Entendendo um pouco dos suicídios no Japão


Post by //

O suicídio no Japão tornou-se um importante assunto de discussão pelo mundo, o Japão NÃO tem a maior taxa de suicídio do mundo como as pessoas acham, o Japão esta em 7º do Ranking, 18 pessoas a cada 100.000 habitantes tiram sua vida por ano, totalizando aproximadamente 20.000 a 30.000 suicídio todos os anos. Em 1º está Lituânia com 31 suicídio a cada 100.000 habitantes. Qual o motivo de tanto suicídio? Será que é porque o Japão não tem alegria e satisfação? Vamos tentar entender sobre isso neste pequeno artigo.

A visão geral do mundo sobre os suicídios no Japão é associar isso com a insatisfação na vida, afirmando que os japoneses não são felizes. Mas se isso fosse realmente verdade? Se os japoneses não fossem realmente felizes? esse número de 18 suicídios para cada 100.000 habitantes não esta pequeno demais? Isso é menos de 0,1% da população, então de forma alguma devemos colocar a culpa na cultura e vida que os japoneses levam.

Realmente, o Japão sofre de problemas sociais, excesso de trabalho e timidez, tudo são fatores que contribuem para que a pessoa tire sua vida. Vamos examinar isso mais a fundo:

Motivos para se suicidar

Os japoneses se suicidam facilmente por motivos considerados tolos, como:

  • Levar o fora de uma garota.
  • Levar chifre da esposa.
  • Perder o emprego.
  • Não passar no vestibular.
  • Bullying escolar.
  • Perda de um ente querido.
  • Isolamento  social/tecnológico.
  • Problemas financeiros

E outros diversos fatores particulares, como a depressão, dificuldades para se relacionar, sentimentos de fracasso. Alguns provavelmente deve imaginar que isso são fatores completamente irrelevantes para perder a vida. Será? Mesmo que você pense assim, devemos entender um pouco a cultura dos japoneses.

  • A morte no Japão é considerada como uma passagem para outra existência, devido à influência do budismo.
  • Desde os tempos antigos, o ato de suicídio era comum entre os samurais como um ato de honra, e era chamado de Seppuku. (leia mais…)
  • Os 神風 (kamikaze) iam se matar na guerra, alguns com orgulho, honra, sem nenhum remoço.

Notamos que ao longo dos anos a influencia cultural e os acontecimentos contribuem para um País suicida. O Japão não tem uma influencia grande do cristianismo, então lá o suicídio não é considerado um pecado. Na verdade, alguns encaram o suicídio como uma forma de assumir responsabilidade por alguma coisa”.

O Suicídio é culpado pelo maior número de mortes entre os jovens de 20 a 40 anos, e possivelmente de alguns idosos que acabam morrendo sozinho em casa. Realmente entender o motivo principal do suicídio no Japão é algo complicado, não temos a mesma mentalidade dos japoneses, de qualquer forma, NUNCA encare o suicídio no Japão de forma generalizada.

E na sua opinião? O que tem a comentar sobre este assunto?

[Total: 2 Nota: 3]
Por Favor! Compartilhe Nosso artigo:


4 comentários sobre “Entendendo um pouco dos suicídios no Japão

  1. “Perder o emprego.
    Não passar no vestibular.
    Bullying escolar.
    Perda de um ente querido.
    Isolamento social/tecnológico.
    Problemas financeiros”

    “Você provavelmente deve imaginar que isso são fatores completamente irrelevantes para perder a vida. Realmente são, mas temos que entender um pouco a cultura dos japoneses.”

    Esses motivos pra cometer suicídio são normais aqui no Brasil também. E em qualquer outro lugar. A diferença entre o Brasil e o Japão é o quanto a sociedade liga pra perfeição, fora a cultura, em que os brasileiros consideram o suicídio como um pecado, e os japoneses veem o suicídio como algo bom.

    Eu tenho depressão e me senti completamente desrespeitado pela sua afirmação. Alguns desses motivos são motivos meus também, pra desejar suicídio todos os dias.

    Você já sofreu bullying? Já se sentiu obrigado a se isolar de todos que você ama? Foi criado ou conhece alguém que foi criado em uma família extremamente conservadora, perfeccionista, que te lincha por ter perdido o emprego, ou por não ter passado no vestibular, ou por estar ruim de dinheiro?

    Pra você isso realmente pode parecer pouca coisa, que bom, porque você não tem que passar pela tortura emocional que eu e milhares de pessoas no mundo inteiro passamos, é um privilégio. Mas se for falar de uma coisa pela qual você não passou, principalmente um assunto tão delicado quanto suicídio, pelo menos tenha um pouco de empatia, cara, se informe.
    Não tô pedindo pra você falar que se a pessoa perdeu o emprego, por exemplo, ela tem que se matar, já que seria “um bom motivo”. Tô pedindo pra você compreender e ter respeito por quem passa por uma luta diferente da sua. Li também os textos “mentiras generalizadas que falam sobre o Japão” e “o lado negro do Japão”, e eu realmente não senti nem um pingo de respeito da sua parte (fora que os textos são muito extremistas e contraditórios). Nunca mais pesquiso sobre esse tipo de coisa nesse site (mesmo que eu saiba que não vai fazer falta, já que eu sou só um entre sei lá quantas pessoas que leem isso).

    Enfim, saiba que eu com certeza não sou o primeiro e nem o último a se decepcionar com a falta de sensibilidade em relação a esses tópicos.

    • Escrevi esses artigos muitos anos atrás, no começo do site (2015), realmente sem experiencia com as palavras ou sensibilidade… Agora mudei levemente as palavras para parecer mais aceitável… Mas, eu tb sofro tudo isso que você citou e mais, sou odiado pela sociedade, ninguém me ama… Posso ter coisas que muitos almejam mais não sinto a felicidade… Minha família sempre foi super protetora, sempre sofri bully no colégio a ponto de ter abandonado o ensino médio no segundo ano (a preguiça tb ajudou). Fico o dia preso em casa porque realmente não vejo nada de divertido lá fora nessa sociedade cheia de pessoas egotistas e sem educação.

      Só não posso afirmar que tenho depressão, pq isso é algo complicado de definir… Mas sinto um vazio na minha vida que precisa ser preenchido… Mas mesmo assim, mesmo que eu tenha vontade de me suicidar, mesmo que eu tenha tentado me suicidar… Ainda considero essa opção algo estupido!

      Não vou mudar minha opinião que tirar a vida por qualquer motivo que seja, é algo estupido! E por experiencia, conheço pessoas que sofrem de depressão forte, que tem uma vida social boa, tudo que eu invejo, mas do nada, num dia normal, tenta se suicidar… Essa pessoa compartilha a mesma ideia minha, de que essa atitude de se matar é algo estupido, que não existe motivos validos, e que a atitude que a depressão fez ela tomar foi algo vergonhoso pra ela.

      Claro que cada pessoa tem uma sensibilidade diferente, e pode se ofender ao criticar o suicídio… Mas encarar o suicídio como algo idiota e não como uma saída, já deve sim ajudar a pessoa a evitar esse caminho! Por isso não tenho vergonha de chamar a pessoa que desiste da vida, de fraca! Eu mesmo sou fraco tanto fisicamente, como mentalmente, mas não tenho vergonha de falar, porque os fracos podem se tornar fortes! Basta não desistir e sempre ter apoios… O mundo é dos inteligentes e não dos fortes! Podemos ser muito bem fracos mais inteligentes… A pessoa inteligente se esforça ao máximo, mesmo com a depressão. Não sei porque você está tentando defender o suicídio… A pessoa pode ser o forte que for, realmente a depressão pode acabar levando a pessoa a essa opção…

      Eu me chamo de idiota toda vez que cometo um erro que luto fortemente pra não cometer… Não vejo problema nisso!

      ———

      Agora se vc n entendeu a premissa daqueles 2 artigos de mentiras generalizadas e lado negro… Cada artigo é o oposto do outro… Eu expliquei isso no começo e falei pra pessoa raciocinar que existe algo chamado RELATIVIDADE! O lado negro do Japão nem foi eu que escrevi, foi uma japonesa que num curtiu meu texto de mentiras generalizadas e fez um contra ataque. Eu apenas revisei, o texto era pior do que tava…

  2. Falta de comunicacao, mania de perfeicao, influencia do budismo que a morte e a passagem pra outra existencia, timidez, excesso de cobranca, rigidez, falta de liberdade pra se expressar, a cultura do seppuku, que quando vc tem um pequeno fracasso vc tem que se matar por honra , depressao, dificuldade de se relacionar por causa tambem do mundo digital que isola ainda mais as pessoas.

  3. Hoje conversamos sobre suicídios japoneses na aula de Geografia. Segundo minha professora, ela explicou que o Japão tem mania de perfeição, e que os japoneses se cobram muito em geral. Ela disse que eles não aceitam erros, e que ao menor sinal de fracasso se suicidam, dando uma demonstração de honra e coragem, não querendo ceder ao fracasso.

Comentários do site