Takayama Matsuri (高山祭り), um dos festivais mais famosos do Japão.

ESCRITO POR

Inscreva-se para baixar nossos livros e receber contéudo exclusivo

A pequena cidade de Takayama fica nas montanhas, noroeste de Tokyo e nordeste de Kyoto. Takayama é famosa pelo seu distrito histórico e pelo Takayama Matsuri, um festival que acontece duàs vezes por ano, na primavera (Sanno Matsuri, dias 14 e 15 de abril) e no outono (Yahata Matsuri, dias 9 e 10 de outubro).

O Matsuri (festival) de Takayama é considerado um dos três mais bonitos do Japão, começou no século 16 e atrai visitantes do país inteiro (e estrangeiros também).

Por causa disso, o viajante tem que reservar hotel com bastante antecedência, porque a oferta de hotéis nessa cidade é bem limitada e ficam todos lotados nos 2 dias do festival. Opções para quem não consegue ficar na cidade são as vizinhas Furukawa e Gero Onsen.

Takayama matsuri (高山祭り), um dos festivais mais famosos do japão.

Como chegar ao Takayama Matsuri?

Não tem trem direto de Tokyo até lá, o viajante primeiro tem que ir à Nagoya e então pegar um trem bala até Takayama, a viagem dura entre 4-5 horas no total.

A partir de Kyoto existe um trem expresso para Takayama, que faz a viagem também entre 4-5 horas, (cuidado para não pegar um trem que vai parando e demora muito mais).

Outro ponto importante a ser lembrado: o clima! Como Takayama fica nas montanhas, é bem mais fria que as demais cidades no nível do mar – abril de 2006, ainda tinha resto de neve nos campos e a temperatura estava na faixa de 5 graus.

Aconselho comprar luvas e gorro na cidade, senão pode acabar morrendo de frio, principalmente à noite, quando acontece o desfile dos carros alegóricos no primeiro dia do festival.

Takayama matsuri (高山祭り), um dos festivais mais famosos do japão.

Atrações de Takayama Matsuri

As atrações do festival são os carros alegóricos (yatai), que são patrimônico cultural do Japão, e nesses dias ficam expostos nas ruas da cidade (em caso de chuva eles são expostos em suas “garagens” em diferentes pontos da cidade.

Os carros nas ruas, são realmente fantásticos: todos esculpidos em madeira ou metal, laqueados, pintados nos mínimos detalhes e com enfeites folheados a ouro. São mesmo tesouros móveis, cada um tem centenas de anos e são o orgulho dessa cidade-artesã.

Os carros alegóricos do festival de primavera são diferentes dos de outono, são 12 na primavera e 11 no outono (segundo os sites e guias de viagem). No final do dia, às 18h30, começa a procissão noturna, com os carros alegóricos iluminados por lanternas e carregados pelas ruas da cidade, e crianças acenando no topo dos carros.

Alguns dos carros têm música própria, e em outros adultos e crianças tocavam flautas (em cima do carro ou andando na frente e atrás). O desfile noturno só acontece na noite do primeiro dia de festival, se não estiver chovendo.

Takayama matsuri (高山祭り), um dos festivais mais famosos do japão.

No segundo dia a programação é a mesma, com exceção do desfile noturno: os carros ficam expostos nas ruas durante o dia, tem os shows dos bonecos em dois horários diferentes (manhã e tarde) e a procissão diurna (no primeiro dia o altar é levado do templo para um outro local, e no segundo dia ele volta para o templo, encerrando as festividades).

Se você visitar Takayama fora dos dias do Festival, pode ver alguns dos carros alegóricos no Yatai Kaikan, que é um salão especial para mostrar 4 dos 25 carros durante o ano (os carros não são sempre os mesmos, eles trocam algumàs vezes por ano).

Takayama matsuri (高山祭り), um dos festivais mais famosos do japão.
Compartilhe com seus Amigos!

Comentários do artigo

  1. [Muito obrigado por ler NOSSO artigo,] (primeira pessoa do plural)
    [ESPERO que você tenha gostado.] (Primeira pessoa do singular) Deixe também suas opiniões e dicas sobre esse assunto. [EU agradeço de antemão seu comentário e compartilhamento!] (primeiraor pessoa do singular)

    Quando li esse texto logo percebi algo estranho… e realmente! Você usou a primeira pessoa do plural no início so texto e logo após continuou o mesmo usando a primeira pessoa do singular. Achei incoerente :/
    Tive uma visão bem critica sobre isso. É que pela lógica, se começou usando a primeira pessoa do plural, teria que seguir a mesma linha de raciocínio! E então o texto ficaria assim:

    Muito obrigado por ler nosso artigo, esperamos que você tenha gostado. Deixe também suas opiniões e dicas sobre esse assunto. Nós agradeço de antemão, ou (Agradeçemos de antemão) seu comentário e compartilhamento!

    Além disso, notei um certo exagero nos agradecimentos finais! Está muito apelativo, muito “certinho” e extenso… tem que ser algo mais curto e que o interlocutor não perderá o interesse!
    No lugar de “agradeçemos de antemão o seu comentário.”
    Eu colocaria: “agradecemos aos comentários e compartilhamentos.”

    quando for escrever uma matéria, pesquise por outras grandes fontes, perceba um pouco como é feito o agradecimento ao fim de uma notícia publicada por alguém… você não vai copiar, é claro! Escreva algo seu. Mas de um modo menos extenso e mais expressivo.
    Seus seguidores não te mandam esse tipo de critica, talvez nunca mandaram… talez o seu blog não chame antençao para outros pontos (como o da maneira que você escreve) então, eu tenho certeza que ninguém notou o seu erro de pessoa gramatical.
    Mas eu gostaria muito de fazer essa crítica construtiva pra você. Creio que vá te ajudar a melhorar e a ter mais cautela em seu modo de escrita.

    E sobre o takayama matsuri!
    Essa matéria eu já conheço e ela foi publicada por outra fonte bem antes desta, além disso…Tem informaçôes erradas sobre o takayama matsuri.

    Responder
    • Obrigado pela critica dos comentarios finais. Vou ver o que faço quando chegar do Japao… Sobre o artigo, foi escrito a muitos anos atrais por alguem que nem faz mais parte da equipe… Irei revisar futuramente.

Comentários do site