Explorando Locais / Japão / Outros

7 Bairros mais perigosos do Japão

7 Bairros mais perigosos do Japão

O Japão é um país seguro. Seus índices de criminalidade são geralmente baixos. No entanto, o Japão tem alguns bairros perigosos e algumas raras favelas. Neste artigo vamos falar sobre os 7 Bairros mais perigosos do Japão.

Muitos dos bairros abaixo são perigosos pelo fato de haver muitas atrações turísticas, moradores de ruas, estrangeiros, yakuza e locais de prostituição.

Só quero deixar claro que não existem motivos para evitar alguns locais abaixo, o nível de criminalidade no Japão é baixíssimo. A taxa de roubo é de 1 pessoa para cada 100.000 habitantes enquanto no Brasil é de aproximadamente 700 para cada 100.000 habitantes. Não é necessário ter medo desses bairros, o artigo apenas apresenta os bairros onde mais acontecem ocorrências policiais. 

1. Kabukicho, Tóquio

Kabukicho é o maior distrito da luz vermelha do mundo (Locais onde tem sexshop, motéis, boates e prostituição). É o lar de milhares de restaurantes, karaoke, clubes e bares. É também o lar de uma grande variedade de estabelecimentos do submundo que atraem esquisitos e bandidos em massa. É o tipo de bairro onde é comum ver a polícia de choque caminhando casualmente na rua. A maioria dos visitantes não veem nenhum problema em ir aos restaurantes e bares deste bairro, mas evitam morar nele.

polícia de choque em Shinjuku

2. Kamagasaki, Osaka

Kamagasaki (também conhecido como Airinchiku) é a maior favela do Japão. É o lar de um grande número de desabrigados e desempregados. Nos últimos anos, Kamagasaki ficou popular entre os jovens turistas estrangeiros atraídos por acomodações baratas na área. Moradores de Osaka evitam o lugar dizendo que é perigoso. Kamagasaki tem uma história de grandes tumultos (protestos contra maus-tratos por parte da polícia). Vários grupos do crime organizado (Yakuza) mantêm seus escritórios nesta área. Kamagasaki é o tipo de bairro onde a polícia não passa seu tempo dando multas de transito.

Kamagasaki em Osaka. Cortesia da Wikipedia (usuário: Kounosu) CC BY-SA 3.0


3. Roppongi, Tóquio

Roppongi é um bairro residencial e de escritórios de alto padrão de Tóquio, que é também o lar de uma área de diversão noturna infame. Os EUA já emitiram alerta aos turistas para evitar esse local, porém o perigo é só a noite em bares, clubes e boates, onde muitos estão embriagados. É possível acontecer aqueles ataques de tarados, e até sequestros.


4. Shinsekai, Osaka

Em 1912, Shinsekai foi o bairro mais moderno e cosmopolita do Japão. Ele foi modelado como as ruas de Paris e inclui um grande ultramoderno parque de diversões (Luna Park). O Luna Park sofreu uma série de incêndios logo depois que foi construído e fechou por volta de 1923. A área ainda tem uma atmosfera carnavalesca, e é uma das atrações mais populares de Osaka. O bairro é preenchido com restaurantes baratos, lojas de souvenir e salas de pachinko. Apesar de sua popularidade com os turistas, alguns moradores de Osaka dizem que é uma área perigosa.

shinsekai


5. Susukino, Sapporo

Um local cheio de bares e atrações e isso atrai bandidos e pessoas estranhas. No entanto, Susukino é também o lar de um grande número de restaurantes e empresas normais. É também o local de muitos dos festivais de Sapporo, incluindo o Sapporo Snow Festival. Não há nenhuma razão para evitar a área (na verdade ele é considerado uma das principais atrações turísticas de Sapporo). Só esteja ciente de que não é o lugar mais seguro no Japão.

susukino


6. Nakasu, Fukuoka

Nakasu é uma das maiores áreas de entretenimento no Japão. Como Susukino, é uma grande atração turística, mas não é totalmente seguro.

Nakasu


7. Ueno, Tóquio

Ueno é o lar de muitas das melhores atrações de Tóquio, incluindo dezenas de museus, um grande parque e um jardim zoológico. O parque é popular entre os moradores de rua de Tokyo, isso pode ser um pouco perigoso. Há grupos da Yakuza nesse bairro, os japoneses não costumam visitá-lo a noite.

Ueno pregador

Foto de perfil de Kevin
Sou criador de conteúdo na internet, e web designer. Gosto muito do Japão e seu idioma, por causa de sua cultura rica e unica. Curto animes, doramas e jogos clássicos e desconhecidos.
  • Adalberto Santos

    Um boa matéria. As pessoas precisam entender que não existem países 100% seguros. Mas ainda assim o Japão ganha de longe de muitos outros países no quesito segurança.

  • Felipe Taka

    Morei por 2 anos em Shinjuku 6 cho-me, ao lado de kabuki-cho. Mas nunca vi nada demais lá, as vezes ouvia umas sirenes de ambulância e alguns bêbados perdidos!
    Roppongi via muita briga, ueno muito homeless e shinsekai era apenas uma rua muito movimentada com muitas lojas!

  • Leo Joao

    Acho interessante como o texto mostra que muitas vezes os turistas não vêem problema nos bairros, mas os japoneses vêem, isso mostra que estamos tão acostumados com a violência em nossos países que o que para nós é normal para eles é violento.

  • Marcelo Matsusaki

    pode apostar que se vc deixar seu carro com a chave na ignição em qualquer um desses bairros, vc tem a chanche minima dele ser roubado, mas nunca, jamais deixe seu passaporte a mostra… vai perder rapidinho

Senha perdida

Register

Bem vindo ao Suki Desu!

Olá aqui é o Kevin administrador do site e gostaria de convida-lo apenas uma vez a curtir nossa página do Facebook e convidar a conhecer o Japonês Expresso. Estamos sempre preparando conteúdo do Japão para você!

Conheça o novo curso de japonês expresso clicando aqui.