3 hobbies japoneses que todos deveriam experimentar!


Post by //

Todos precisam de um hobbie. E a medida que meu tempo residindo no Japão aumenta, sinto que vou largando cada vez mais o meu lado brasileiro e criando cada vez mais costumes japoneses. Isso inclui deixar de assistir TV, jogar futebol e gastar horas em redes sociais zuando. Passei a experimentar hobbies japoneses, passei a amar leitura de livros e até mesmo a praticar a arte da meditação.

Mas existem 3 hobbies exclusivos do Japão que roubaram meu coração. Decidi colocá-los em um vídeo, espero que gostem.

Como dito no vídeo, ocorreram problemas na câmera, grandes partes se perderam. Mas pra compensar vou contar como foi minha primeira vez no Onsen e em seguida mostrar fotos dos lugares que falei.

A minha primeira vez no Onsen

Estava com dor nas costas pois havia passado a semana inteira estudando sentado pra uma prova de proficiência. Um amigo japonês junto com um brasileiro me chamaram para ir no Onsen, disseram que ia ajudar. Confesso que não sou fã de ir no médico e tomar remédios, mas a dor estava incomodando e decidi experimentar.

Assim que entramos, senti um cheiro bem gostoso de incenso perfumado já na entrada. O que me fez inconscientemente sorrir, tiramos nossos sapatos e entramos. Até aí tudo bem, o baque veio quando entramos no vestiário. Cheio de homem pelado! Eu nunca imaginei que iria me sentir tão desconfortável na frente de tanto homem!

Mas já havia pagado, então coloquei na minha cabeça que eu ia entrar de qualquer jeito! Pra minha sorte, eu sou praticamente cego, então foi só tirar o óculos pra não ver aquela cena e me esforçar o máximo pra não esbarrar em alguém.

Entrando na área das águas termais, fui tomar banho. E até aí tudo bem. Depois entrei em uma banho com a água a 38º, bem agradável. Tinha hidromassagem e eu coloquei na minha cabeça que ia ficar lá de olhos fechados esperando vir o alívio da dor.

Passados 10 minutos, meu amigo me diz pra ir em uma banheira que ficava no canto da área de banho. Ele disse que ali eu iria encontrar alívio. Ingênuo e sem conseguir ler nada fui entrando na banheira, no que sentei dei um grito: “Ahhh!” e pulei da banheira.

Enquanto eu estava sem entender, meu amigo rindo me explica que aquela banheira faz massagem usando pulsos elétricos, ou seja, UMA BANHEIRA QUE DÁ CHOQUE!

Velhinhos gostam dessa banheiras e eu não sei porque. Tentei ficar 1 minuto e pensei que ia morrer. Meus orgãos pareciam se contorcer por dentro.

Passado esse sufoco inicial, e 30 minutos de pura vergonha, comecei a experimentar os banhos, em seguida fui na área externa. E aí vi que não existe nada tão relaxante quanto Onsen aqui no Japão. As áreas externas costumam ficar no meio do mato e a paisagem é belíssima. Ótima pra meditação e relaxamento.

A temperatura ambiente era de 6º, mas dentro de algumas piscinas a temperatura era de 43º, o que tornou a experiência mais interessante ainda. Sentir vento gelado no rosto e mesmo assim suar de calor é bem divertido.

Depois foi só me enxaguar, enxugar, fazer alongamento e dormir como um bebê porque minha dor nas costas havia acabado!

O que dizer do Karaoke e do Spocha?

A experiencia em um Onsen é uma das coisas mais empolgantes que qualquer pessoa ocidental possa ter no Japão. Agora no caso do Karaoke e do Spocha são coisas que já temos um breve conhecimento.

No caso dos Karaoke do Japão, você pode cantar com amigos, ter bebidas a vontade, escolher uma infinidade de músicas e ficar em salas de diferentes tamanhos.

No caso do Spocha as opções de diversões são infinitas por isso já escrevemos um artigo falando sobre esse assunto que você pode ler clicando aqui.

Obrigado por lerem e até a próxima. Fiquem á vontade para fazer pedidos e sugestões.

[Total: 1 Nota: 1]
Por Favor! Compartilhe Nosso artigo:


Comentários do site