Cultura / Festivais e Tradições / Japão

Kimodameshi – O teste de coragem

Kimodameshi – O teste de coragem

Você sabe o que é Kimodameshi (肝試し)? Kimo (肝), significa fígado e dameshi (試し) significa “teste”. Porém, é comumente conhecido como “Teste de coragem”. No Japão, o fígado neste caso, pode se referir a frase “Kimo ga Suwaru”, que seria algo como, demonstrar sua coragem ou mostrar-se corajoso.

Kimodameshi pode ser considerado uma brincadeira de criança, mas de fato, os adultos também brincam, e até sentem medo como seus filhos ou crianças próximas a eles, normalmente é feito durante o verão, no festival de Obon, em agosto. A data pode ser considera especial para o teste, pois dizem que durante o festival, os mortos ou espíritos, retornam para este mundo, afim de visitar seus parentes e entes queridos.

É muito simples brincar no Kimodameshi. Os participantes lançam um desafio, normalmente visitarem locais abandonados e que tenha rumores de haver aparições, fantasmas, entre outros eventos paranormais, e ganha quem permanecer mais tempo no local.

Normalmente em animes, os personagens brincam de kimodameshi para unir casais, ou seja, os personagens vão de dois em dois, pra quem sabe surgir um romance.

Onde surgiu o Kimodameshi

O Kimodameshi, como quase todas as lendas e práticas japonesas, não possuem uma origem certa, mas existem duas histórias que podem dar uma ideia de onde surgiu.

A primeira é que teria surgido no final do período Heian, durante o reinado do Imperador Shirakawa (1073-1087) por causa de um livro chamado “O-kagami” (大 鏡; “Grande espelho”), escrito por um autor desconhecido.

O livro conta a história dos três filhos de Fujiwara Kaneie. Na história, os 3 filhos se desafiam para ver quem tem mais coragem de ir a uma casa próxima conhecida por ser a casa de um Oni (demônio).  A história relata que as 3 horas da manhã é o horário de portais espirituais se abrirem e aparecer diversos demônios e fantasmas.

Não se sabe se é uma lenda ou uma história real, mas dizem que pode ter sido criada pelos samurais como uma maneira de treinar seus filhos contra o medo.  Os samurais do período Edo também brincavam de contar histórias de terror reais, a brincadeira era conhecida como “As 100 histórias de fantasmas” (百物語怪談会 – Hyaku monogatari kaidankai).

Como se brinca de Kimodameshi?

Não existe regras no Kimodameshi, mas claro que elas podem ser impostas antes de começar, a forma de brincar varia de região em região, claro que o objetivo sempre será o de dar um bom susto, a brincadeira pode ser armadora, onde um grupo de amigos se juntam para desafiar uns aos outros ou pode ser um evento escolar ou familiar, com regras e com bastante participantes.

Normalmente, o primeiro contato que os japoneses têm com o Kimodameshi, é em acampamentos ou eventos escolares. Nos eventos escolares, é normal os professores e voluntariados se vestirem com trajes de monstros, fantasmas e se esconderem em lugares estratégicos, objetos também podem ser usados, como caveiras, e afins.

No original, a criançada se junta em locais, como cemitérios, santuários, túneis, casas abandonadas e assombradas, parques ou edifícios, sendo o desafio feito em duplas ou individualmente. Eles vão à noite no local marcado, para que todos sintam medo, o dono da brincadeira costuma deixar objetos espalhados nestes locais, e você terá o objetivo de pegar os objetos, como prova de que passou no lugar.

Foto de perfil de Leonardo de Paula
Sou um estudante, mas dedico boa parte do meu tempo no aprendizado de Japonês e ao Suki-Desu. O Japão é o meu lugar ideal, pela sua cultura e idioma. Eu também curto animes, mangás, jogos, entre outros.

Senha perdida

Register

Bem vindo ao Suki Desu!

Olá aqui é o Kevin administrador do site e gostaria de convida-lo apenas uma vez a curtir nossa página do Facebook e convidar a conhecer o Japonês Expresso. Estamos sempre preparando conteúdo do Japão para você!

Conheça o novo curso de japonês expresso clicando aqui.