduzo coisas de jogos aqui e ali, sei que as vezes é necessário para fazer melhor sentido uma adaptação mais radical. Mas não gosto de fazer isso com nomes próprios e comida, exemplo e traduzir Takoyaki como Bolinho de polvo, ja que eu vejo que isso seria errado, mesmo não sendo um nome próprio. Isso é minha opinião; Mas sempre me perguntei porque a gente falava Japão ao invés de Nihon.

    Eu acho justo o uso de plural, ja que estamos escrevendo para o publico nacional acho que isso faz a pessoa entender que terão mais de um ou que estamos falando de modo geral. Mas sinceramente não vejo problema com nenhum deles, tanto Tokyo, Toquio, Japão. Nihon… O que importa e conseguir se comunicar bem.

  3. Chamar o país de Japão ao invés de Nippon não é errado, pois se fosse assim teríamos que dizer “United States” ao invés de “Estados Unidos”, “Deutschland” ao invés de “Alemanha”, “Bharat” ao invés de “Índia”, “Côte d’Ivoire” ao invés de “Costa do Marfim”, etc. O mesmo vale pra Tóquio, assim como London virou Londres, Stockholm virou Estocolmo, Moskva virou Moscou, etc.

  4. Os japoneses fizeram a transliteração da escrita japonesa para os caracteres latinos com base no inglês, portanto não existe transliteração para o português.
    Quando o fazemos será por puro patriotismo.

Comentários do site